logo

Telefone: (11) 3024-9500

Interior da Grã-Bretanha: o que visitar ao redor das grandes cidades | Qual Viagem Logo

Picturesque Cotswold village of Castle Combe, England

Interior da Grã-Bretanha: o que visitar ao redor das grandes cidades

20 de outubro de 2020

A Grã-Bretanha oferece uma combinação maravilhosa de pontos turísticos urbanos e espaços rurais, muitos dos quais, situados próximos uns dos outros, permitem que você combine o dinamismo da vida na cidade com a paz e a tranquilidade das impressionantes paisagens ao ar livre da Grã-Bretanha.

Agora, aqueles que procuram passear pelas ruas das cidades mágicas da Grã-Bretanha, mergulhar no patrimônio e história da nação e, em seguida, aproveitar ao máximo a beleza ao ar livre, podem se inspirar nesta lista de locais interioranos e de fácil acesso perto das grandes cidades, para uma experiência de férias que oferece o melhor de dois mundos:

Londres e além

Capital agitada, Londres está repleta de monumentos mundialmente famosos e de atrações que valem a pena conhecer. Reserve tempo para explorar atrações imperdíveis, como a London Eye e a Torre de Londres, ou descubra locais reais e as galerias mundialmente famosas antes de entrar nas elegantes ruas comerciais.

Quer aproveitar seu tempo na cidade com um gostinho da tranquilidade interiorana? Visite o Parque Regional de Colne Valley, bem próximo de Londres, cheio de caminhos repletos de bluebell, vastas áreas verdes, rios borbulhantes e lagos tranquilos – tudo a poucos passos de Uxbridge, no oeste de Londres.

Foto por iStock / Natalia Marshall

Foto por iStock / Natalia Marshall

Como alternativa, os apaixonados por natureza podem fazer um passeio de trem de 40 minutos do centro de Londres para apreciar a paisagem campestre, os pubs locais tradicionais e os vilarejos antigos de Chiltern Hills. Enquanto isso, os encantos do Parque de Windsor, com 4.800 acres, ficam a menos de uma hora de trem do centro da cidade. Imerso em bosques e matas reluzentes em tons vermelhos e dourados durante os meses de outono, o parque abriga jóias da horticultura, monumentos históricos e o Jardim Savil, um jardim ornamental deslumbrante construído na década de 1930.

Tesouros perto de Oxford

Com uma arquitetura encantadora e uma rica história acadêmica, Oxford é uma cidade cheia de momentos inesquecíveis. Conhecida como a “City of Dreaming Spires”, ou “Cidade das Torres dos Sonhos” em português, ali você pode se encantar com os majestosos edifícios universitários e passear sob a famosa Ponte dos Suspiros, com outros tesouros da cidade nas proximidades, incluindo o Patrimônio Mundial no Palácio de Blenheim e o paraíso das compras, o shopping Bicester Village.

Foto por iStock / Zhao Liu

Foto por iStock / Zhao Liu

A uma curta distância da agitação do centro da cidade, você encontrará a serenidade com cheiro de grama na área de beleza natural excepcional de North Wessex Downs. Com paisagem verde exuberante, a região é cheia de moinhos de vento, matas e canais, bem como locais históricos, incluindo o Castelo de Highclere, mais conhecido como Downton Abbey.

Foto por iStock / Antonel

Foto por iStock / Antonel

Como alternativa, a oeste de Oxford fica Cotswolds, lar de algumas das vilas mais pitorescas da Grã-Bretanha. Esta região repleta de casas de pedra em tons de mel e cidades mercantis cobre mais de 1.200 km² e conta com uma rica variedade de alimentos e bebidas no outono.

Perto de Cambridge

Uma cidade de arquitetura, história e romance, Cambridge oferece a chance de descobrir os campi universitários medievais, navegar pelo Rio Cam e o fascinante Museu Fitzwilliam.

Foto por iStock / travellinglight

Foto por iStock / travellinglight

A menos de uma hora de carro ou trem partindo da cidade universitária, se você estiver interessado em aproveitar os locais mais calmos, mas igualmente charmosos da Grã-Bretanha, planeje uma visita em Burry St Edmunds. Das históricas ruínas da Abadia e da Catedral de St Edmundsbury ao menor pub da Grã-Bretanha, este tesouro escondido oferece um pedaço da herança da nação longe das multidões.

De forma alternativa, viaje apenas alguns quilômetros ao norte de Cambridge e você poderá desfrutar das matas, lagos e ciclovias deliciosas no Parque de Milton Country, um paraíso ao ar livre que reluz em tons avermelhados e dourados durante o outono.

Encantos da região costeira de Brighton

Descendo para o charme costeiro e peculiar da costa sul da Inglaterra, a cidade de Brighton ostenta uma infinidade de atrações notáveis – desde as alturas vertiginosas da torre British Airways i360º e as paisagens panorâmicas abundantes do mar ao icônico cais e peculiar distrito comercial conhecido como The Lanes.

Foto por iStock / NigelHigson

Foto por iStock / NigelHigson

Mas aqueles que desejam um gostinho refrescante do interior durante a viagem, podem pular para Devil’s Dyke, situado ao longo do Caminho de South Downs, a apenas 8 quilômetros do centro da cidade. Como o maior vale seco da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte, aqui você pode absorver as colinas e a beleza resplandecente desta parte do Parque Nacional de South Downs.

De modo alternativo, aventure-se a pouco mais de uma hora de carro da costa de Brighton para chegar ao coração de High Weald, uma área de grande beleza natural que abriga uma paisagem deslumbrante, bem como vários vinhedos que passam pelas colheitas em outubro e novembro.

De Bristol para as bluebells

Um centro vibrante de energia criativa, a cidade de Bristol, no sudoeste, proporciona a oportunidade de aproveitar a atmosfera de suas ruas de paralelepípedos, pubs com muita música boa e restaurantes à beira-mar. As experiências imperdíveis incluem admirar as vistas da Ponte Suspensa de Clifton, ver obras de arte reais de Banksy, passear pelos decks do histórico navio SS Great Britain e explorar o M Shed, um museu repleto de história local.

Foto por iStock / Grandbrothers

Foto por iStock / Grandbrothers

Porém, um gostinho do interior pode ser encontrado a poucos passos dessas atrações imperdíveis – incluindo a belíssima área verde da Reserva Natural Nacional de Leigh Woods, facilmente avistado do topo da famosa ponte suspensa. Misturando vistas da cidade com campos de bluebell com amplos bosques acima do desfiladeiro de Avon, este amplo campo verde se transforma em um tom dourado inesquecível a cada outono e oferece um pedaço de tranquilidade no coração da cidade.

Vá para o leste e explore a deslumbrante área de Cotswolds ao sul – lar da ampla coleção botânica de Westonbirt Arboretum. Como alternativa, viaje pouco menos de 32 quilômetros ao sul da agitada cidade para descobrir a beleza natural de Cheddar Gorge nas Colinas de Mendip. Com 120 metros de profundidade e 5 quilômetros de extensão, o desfiladeiro de Cheddar Gorge mostra a beleza natural excepcional da Grã-Bretanha enquanto te leva em uma viagem panorâmica memorável.

Mergulhe em Edimburgo e região

Se você tem interesse em planejar uma viagem escocesa que mistura cidade e interior, comece na capital, Edimburgo. Depois de reservar ingressos para o imperdível Castelo de Edimburgo, caminhar pela histórica Royal Mile e despertar sua curiosidade no Museu Nacional da Escócia, sinta o estresse diário se dissipar enquanto descobre os locais próximos de beleza natural.

Foto por iStock / jikgoe

Foto por iStock / jikgoe

Uma dessas joias ao ar livre é a caminhada de Arthur’s Seat, um vulcão inativo, onde é possível apreciar vistas deslumbrantes sobre a cidade a mais de 250 metros acima do nível do mar.

A apenas alguns quilômetros das luzes da cidade de Edimburgo, os visitantes podem se perder enquanto exploram o épico Parque Regional de Pentland Hills com mais de 500 m², com 100 quilômetros de trilhas para caminhada e uma abundante vida selvagem. Quatro trilhas curtas circulares ideais para um passeio em família te guiam pelas colinas cativantes, enquanto há muitas outras trilhas caso queira explorar em seu próprio ritmo.

Mais informações em: visitbritain.com

Texto por: Agência com edição de Patrícia Chemin

Foto destaque por: iStock / jenifoto

Comentários