logo

Telefone: (11) 3024-9500

Lauterbrunnen: O Vale das 72 cachoeiras nos Alpes Suíços | Qual Viagem Logo

Green fields and famous touristic town with high waterfall in background,Lauterbrunnen,Bernese Oberland,Switzerland,Europe

Lauterbrunnen: O Vale das 72 cachoeiras nos Alpes Suíços

6 de fevereiro de 2019

A vila de Lauterbrunnen, nos Alpes Suíços, é um destino que reúne vales acolhedores, prados alpinos, pousadas de montanha e cascatas glaciares que lhe renderam o título de Patrimônio Mundial da Unesco. Considerada uma das áreas de maior preservação do país, o vilarejo, cujo nome significa “Grandes Fontes”, abriga 72 cachoeiras que formam uma paisagem mágica ao redor das montanhas.

Foto por istock/ Janoka82

Foto por istock/ Janoka82

O curioso lugar parece saído dos contos de fada e, não à toa, foi a inspiração de Tolkien para criar Valfenda em Senhor dos Anéis.

Situado bem próximo a Interlaken e Lucerna – a cerca de 20 minutos e 1h30 de trem de cada uma, respectivamente – Lauterbrunnen é ponto de partida para visitar a famosa região de Jungfrau. Mas isso não significa que o lugar não merece ao menos algumas horinhas de sua atenção.

Para conhecer toda a beleza natural de suas cascatas, vale a pena fazer a trilha completa, que tem oito quilômetros de extensão e dura cerca de três horas.

Foto por Istock/ eduartphotography

Foto por Istock/ eduartphotography

A primeira parada deve ser na Staubbach, um dos cartões postais do destino. Com quase 300 metros de altura, é uma das mais altas da Europa e tem uma beleza tão estonteante que inspirou Goethe a escrever o poema “Canção dos espíritos sobre as águas”.

Não menos famoso é o conjunto de quedas de Trummelbach, que fica no interior da Montanha Schwarzer e forma a cachoeira subterrânea mais extensa da Europa. As cascatas são formadas, na verdade, pelo degelo das montanhas Jungfrau, Mönch e Eiger e resultam em 10 quedas glaciares com um volume de 20 mil litros d’água por segundo. Esse fenômeno só pode ser visto no verão e, para chegar até lá, é possível ir de teleférico, escadas e elevadores.

Foto por Istock/ santirf

Foto por Istock/ santirf

Outros pontos imperdíveis na vila são: Isenfluh, uma aldeia montanhosa tipicamente suíça que oferece uma bela vista de toda a região montanhosa; e Schilthorn, que serviu de cenário para o filme 007 – Her Magesty Secret Service e tem 20 glaciares e 40 cumes para admirar. Do alto de 2970 metros, o restaurante Piz Gloria oferece uma vista 360° do horizonte suíço. O acesso se dá por ônibus e bondinho.

Foto por Istock/ Catalin Daniel Ciolca

Foto por Istock/ Catalin Daniel Ciolca

Em Lauterbrunnen, além de se encantar com os chalés espalhados pelo pequeno vilarejo, você encontra uma charmosa igrejinha em pedra e um cemitério que chamam a atenção. Vale a pena fazer uma caminhada ou passeio de bike para explorar cada cantinho como merece. Não deixe de fazer uma parada em alguns dos cafés para tomar um chocolate quente.

E para quem gosta de aventura, o lugar também é uma excelente parada para prática de basejumping ou paraglide. A vista de lá de cima deve ser ainda mais incrível!

Foto por Istock/ EMBorque

Foto por Istock/ EMBorque

Como chegar

Chega-se até Lauterbrunnen facilmente de trem via Interlaken, Berna ou Lucerna. Graças à proximidade, é possível fazer um bate-volta dessas cidades até lá. Ou fazer um roteiro de carro passando por todos os destinos dos Alpes Suíços.

Onde ficar

Hotel Silberhorn

Hotel Steinbock

Texto por: Eliria Buso

Foto destaque por Istock/ Janoka82

Comentários