logo

Telefone: (11) 3024-9500

Saiba o que conhecer na enorme e linda Cidade do México! | Qual Viagem Logo

cidade-do-mexico-catedral

Saiba o que conhecer na enorme e linda Cidade do México!

20 de dezembro de 2016

Visitar a Cidade do México é ir para uma grande metrópole de mais de 10 milhões de habitantes (!!) e entrar em contato com a latente cultura Asteca (ou mexicas, como chamam os mexicanos).

A história de forma bem resumida: a cidade era conhecida como Tenochtitlán, construída em uma ilha no lago Texcoco, que aos poucos, foi sendo ampliada em formas de ilhotas construídas com a lama do próprio lago. A configuração da cidade, dizem os estudiosos, lembrava muito Veneza em proporções menores, claro.

O povo Asteca era tão incrível, que no século XVI Tenochtitlán foi, provavelmente, uma das maiores cidades do mundo. A capital tinha templos sagrados, escolas, mercados de troca, palácios, espaços esportivos e zoológicos.

Logo que os Espanhóis chegaram o Império foi praticamente destruído e logo iniciaram a reconstrução da cidade (com pedras astecas). A construção da Catedral do México é um marco da materialização da imposição social, cultural e religiosa europeia.

Hoje em dia é uma cidade caótica mas ao mesmo tempo fascinante. Muitos passam pela capital apenas para seguir viagem para o Caribe ou para os EUA. Mas, honestamente? Vale muito conhecer com calma a Cidade do México e fazer uma imersão cultural, experimentar uma mistura de cores, sabores, pimentas, cultura e realidade.

Onde Ficar na Cidade do México

A melhor região para se hospedar na Cidade do México , para mim, é a Zona Rosa. Ela está perto das principais atrações e o mais importante, tem metrô por perto. O trânsito na capital é grande e poder não ser seu aliado nos dias de visita. Por isso, levar o meio de transporte em consideração é crucial para otimizar sua viagem.

Me hospedei foi o Eurostars e adorei a estadia. Recomendo de olhos fechados e digo que o café da manhã é simplesmente MARAVILHOSO. Muitas opções, frutas variadas, grãos que ajudam na saciedade e são fontes de fibras, enfim, opções saudáveis ganham meu coração. 😉

Outras sugestões de bairros para se hospedar: Condea, entre o Centro Histórico (Zócalo), Polando e Chapultepec. Lembre-se que a Cidade do México é ENORME  e a zona turística é limitada. Fique nesses arredores que estará bem localizado.

O que fazer

Se você tem apenas 1 dia ou algumas horas antes de um voo e outro, corra para o Centro Histórico de metrô, descendo nas estações de Zócalo ou Bellas Artes. Claro que o passeio dependerá do seu tempo, mas já cito as principais atrações para aqueles que irão passar mais de 1 dia na capital.

1º Dia

Nos arredores de Zócalo você encontra:

Catedral Metropolitana

idade-do-mexico-catedral

idade-do-mexico-catedrall

Palácio das Bellas Artes

Lindíssimo! Com obras de Picasso, Kandinsky, Octavio Paz (poeta mexicano que fiquei APAIXONADA) e os belíssimos e enormes murais de Diego Rivera, marido de Frida Kahlo.

cidade-do-mexico-palacio

El Templo Mayor

cidade-do-mexico-templo

Restaurante e Mirante da Torre Latinoamericana

cidade-do-mexico-vista

Casa dos AzulejosSanborns. Se puder, almoce por lá. Além de ser revestido com azulejos, a comida local é maravilhosa.

A noite você pode dar uma passada na Plaza Garibalde, também no centro, para conhecer os mariachis, grupos de músicos que fazem serenatas para os turistas. Se preferir comer em locais não tão turísticos, dê uma caminhada pela Zona Rosa, lá você encontra muitas opções e para todos os gostos.

2º Dia

Será o dia do passeio, aí você pode escolher entre: Pirâmides de Teotihuacan (até com passeio de balão); um tour pelos vulcões; passeio às cidades de Puebla, Choluta e Cuernavaca ou ainda um passeio de barco em Xochimilco.

Eu escolhi o passeio para as Pirâmides!

 

cidade-do-mexico-piramide

cidade-do-mexico-piramidee

Geralmente esses passeios são feitos com agência de viagem. Lembro que fechei o meu na recepção do hotel e tudo foi conforme combinado.

Chegando na região, paramos em um local que tinha o famoso Cacto Maguey Pulquero. Pense em uma planta que serve para tudo. Pensou? Pois bem, esse cacto faz isso tudo e um pouco mais. Fiquei CHOCADA!
Antigamente ele era muito utilizado pelo povo Asteca e depois pelo Mexicanos. Hoje em dia, infelizmente, não é tão fácil achá-lo por aí.

cidade do méxico cacto Veja do que essa planta é capaz: As flores do cacto são comestíveis; a folha pode ser  usada como sabão natural; o suco desse cacto é considerado um revigorante  natural e afrodisíaco; com a fermentação dele pode-se fazer bebida alcoólica; as  folhas do cacto podem ser usadas para escrever; parte da folha pode ser usada  como papel; a planta produz a famosa larva que acompanha algumas tequilas  locais; pode ser usada como tecido de roupa e para finalizar: faz linha para costura.  OI?!?!

 Juro pra você! Mil e uma utilidades!

 Enfim, seguimos para as pirâmides do Sol e da Lua, que eram pontos de adoração e oração aos deuses astecas.

Curioso é que os degraus das 2 pirâmides somam 365 (dias) e os 3 níveis delas com os 4 pontos desses níveis equivalem aos 12 meses do ano. Reza a lenda…. Mas é no mínimo curioso.

É de fato um passeio imperdível. Eu gosto de sentir o lugar, pensar em tudo o que já aconteceu ali e sentir a força dos tempos e da humanidade. Viagem minha…rs

Aproveite para subir as escadas no pique. Você consegue! rs Já fica como exercício do dia. 😉

Na volta você conhece a Basílica da Virgem Guadalupe, que na verdade são duas: a original, que está interditada por danos sísmicos, você até nota que ela está ligeiramente “torta” e a mais moderna, que foi construída nos anos 60.

Como o passeio dura praticamente o dia todo, quando voltar ao centro, pode caminhar pelo Paseo de la Reforma, que corta os principais bairros da cidade. Você encontra restaurantes, bancos, bosques, esculturas e conhece um pouco mais do povo mexicano.

3º Dia

Se você estiver na Zona Rosa, pode conhecer a Biblioteca Nacional e o Mercado de Artesania de la Ciudadela. Ótimo para presentes e artigos do México. Não se assuste com a quantidade de caveiras… para o povo mexicano elas representam a vida celestial, a celebração dos mortos.

Em seguida vá para Coyoacán, onde está o famoso Museu de Frida Kahlo. É uma visita imperdível pois o museu é literalmente na antiga casa da artista. Tudo está no seu devido lugar, você observa cada parte da vida da artista e de seu marido, Diego Rivera.

cidade-do-mexico-casa

cidade-do-mexico-casaa

Prepara-se apenas para a fila. Não tem jeito.

Saindo de lá vá até o Mercado de Coyoacán, ótimo para almoçar. Mas meu amigo, deixa eu te falar uma coisa.

Se você não gosta de pimenta ou não é muito chegado em comida ardida, não invente. Quando o povo mexicano diz que a pimenta é fraca, é aquela que você solta fogo pela boca! Juro. Quase tive um TRECO caindo nessa. Pimenta faz bem, como falo aqui, mas lá o negócio é sério! Só para os fortes.

Outra dica que pode te ajudar em países com comidas mais fortes e diferentes: limão!

Bom, saindo de lá vá para o famoso, enorme e lindo Museo de La Antropologia. Realmente não é a toa que é conhecido como um dos melhores museus do mundo.
Veja aqui!
É riquíssimo!

cidade-do-mexico-museo

Terminando sua visita, aproveite para conhecer os bairros de Polanco e La Condesa, que são separadas pelo Bosque de Chapultepec. O primeiro é lugar de gente com grana. Restaurantes, hotéis e lojas de luxo. Mas digo que encontrei a Cervejaria El Bairro que foi bem gostosa e nada caro, é só procurar.
La Condesa já é mais charmosa e democrática. Sentei no Café La Selva e foi bem agradável.

Ufa. Eu sei, são 3 dias de muita coisa, mas a Cidade do México é tão viva, grande e rica, que você fica animado para conhecer o máximo que pode.

Ah! Se você passar um sábado na Cidade do México, visite o El Bazar, uma feirinha de artesanato com lojas e cafés bem bacanas ao redor da praça San Jacinto. Eu amo feiras.. sou suspeita para falar.. :)

cidade-do-mexico-plaza

 

Saindo da capital fui para Playa del Carmem, caribe mexicano ao lado de Cancún! (post em breve!).

Se você prefere um roteiro já pronto, com reservas de hotéis, passagens e passeios comprados, venha aqui que seu problema estará resolvido!

Até mais!

 

Acompanhe mais novidades no Blog Leve na Viagem

 

*Fotos do arquivo pessoal – Luisa Galiza

Luisa Galiza

Comentários