logo

Telefone: (11) 3024-9500

Museu de Congonhas (MG) é dedicado a obras do barroco | Qual Viagem Logo

©UNESCO-Ana Lúcia Guimarães_Museu-de-Congonhas-interna-horizontal

Museu de Congonhas (MG) é dedicado a obras do barroco

5 de fevereiro de 2016

A cidade de Congonhas, a cerca de 80 km de Belo Horizonte, tem um dos museus mais modernos do país. É o Museu de Congonhas, inaugurado em dezembro do ano passado e instalado ao lado do histórico Santuário do Bom Jesus de Matosinhos. A cidade é famosa por reunir o maior conjunto de arte barroca mundial, com famosas obras de Aleijadinho, como as esculturas dos 12 profetas.

©WelersonAthaydes_BASILICA-BOM-JESUS

Foto por Divulgação / UNESCO / Ana Lúcia Guimarães

No museu, o visitante consegue mergulhar ainda mais na história do barroco e do Santuário e na arte sacra. É um grande espaço, com sala de exposições, instalações interativas, biblioteca, auditório, ateliê, espaço educativo, cafeteria e anfiteatro ao ar livre. Em pouco tempo de funcionamento, já é um ponto turístico importante de Congonhas. Em um mês, o museu recebeu 10 mil visitantes. O museu foi concretizado numa parceria entre a UNESCO no Brasil, o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Prefeitura de Congonhas e Santander.

Serviço

Alameda Cidade de Matosinhos de Portugal, s/n, Congonhas, Minas Gerais

De terça a domingo, das 9h às 17h

Ingresso: R$ 10,00 (inteira)

Entrada gratuita toda quarta, das 13h às 21h

Mais informações pelo telefone: (31) 3731-3979

Texto por: Agência com edição de Patrícia Chemin

Foto destaque por: Divulgação / UNESCO / Ana Lúcia Guimarães

Comentários