logo

Telefone: (11) 3024-9500

Porto de Galinhas de buggy: de ponta a ponta, uma emoção de belas praias e paisagens | Qual Viagem Logo

whatsapp-image-2020-12-02-at-13-44-58

Porto de Galinhas de buggy: de ponta a ponta, uma emoção de belas praias e paisagens

2 de dezembro de 2020

Conhecer o litoral de Porto de Galinhas não é tarefa muito difícil. Uma das dicas especiais quando se está por lá é fazer o imperdível passeio de buggy para explorar alguns dos pontos mais bonitos do litoral. O passeio vai da praia de Muro Alto até o outro extremo, o Pontal de Maracaípe – dois lugares incríveis, com praias limpíssimas, cenários deslumbrantes e água transparente.

Praias menos conhecidas como Enseadinha, Serrambi e Toquinho ficam de fora, pois estão além dos extremos citados acima.

Foto por iStock / Ildo Frazao

Foto por iStock / Ildo Frazao

Os buggys não estão autorizados a percorrer todo o trajeto pela areia. A região é de desova de tartarugas e para preservar ainda mais essas lindas criaturas do oceano, os bugueiros realizam o passeio na maior parte do tempo percorrendo estradinhas que são todas emolduradas pela mata de restinga. É um passeio que vale a pena e uma ótima forma de conferir as praias de Porto de Galinhas de ponta a ponta.

Foto por Márcio Auriema

Foto por Márcio Auriema

Quanto custa

Para fazer o passeio de buggy, o valor é de R$ 350,00 o veículo, que comporta até quatro pessoas. Talvez o difícil mesmo seja encontrar alguém para dividir o veículo com você, caso esteja sozinho ou em casal. Se não conseguir, você terá que arcar com o valor total do passeio sozinho. Durante sua viagem, é provável que outras pessoas te ofereçam o passeio por preços menores, mas é sempre importante verificar se o bugueiro é credenciado. Eles possuem um selo no buggy, atestando que o “Buggy é Legal”. Isso demonstra treinamento, equilíbrio, informações corretas do condutor e principalmente a realização de um roteiro sem surpresas nem stress. Por exemplo, se um buggy quebrar, automaticamente será substituído por outro, para que não haja preocupação.

Como agendar

Para garantir que o passeio seja realizado com um bugueiro credenciado e de qualidade, nós tivemos uma ótima experiência com o pessoal da Associação dos Bugueiros de Porto de Galinhas. Eles trabalham com diversos passeios em Porto de Galinhas e podem agendar o passeio para você.

Praia de Muro Alto

O roteiro tem início na belíssima praia de Muro Alto. Ao contrário do que eu pensava (e muita gente pensa), o nome Muro Alto não é em função da barreira de recifes, mas sim do paredão de areia com coqueiros que é encontrado na praia. Quem está no mar nota que os resorts, por exemplo, ficam numa altura diferente.

Foto por Márcio Auriema

Foto por Márcio Auriema

Os acessos para a Praia de Muro Alto não são muitos, já que boa parte está protegida pelos resorts all inclusive que ficam por lá, como o Nannai e o Summerville. Nesses casos, o acesso é dificultado.

Foto por iStock / Cristian Lourenço

Foto por iStock / Cristian Lourenço

Assim como para as piscinas naturais de Porto de Galinhas, a diversão é maior se você for para Muro Alto na maré baixa. Uma enorme piscina natural é formada pelos recifes, onde é possível andar de caiaque ou de stand-up paddle. O mar fica bem tranquilo, principalmente na maré vazante. Na maré alta, a faixa de areia pode até desaparecer em alguns trechos.

Pontal do Cupe

O Pontal do Cupe é outra parada obrigatória do passeio de buggy em Porto de Galinhas. Especialmente na maré baixa. Neste trecho de praia existem dois restaurantes. O Restaurante Pontal do Cupe é o mais famoso e fica lotado.

Foto por iStock / Cristian Lourenço

Foto por iStock / Cristian Lourenço

Preferimos o Restaurante Pirajuba, por sugestão do nosso bugueiro Marcelo. Fica bem do lado do outro e é muito mais tranquilo e bonito. Os visitantes podem ocupar tranquilamente qualquer mesa, sem pagar nada, exceto o que consumir. Não há consumo mínimo.

E na maré baixa, aproveite para explorar as piscinas naturais que se formam bem em frente aos dois restaurantes.

Piscinas naturais de Porto de Galinhas

Mais uma parada do passeio de buggy é no centro da vila de Porto de Galinhas. É lá que nosso bugueiro Marcelo nos leva até o quiosque da Associação dos Jangadeiros, onde compramos nosso ingresso para o passeio.

Foto por Márcio Auriema

Foto por Márcio Auriema

Dependendo do profissional, o passeio pode ser rápido demais, pois alguns jangadeiros se apressam além da conta para terminar logo o passeio. Então se tiver uma dica de jangadeiro, pode ser que você ganhe uns minutinhos a mais nas piscinas naturais. Confira mais detalhes em nosso post sobre o passeio até as piscinas naturais.

Foto por Márcio Auriema

Foto por Márcio Auriema

Praia de Maracaípe

Do centro da vila de Porto de Galinhas, seguimos para Maracaípe. Logo no início de Maracaípe (que fica bem do ladinho da Praia da Vila de Porto de Galinhas), o buggy faz uma parada para fotos. De lá avista-se uma longa fileira de coqueiros e a praia em curva.

Foto por iStock / andremarinst

Foto por iStock / andremarinst

Maracaípe (“Maraca” para os íntimos) é a praia dos surfistas, devido às altas ondas. Por conta disso, acaba atraindo um perfil de visitantes diferente das demais praias. No trecho mais bonito do percurso do buggy, passamos por um coqueiral, emoldurado pelo céu de azul absoluto que fez nesse dia.

Foto por Márcio Auriema

Foto por Márcio Auriema

Uma das paradas é para tirar uma foto inusitada. O chamado “drone humano” é um rapaz que sobe no alto de um coqueiro para tirar fotos dos carros do alto.

Passeio de jangada no Pontal do Maracaípe

E finalmente chegamos ao ponto de embarque para o passeio de jangada pelo Rio Maracaípe. O passeio custa R$ 30,00 por pessoa e não está incluso no valor contratado com o buggy.

Foto por Patrícia Chemin

Foto por Patrícia Chemin

Assim como andar de buggy, andar de jangada é super gostoso e ótimo para filmagens. O fluxo do rio é muito calmo e um belo contraponto à adrenalina do buggy. Mas o melhor ainda estava por vir.

Chegamos em um banco de areia no meio do rio e os jangadeiros fazem uma parada ali para fotos e também para que os jangadeiros saiam atrás dos cavalos-marinhos.

Cavalos-marinhos

Os jangadeiros nadam, afundam e, em meio à água escura e turva do rio, conseguem sair com dois minúsculos cavalos marinhos que são colocados dentro de vidros. Os bichinhos encantam, mas logo são libertados de volta ao rio.

A jangada segue então para a foz do rio e nós desembarcamos na praia para um delicioso banho de rio. O passeio de buggy ponta a ponta em Porto de Galinhas se encerra aqui.

 

Texto por: Cláudio Lacerda Oliva, enviado especial a Porto de Galinhas. Viagem a convite da Associação dos Hotéis de Porto de Galinhas, Porto de Galinhas Convention & Visitors Bureau e Azul Linhas Aéreas, para conferir as tendências da recuperação do turismo de Pernambuco através do Visit Pernambuco.

Foto destaque por: Márcio Auriema

Comentários