logo

Telefone: (11) 3024-9500

TORONTO: cidade multicultural | Qual Viagem Logo

184749475

TORONTO: cidade multicultural

4 de novembro de 2014

Não é à toa que na língua indígena o seu nome significa “Ponto de Encontro”. O resultado dessa atração é uma população com cerca de 80 grupos étnicos falando mais de 50 idiomas diferentes. Principal destino canadense, conta com mais de mil festivais culturais anualmente.

Por Roberto Maia.


Toronto é uma daquelas cidades que você se apaixona ao primeiro contato. Difícil entender isso no início, mas depois de pouco tempo os motivos vão ficando claros e até nos sentimos parte integrante dela. Não é por acaso que é considerada a cidade mais multicultural do planeta. Em uma região metropolitana com 5,5 milhões de habitantes – a quinta maior da América do Norte – vivem cerca de 80 grupos étnicos falando mais de 50 idiomas diferentes. Cosmopolita, vem atraindo o interesse dos turistas mundo afora. Em 2013, a capital da Província de Ontário – cujo nome significa “Ponto de Encontro” na língua indígena – bateu o recorde de visitantes estrangeiros, com um total de 1,42 milhão de pessoas sem contar os muitos visitantes dos Estados Unidos.

Está curioso para saber os motivos de tamanha atração? Fácil! Não bastasse ser muito bonita, segura, incrivelmente limpa e ter inúmeros atrativos, ainda conta com a cordialidade dos seus habitantes. Eis a fórmula perfeita para fazer sucesso no turismo. E Toronto alcançou a perfeição.

Localizada às margens do maravilhoso Lago Ontário, a cidade tem as quatro estações do ano bem definidas. O inverno como sabemos é muito rigoroso e o verão, em compensação, é bem quente. E é no verão que as maiores atrações de Toronto ficam lotadas. São as praias do lago localizadas nas Ilhas de Toronto, a quinze minutos de balsa do centro. As praias urbanas ficam muito animadas, principalmente no calçadão e nas pistas de bicicleta.

niagra falls

Niagara Falls, localizada a 130 km de Toronto, é uma pequena cidade onde a principal atração são as Cataratas do Niágara e suas três quedas. FOTO: NOTICELJ / ISTOCK / THINKSTOCK

O Ontario Place, moderno complexo de diversão, cultura e entretenimento é muito utilizado durante os dias de verão. Construído sobre três ilhas artificiais, às margens do Lago Ontario, conta com parque de diversões, cinema Imax, um parque aquático e outras atrações como minigolfe, barcos a remo e pedalinhos. Fechado desde 2012 para remodelação, o Ontario Place deverá reabrir ao público somente em 2016. É o caso também do Zoológico de Toronto, localizado no belíssimo Rouge Valley. Abriga mais de 5 mil animais de todo o mundo numa área de 2,8 milhões de metros quadrados, inclusive pandas gigantes, ursos polares e gorilas. Outro passeio imperdível nessa época do ano é visitar as famosas Cataratas de Niágara, distantes apenas pouco menos de duas horas de carro.

INTERCÂMBIO ATRAI BRASILEIROS

Conhecida por abrigar as principais universidades e escolas de inglês do Canadá, Toronto é atualmente a cidade no exterior que mais recebe estudantes brasileiros em busca da fluência no idioma. E não são somente os brasileiros que escolhem Toronto para estudar inglês. Estudantes de todas as partes descobriram que a cidade oferece a melhor relação custo-benefício, além de dispor de um variado leque de opções de lazer e entretenimento. São inúmeras as possibilidades de passeios, festivais culturais – mais de mil anualmente -, shows e exposições, além de festas badaladas, bares interessantes e restaurantes de todas as cozinhas.

O principal cartão postal e símbolo de Toronto pode ser avistado de todas as partes. É a imponente Canada’s National Tower, ou CN Tower, torre que recebe anualmente mais de 2 milhões de visitantes. Com tamanho equivalente a um prédio de 170 andares, tem 553 metros de altura e é a terceira mais alta do mundo. Se possível escolha um dia de céu claro e aberto. O visual é incrível. Possui quatro níveis para observação e, se tiver sorte, poderá avistar até as Cataratas do Niágara, na fronteira do Canadá com os Estados Unidos a 160 km de distância.

123

No EdgeWalk os corajosos podem caminhar pelo lado de fora da CN Tower, a 356 metros do chão, amarrado apenas a um cabo de aço. FOTOS: HTTP://TOURISMTORONTOIMAGEGALLERY.COM

360

O Horizons, um dos restaurantes da CN Tower, oferece uma vista espetacular da cidade e do Lago Ontário. FOTO: FRANCISCO PARDO

Apesar de parecer amedrontador, não deixe de pisar ou até colar o rosto no chão de vidro que há no local, a 342 metros do solo. Fique tranquilo, o vidro tem cerca de 7 centímetros e aguenta o peso de 13 hipopótamos juntinhos. As atrações da CN Tower incluem, ainda, o Skypod, o mais alto observatório, o restaurante giratório 360, o Horizons Restaurant, o Far Coast Café e o Edge Walk, passeio cheio de adrenalina pelo lado de fora da torre, em círculo e com as mãos livres. Esse é somente para os fortes. Se estiver nos seus planos jantar no restaurante 360, chegue antes do pôr do sol, assim poderá observar o visual da cidade durante o dia e também à noite. É bom não esquecer que o preço da subida já está incluído no jantar, desde que faça a reversa antecipadamente.

Quem estiver em forma pode optar por subir até o alto da torre pela escada com 1776 degraus. Considerada a escadaria mais longa do mundo, leva-se cerca de 40 minutos para chegar até o topo. Durante a noite, a CN Tower fica toda iluminada graças a um sistema computadorizado que produz milhares de cores e efeitos luminosos.

Depois da CN Tower, a Casa Loma é o segundo ponto mais visitado em Toronto. O castelo, que foi residência de um próspero homem de negócios, Sir. Henry Pellat, tem 98 cômodos e suítes decoradas com obras de arte de diversas partes do mundo. O mobiliário e os objetos de decoração são originais, transportando o visitante para um cenário real do início do século passado. Chama a atenção a cúpula de vitrais do jardim de inverno e o luxo do banheiro usado por Sir. Henr. Um dos cômodos, inclusive, dá acesso a uma passagem secreta. Na década de 1930, a propriedade foi colocada a leilão e acabou sendo comprada pela prefeitura.

Casa

Casa Loma tem 98 cômodos, além de uma biblioteca com mais de 10 mil livros, um luxuoso estábulo, jardim com fontes e até passagens secretas. FOTO: CANADIAN TOURISM COMMISSION (CTC)

CIDADE SUBTERRÂNEA E ATRAÇÕES HISTÓRICAS

É preciso fôlego para conhecer as atrações de Toronto. Entre elas, a rua mais comprida do mundo, a Yonge Street, com quase 2 quilômetros. Ou para conhecer os principais museus da cidade em uma lista que soma 125. Entre eles, o Royal Ontario Museum, com exposições sobre arte, arqueologia e ciências, e a Art Gallery of Ontario, que reúne desde obras da cultura Inuit (esquimó), do norte do Canadá, até quadros de artistas internacionais como Picasso e Monet. Os amantes dos esportes devem incluir, também, o Hall da Fama do Hóquei, museu que tem um simulador onde poderá desafiar os grandes jogadores em um rinque computadorizado, além de uma réplica do vestiário da Liga Nacional de Hóquei e muitos troféus.

conjunto 1

Na sequência: Royal Ontario Museum, inaugurado em 1914; Art Gallery of Ontario, a mais antiga do Canadá; e PATH: a incrível cidade subterrânea de Toronto. FOTOS: DOUG BROWN/ROBERTO MAIA

Toronto tem alguns atrativos impensáveis para nós brasileiros. É o caso do PATH – cidade subterrânea -, maior complexo comercial do mundo com cerca de 30 quilômetros de galerias. O complexo subterrâneo tem tudo o que você precisa para tocar a vida mesmo durante o rigoroso inverno canadense, quando a temperatura na cidade pode chegar a até 20 graus negativos. Suas ruas aquecidas, que mais parecem corredores de shopping, abrigam mais de mil estabelecimentos, com lojas, escritórios, hotéis, bares, restaurantes, praças de alimentação, cinemas, academia, estacionamento, supermercados, entre outros serviços. Tudo distribuído por quatro pisos subsolos e interligando mais de 50 edifícios e cinco estações de metrô. O lugar lembra muito um imenso e moderno labirinto. É bom prestar atenção aos mapas e direções para não se perder lá dentro. Uma dica é olhar para o chão, pois quando o piso muda, significa que você já está em outro prédio. Para ajudar na localização, cada uma das letras da PATH tem uma cor diferente, que representa as direções. Assim, o P (vermelho) significa Sul; o A (laranja), Oeste; o T (azul), Norte; e o H (amarelo), Leste.

Muito útil também no inverno é a Skywalk, passagem elevada para pedestres que interliga a Union Station (metrô) a três grandes atrações turísticas da cidade: a CN Tower, o Rogers Centre e o Metro Convention Centre. Seus corredores de vidros e pontes mais parecem um cenário de filme de ficção científica. Fora da cidade subterrânea, uma das atrações no inverno é patinar no gelo no Nathan Phillips Square, onde é a sede da prefeitura. Há locais para alugar os patins e vários bares.

Deixando a modernidade de lado, não deixe de visitar três locais de grande importância histórica para a cidade.

conjunto2

Na sequência: Distillery District – charme, entretenimento e gastronomia; e Nathan Phillips Square, praça central da cidade. FOTOS: DANIELLE PETTI

O Old City Hall – Antiga Prefeitura – é considerado um monumento histórico nacional. A imponente construção já serviu de sede da Prefeitura de Toronto até a década de 1960, e, atualmente, abriga as cortes de justiça.

O Distillery District é um bairro histórico e ótimo lugar para passar o tempo, seja nas suas galerias de arte, cafeterias, restaurantes ou bares. Em 1832, a área onde está o Distillery District abrigava a destilaria Gooderham and Worts, como ainda é possível ver em várias placas dentro do complexo. A empresa, que foi a maior destilaria do mundo, foi muito importante para o crescimento econômico de Toronto e do Canadá. Deixou de funcionar após 153 anos produzindo bebidas alcoólicas como rum e uísque. Há pouco mais de 10 anos, um grupo de investidores transformou o lugar abandonado e restaurou os prédios industriais de estilo vitoriano em algo diferente e único. Fechado para a circulação de carros, caminhar pelo local é uma experiência única.

St Lawrence

No mercado público St. Lawrence há sempre frutas frescas, carne, peixes, frutos do mar, queijos e até sanduíches deliciosos como o famoso Peameal Bacon. FOTO: ROBERTO MAIA

E, finalmente, o charmoso St. Lawrence Market, construído em 1850 e considerado um dos 25 melhores mercados públicos do mundo. Está no coração do distrito histórico da cidade – o Old Town -, nas ruas Jarvis e Front. No piso principal e no andar de baixo do prédio estão mais de 50 lojas de especialidades, famosas por oferecer uma imensa variedade de frutas, vegetais, carnes, peixes, grãos e laticínios. É muito procurado por quem quer comprar frutos do mar frescos, carnes de todos os tipos, queijos de todos os lugares do mundo, frutas e verduras exóticas, além de diferentes tipos de grãos e de mostarda. Se estiver com fome escolha sem medo de errar entre o famoso sanduíche Peameal Bacon, na padaria Carousel; o churrasco português, na Churrasco’s; ou o fast food de frutos do mar, no Buster’s Sea Company. O complexo inclui também uma galeria de arte e lojas de souveniers. Fecha às segundas-feiras. Programa imperdível.

PARA QUANDO VOCÊ FOR A TORONTO

Maior cidade do Canadá, com 5,5 milhões de habitantes, Toronto é a quinta maior região metropolitana da América do Norte. Principal centro industrial e financeiro do país, é sede da terceira maior Bolsa de Valores do continente e de cinco dos principais bancos canadenses, além de uma centena de companhias farmacêuticas e de biotecnologia, e 550 fabricantes de roupas. A economia da cidade movimenta anualmente cerca de US$ 70 bilhões. Em 2013, 79 mil brasileiros embarcaram para o Canadá deixando US$ 160 milhões – média de US$ 1,9 mil por pessoa, sendo este o maior gasto por visitantes no destino. O brasileiro também é o que mais permanece, com média de 19 diárias.

LÍNGUA: Inglês

VISTO: É necessário. Atualmente, a obtenção do visto canadense pode ser feita sem sair de casa, através de um despachante autorizado. Pedidos de vistos temporários são emitidos em menos de uma semana pelo Consulado Canadense.

MOEDA: Dólar Canadense (CAD). CAD 1 = R$ 2,15 (até o fechamento dessa edição).

TELEFONAR PARA O BRASIL: Disque 00 + 55 (código do Brasil) + código da cidade + número do telefone. Para fazer chamadas a cobrar utilize o serviço BrasilDireto da Embratel: 1800-463-6656.

FUSO HORÁRIO: O Canadá tem seis fusos horários, mas Toronto tem duas horas a menos em relação ao horário de Brasília.

CONSULADO DO BRASIL EM TORONTO: 77 Bloor Street West # 1109 – tel. +1 (416) 922 2503. O atendimento ao público e a entrega de documentos são feitos de segunda a sexta-feira, das 9h às 13h. Fecha nos feriados canadenses e no dia 7 de setembro. Informações: [email protected] ou www.toronto.itamaraty.gov.br

EMBAIXADA DO CANADÁ NO BRASIL: Avenida das Nações, Quadra 803, Lote 16, Brasília (DF) – tel. (61) 3424-5490. Informações: www.brazil.gc.ca

CLIMA: As estações são bem definidas. O verão – junho a setembro – é quente e seco e é a melhor época para viajar.A temperatura média fica em torno de 26 graus. O inverno é muito frio e úmido com temperaturas de até 20 graus negativos. Agosto é o mês menos chuvoso, enquanto que em janeiro chove muito, inclusive com neve e granizo.

TRANSPORTES: O sistema de transporte de Toronto cobre cerca de 1,2 mil km de linhas de ônibus, metrô e street car (bondes elétricos). Há 150 linhas de ônibus e com exceção das linhas 99 e 171, todas as demais linhas fazem conexão com as estações de metrô. As 11 linhas de bonde também fazem conexão com diversas estações de metrô. São duas linhas principais de metrô: a Yonge–University–Spadina (norte-sul) e a Bloor–Danforth (leste-oeste), além de outras duas linhas secundárias – a Sheppard e a Scarborough RT. A carteira de motorista brasileira vale por três meses em Ontário caso decida pelo aluguel de um carro. Os trens da VIA Rail ligam Toronto ao resto do país.

DICAS: O aeroporto internacional Toronto Pearson – distante cerca de 40 minutos do centro – é servido pelo serviço de ônibus Toronto Airport Express, que para em alguns dos principais
hotéis da cidade e na Estação Central. Ele parte a cada 30 minutos ao longo do dia e a cada 20 minutos nos horários de pico. É o transporte mais barato e conveniente para quem viaja sozinho. Economize até 46% com as cinco melhores atrações da cidade e evite as filas com o Toronto CityPass. O talão inclui ingressos para a CN Tower, Museu Real de Ontario, Casa Loma, Zoológico de Toronto & Centro de Ciências de Ontario. Preços: CAD 61,50 (adulto) e CAD 39,60 (criançasaté 12 anos).

COMPRAS: Quem não resiste às compras vai amar Toronto. O shopping Eaton Centre com mais de 230 lojas é um dos principais pontos turísticos da cidade. Confira:

Toronto Eaton Center – 220 Yonge Street Toronto – Informações: www.torontoeatoncentre.com

Square One – 100 City Centre Drive Mississauga – Informações: www.shopsquareone.com

Dixie Outlet Mall – 1250 South Service (QEW and Dixie) – Informações: www.dixieoutletmall.ca

Gerrard Square – 1000 Gerrard Street East – Informações: www.gerrardsquare.com

Dufferin Mall – 900 Dufferin Street – Informações: www.dufferinmall.ca

Vaughan Mills – 1 Bass Pro Mills Drive Vaughan Highway 400 and Rutherford Road – Informações: www.vaughanmills.com

Sherway Gardens – 25 The West Mall Etobicoke – Informações: www.sherwaygardens.ca

Fairview Mall – 1800 Sheppard Avenue East – Informações: www.fairviewmall.ca

Scarborough Town Centre – 2-300 Borough Drive Scarborough – Informações: www.scarboroughtowncentre.com

The Promenade – 1 Promenade Circle Thornhill – Informações: www.promenadeshoppingcentre.ca

Yorkdale Shopping Centre – 3401 Dufferin Street – Informações: www.yorkdale.com

COMO CHEGAR: A Air Canada oferece voos sem escalas entre São Paulo e o Aeroporto Internacional Pearson de Toronto. A viagem tem duração de 10 horas aproximadamente. Várias outras empresas aéreas oferecem voos com escala nos Estados Unidos e na América Central. Informações: tel. (11) 3254-6630 ou www.aircanada.com.br

PACOTES TURÍSTICOS: Várias operadoras de turismo oferecem pacotes para Toronto. Confira:

CVC – www.cvc.com.br

Agaxtur – tel. 3067-0900 ou www.agaxtur.com.br

Designer Tours – tel. (11) 2181-2929 ou www.designertours.com.br

Nascimento Turismo – tel. (11) 0800-7741110 ou www.nascimento.com.br

JVS – tel. (11) 4223-4223 ou www.jvstour.tur.br

New Age – tel. (11) 3138-4888 ou www.newage.com.br

Raidho – tel. (11) 3383-1200 ou www.raidho.com.br

Soft Travel – tel. (11) 3017-9999 ou www.softtravel.com.br

Visual Turismo – tel. 3235-2000 ou www.visualturismo.com.br

INFORMAÇÕES TURÍSTICAS: Toronto – www.seetorontonow.com.br e www.toronto.ca
Ontario – www.ontariotravel.net

Comentários