Warning: file_put_contents(): Only 0 of 13 bytes written, possibly out of free disk space in /home/qualviagem/public_html/wp-content/plugins/wp-csv/wp-csv.php on line 299
 Grutas de gelo chamam a atenção na Rússia | Qual Viagem
logo

Telefone: (11) 3024-9500

Grutas de gelo chamam a atenção na Rússia | Qual Viagem Logo

Foto por Istock/ Vladimir_Timofeev

Grutas de gelo chamam a atenção na Rússia

1 de novembro de 2018

A Caverna de Kungur é uma das principais atrações da região das Urais, na Rússia. Formando um complexo de 48 grutas, o local tem cinco quilômetros de extensão, sendo que apenas 1,5 estão abertos à visitação.

Foto por IStock/ Aleksei Rasskazov

Foto por IStock/ Aleksei Rasskazov

O lugar, datado de milhares de anos, recebe visitantes há pelo menos cem deles e encanta a todos com suas formações de gelo. São estalagmites e estalactites de diversos formatos e tamanhos que se espalham pelas diversas salas da caverna. Além de lagos subterrâneos e estranhas formações de pedra que completam essa maravilha natural russa.

Entre as grutas, destacam-se: a Polar e a Diamante, com grossas camadas de gelo formando uma espécie de cachoeira congelada; além da Coral e da Fundo do Mar, com rendas de pedra formadas há 12 mil anos; e da sala Meteoro, com um cenário que dá a ilusão de que grandes campos celestes estão sob a terra. Em todas elas, holofotes dão cor e criam um clima ainda mais especial.

Foto por IStock/ GoodOlga

Foto por IStock/ GoodOlga

Segundo pesquisas, a atmosfera da caverna tem propriedades curativas, sendo limpa e sem micróbios. Portanto, acredita-se que ela tem efeito rejuvenescedor e auxilia em doenças respiratórias.

Foto por Istock/ Aleksei Rasskazov

Foto por Istock/ Aleksei Rasskazov

A caverna tem fácil acesso a partir da cidade de Kungur. A maneira mais fácil de chegar até lá é de trem até a estação local e, depois, seguir de carro. Mesmo no verão, as temperaturas na Caverna de Kungur são geladas, portanto, a dica é levar roupas mais quentes para fazer a visitação. E para observar as formações de gelo em sua melhor forma, é melhor conhece-la entre fevereiro e março.

Texto por: Eliria Buso

Foto destaque por Istock/ Vladimir_Timofeev

Comentários