logo

Telefone: (11) 3024-9500

7 dicas para você se proteger na internet em 2021 | Qual Viagem Logo

Business, technology, internet and networking concept. Young businesswoman working on his laptop in the office, select the icon security on the virtual display.

7 dicas para você se proteger na internet em 2021

23 de novembro de 2021

Durante vários períodos longe de casa, é comum atualizar familiares e amigos sobre o andamento das viagens. Quem nunca mandou fotos ou vídeos, trocou mensagens ou ainda postou alguma informação e se preocupou com o quão seguros seus dados e informações estavam naquele momento?

É uma preocupação completamente plausível. Da mesma forma que nos protegemos no mundo físico em vários ambientes, também precisamos adotar algumas medidas para nos preservar no digital, já que estudos apontam 1,6 bilhão de casos de roubo de dados pessoais na internet.

As formas de burlar medidas de segurança vem evoluindo e estar por dentro não só delas, mas também de todas as ferramentas existentes para se defender, pode ser exaustivo e confuso.

Então para ajudar a ter noções de respaldo neste frenético ciberespaço, criamos um guia com 7 dicas que vão deixar seus aparelhos tão impenetráveis (ou quase) quanto o Forte Knox:

1. Cuidado com câmeras

Você não está no BBB. Realizar acesso remoto à sua câmera ou microfone, sem autorização, é mais simples e rotineiro do que se imagina. Então mantenha ambos bloqueados no seu computador, liberando-os somente quando for usá-los. Você pode usar ainda um pedaço de fita para tapar os dois, assim como Mark Zuckerberg.

2. Não repita senhas

Pode parecer óbvio, mas nosso dia a dia nos condiciona a usar as mesmas senhas de forma quase inconsciente, ainda mais considerando a quantidade de cadastros que fazemos em dispositivos diversos. Procure alternar as senhas e variá-las usando dígitos diferentes e especiais, letras maiúsculas e minúsculas, diversificando o padrão, dificultando o acesso para terceiros.

3. Aposte na verificação em duas etapas

Hoje a maioria dos aplicativos utilizam o sistema de autenticação em duas etapas, que além da senha no momento do login, utiliza-se outro aparelho ou meio para verificar a identidade de quem está tentando acessar a conta, como um sms ou e-mail. Sendo assim, não relute em usar esta função quando disponível.

4. Cuidado onde clica

Grande parte dos malwares e ameaças podem entrar no seu aparelho a partir de links que você acessa. Muitos podem não levantar suspeitas e até utilizarem um conteúdo polido, como um vídeo promo bem feito e com iscas que levam o usuário a clicar em links duvidosos. Se atente ao ícone de cadeado na barra de pesquisas, bem como sinais gerais de ilegitimidade do que está acessando.

5. Mantenha o antivírus atualizado

A mais antiga e tradicional forma para ficar bem protegido na internet, é manter o antivírus atualizado e sempre fazer varreduras, pois é um software bem completo e adaptável. Se puder investir em um software pago, é interessante pois existem garantias maiores de proteção. Mas, há também uma variedade de programas gratuitos à disposição na internet.

6. Contrate um serviço de VPN

Imagine que existe um túnel que criptografa todas as informações que você manda para a rede quando a acessa e vice-versa, não só te ajudando a se manter protegido, mas cobrindo seus passos na internet e te deixando “invisível”, tornando seu acesso irrastreável. Basicamente, a “Virtual Private Network” (ou Rede Privada Virtual) “escondem” seus rastros. De quebra, o cliente ainda consegue acessar conteúdos estrangeiros em streamings diversos.

7. Evite salvar dados de pagamento

Como fazemos mais compras online do que nunca, os navegadores e aplicativos hoje podem guardar seus dados de pagamento para agilizar o processo quando fizer alguma compra frequente, como passagens aéreas. No entanto, especialistas recomendam que não o faça, pois uma vez que um hacker consegue o acesso a seu aparelho, é como se aqueles dados estivessem desprotegidos em uma vitrine.

A internet pode ser um lugar incrivelmente informativo, porém é ao mesmo tempo excepcionalmente perigosa, de forma que todo cuidado acaba sendo pouco.

Cuidar de si no mundo digital não é complicado, basta estar antenado às novidades. Agora que conhece estas dicas, aproveite e coloque-as em prática para transformar seus dispositivos em verdadeiras fortalezas.

FONTES:

https://cbltech.com.br/blog/como-se-proteger-na-internet.html

https://www.techtudo.com.br/listas/2020/01/dia-da-privacidade-de-dados-sete-dicas-para-proteger-informacoes-online.ghtml

https://www.delphos.com.br/5-formas-de-proteger-dados-pessoais/

https://www.globalsegmg.com.br/8-formas-de-se-proteger-na-internet/

Foto destaque por: iStock / Urupong

 

Comentários