logo

Telefone: (11) 3024-9500

Sul de Botswana: da modernidade à vida selvagem | Qual Viagem Logo

Three Giraffe (Giraffa camelopardalis) silhouetted against a sunrise cloudscape sky in the Kalahari desert, Kgalagadi transfrontier park, South Africa.

Sul de Botswana: da modernidade à vida selvagem

6 de abril de 2016

Botswana, país que faz fronteira com África do Sul, Namíbia e Zimbábue, possui algumas das áreas mais bem preservadas em relação à natureza e à vida selvagem do continente africano. Para ter uma ideia, 38% de seu território são dedicados a parques nacionais e reservas, onde os animais podem circular livremente. Botswana preserva um rico legado cultural, além de ser lar de várias espécies ameaçadas de extinção, como o cão selvagem, a chita e a hiena-castanha.

iStock_000057238024_Small

Foto por iStock / evenfh

A capital Gaborone cresceu nas últimas décadas de um pequeno povoado a um centro urbano moderno e cosmopolita, com hotéis de luxo e centros de compras. Seu diferencial é estar a poucos minutos das zonas de vida selvagem de Botswana. Em Gaborone, visite os stands de artesanato do centro da cidade, o Monumento dos Três Chefes, o Museu Nacional e a Galeria de Arte Nacional, com grandes coleções de artefatos africanos e registros de fauna e flora.

Aerial view of the city of Gaborone, the capital city of Botswana

Foto por iStock / derejeb

A capital também possui um Jardim Botânico e um Parque Ecológico, além da Reserva de Gaborone. Lá vivem espécies como zebras, antílopes, gnus, javalis e muito mais, em um terreno de savana. O parque é um local ideal para piqueniques e observação de animais. Gaborone serve de base para os turistas que querem conhecer a região sul de Botswana.

the red circle of the sun go down in the central kalahari game reserve - BOtswana

Foto por iStock / stephan49

A poucos quilômetros ao sul da capital fica a Reserva Natural de Mokolodi, que oferece passeios guiados para observar animais como rinocerontes, girafas e elefantes. Mokolodi também possui um parque de répteis e um santuário de vida selvagem para animais incapacitados ou órfãos. Ao oeste e ao norte de Gaborone é possível conhecer várias aldeias, como Gabane, Manyana, Molepolole e Mochudi.

Safari to Kgalagadi Transfontier Park, South Africa

Foto por iStock / SerengetiLion

Um pouco mais ao centro do país fica a Reserva do Kalahari Central, que é a segunda maior reserva de caça do mundo. Em meio a planícies de vegetação de savana, é possível encontrar gnus, antílopes, leões e outros animais impressionantes. A área é muito bem preservada e mantém-se quase intocada desde o estabelecimento da reserva, em 1961. Há ainda, já na fronteira com a África do Sul, outra área surpreendente: o Parque Kgalagadi.

Como chegar

A South African oferece voos entre São Paulo e Gaborone, com conexão em Johanesburgo, África do Sul.

Onde ficar

Peermont Mondior Gaborone – peermont.com/hotels/gaborone/peermont-mondior

AVANI Gaborone Hotel & Casino – avanihotels.com/gaborone/

Texto por: Patrícia Chemin

Foto destaque por: iStock / aaprophoto

Comentários