logo

Telefone: (11) 3024-9500

Parque Nacional de Port Campbell é destino cênico na Great Ocean Drive | Qual Viagem Logo

Foto por istock/ zetter

Parque Nacional de Port Campbell é destino cênico na Great Ocean Drive

31 de janeiro de 2020

Situado a 275 quilômetros da vibrante cidade de Melbourne, na Austrália, o Parque Nacional de Port Campbell abriga uma típica paisagem cultural aborígene com rochas gigantes, praias, riachos e diversos outros atrativos naturais. Para chegar até o lugar, o visitante já se depara com um dos cenários mais bonitos do mundo, na Great Ocean Drive.

Percorrendo 250 quilômetros na chamada Costa dos Naufrágios, com vista para o Oceano Antártico, a rota liga as cidade de Torquay e Allansford, no estado de Victoria, e faz parte da Lista do Patrimônio Nacional do país.

Foto por Istock/ Tenedos

Foto por Istock/ Tenedos

Depois de percorrer o famoso caminho, é hora de se encantar com o Parque Nacional. O grande destaque fica por conta dos 12 Apóstolos: uma coleção de pedras dispostas lado a lado dentro do mar formadas pela erosão natural de 10 a 20 milhões de anos.

As rochas alcançam os 45 metros de altura, formando um cenário exuberante e imponente. Apesar do nome, existem oito delas, que podem ser vistas de diversos mirantes e passarelas dispostos nos arredores.

Foto por Istock/ Gerold Grotelueschen

Foto por Istock/ Gerold Grotelueschen

Outra atração imperdível de Port Campbell é a Loch Ard Gorge, a praia do naufrágio mais famoso dessa região. O navio encalhou na ilha vizinha de Mutton Bird em 1878 e teve apenas dois sobreviventes. Cercada por falésias de calcário, a praia forma um panorama reservado e majestoso.

Vale ainda visitar a Gruta e a London Bridge. Está última, antes composta por um arco e um túnel natural, depois de um colapso ocorrido nos anos 1990 tornou-se apenas um arco isolado do continente.

Foto por Istock/ sbostock

Foto por Istock/ sbostock

A natureza viva do Parque Nacional de Port Campbell também se mostra presente na fauna local. Entre as caminhadas e passeios para observar as formações rochosas, é possível se deparar com pinguins azuis, pássaros bobo-da-cauda-curta e até baleias.

E, para admirar a magnitude dessas belezas tipicamente australianas, a dica é visitar as atrações no amanhecer ou pôr do sol, quando o jogo de luzes naturais colore ainda mais as pedras e falésias. Outra opção é admirar a paisagem do alto, em um passeio de helicóptero.

A cidade de Port Campbell possui boa estrutura de hotéis e restaurantes, portanto, apesar de haverem diversas opções de roteiros de um dia para essa região, vale a pena se hospedar uma noite para conhecer tudo com calma.

Texto por: Eliria Buso

Foto destaque por istock/ zetter

Comentários