logo

Telefone: (11) 3024-9500

Cinco reservas e parques naturais do Alentejo | Qual Viagem Logo

Foto por Istock/ Rui T Guedes

Cinco reservas e parques naturais do Alentejo

31 de dezembro de 2020

Uma das características mais marcantes do Alentejo, maior região portuguesa, é a sua natureza. As paisagens de seu território não contam apenas com campos verdejantes e bucólicos e vinhas, mas também com trechos de rica fauna e flora, que foram transformados em áreas protegidas. Confira cinco delas!

Reserva Natural do Estuário do Sado

Foto por Turismo do Alentejo

Foto por Turismo do Alentejo

Esta reserva abrange a área onde o rio Sado deságua no Oceano Atlântico, e tem horizontes únicos de arrozais e dunas costeiras. Nesta parte do território alentejano, é possível ver golfinhos nadando livremente. A melhor maneira de explorar o local é caminhar, andar de bicicleta, passear de canoa ou velejar. O Cais Palafítico da Carrasqueira é o lugar certo para ver o pôr do sol.

Reserva Natural das Lagoas de Santo André e Sancha

Foto por FTSS

Foto por FTSS

Ao sul do Estuário do Sado, próximo à cidade de Sines, há esta reserva que tem águas doces e salgadas. A Lagoa de Santo André é a maior do litoral alentejano, sendo um ótimo lugar para praticar windsurfe.

Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina

Foto por Turismo do Alentejo

Foto por Turismo do Alentejo

São mais de cem quilômetros quadrados na costa portuguesa em um dos trechos de litoral mais preservados de toda a Europa. A paisagem é marcada por falésias e pelo azul profundo do mar, que oferece ótimas ondas para surfistas.

Parque Natural do Vale do Guadiana

Foto por Turismo do Alentejo

Foto por Turismo do Alentejo

Distante do mar, este parque tem como estrela o rio Guadiana, onde vale a pena fazer um passeio de canoa, e conta com nove trilhas diferentes. É nele que fica o Pulo do Lobo, uma impressionante queda d’água. Animais incríveis vivem no parque, como o lince-ibérico, o grifo e a águia-real.

Parque Natural da Serra de São Mamede

Foto por Victor Carvalho

Foto por Victor Carvalho

A Serra de São Mamede também fica no interior alentejano, mais precisamente no noroeste da região, próximo à fronteira com a Espanha. Alto e verdejante, o parque tem trilhas em meio a uma vegetação rica. O Pico de São Mamede é o ponto mais alto da serra e garante uma vista deslumbrante. Em meio ao parque fica Marvão, uma vila medieval protegida por muralhas que é cheia de charme.

Texto por: Agência com edição Eliria Buso

Foto destaque por Istock/ Rui T Guedes

Comentários