logo

Telefone: (11) 3024-9500

DUBAI: Tudo o que reluz é ouro | Qual Viagem Logo

Dubai: tudo o que reluz é ouro

DUBAI: Tudo o que reluz é ouro

10 de setembro de 2014

Oásis de luxo e diversão no deserto. Esse é o resultado de uma aposta audaciosa e certeira dessa fascinante cidade-estado, que se reinventou e hoje atrai turistas e muitos investimentos estrangeiros. Mil e uma noites é pouco para conhecer e vivenciar os múltiplos atrativos desse destino dos sonhos.

Por Roberto Maia


Na última década, o mundo assistiu boquiaberto ao crescimento desenfreado de Dubai, a maior cidade dos Emirados Árabes Unidos (EAU), no Oriente Médio. Bem resolvida entre o estilo ocidental e a fé muçulmana, consolidasse como paraíso do turismo e recebe milhões de visitantes ávidos pelo luxo oferecido de forma megalomaníaca nos gigantescos e suntuosos hotéis, resorts e shoppings centers.

Quem chega a Dubai nem de longe imagina que aquela terra arenosa era, há apenas 40 anos, uma aldeia de pescadores, onde beduínos viviam da coleta de pérolas. Com uma área territorial menor do que Pernambuco e uma população igual à da cidade de Porto Alegre, pertenceu ao emirado Abu Dhabi até 1833. Naquele ano, a tribo da família dos al-Maktoum se instalou na região, recusou obediência a Abu Dhabi e governa Dubai até hoje. Ao contrário dos outros seis emirados que compõem os EAU, a economia de Dubai não se baseia primordialmente na exploração do petróleo. Com as reservas chegando ao fim, o petróleo que foi a principal fonte de receita ao longo dos anos, representa atualmente apenas 7% da economia. Outra importante fonte de recursos provém da Zona Franca e de empresas multinacionais que gozam de vantajosas isenções comerciais e fiscais. Mas foi o investimento no turismo que mudou o destino de Dubai. Não o turismo convencional baseado em cenários naturais e históricos, mas sim focado no luxo e na grandiosidade. Alicerçados pelos petrodólares, partiram para a construção de empreendimentos de proporções babilônicas e até ilhas artificiais.

E o resultado dessa ofensiva econômica avassaladora, que atrai turistas e empresas estrangeiras para o pequeno reino, é um crescimento de 11% ao ano para um PIB de US$ 108 bilhões até 2015, focando primordialmente no turismo, transportes, comércio e serviços financeiros.

O símbolo maior dessa pujança é o Burj Al Arab – um dos melhores e mais caros hotéis do planeta – através de suas linhas arquitetônicas que lembram uma imensa e moderna caravela. Sem dúvida a sua imagem está associada ao gigantismo de Dubai. Tudo no edifício de 321 metros de altura foi pensado para fazer com que os hospedes sintam-se como verdadeiros sultões. Para continuar atraindo turistas, investe pesado na construção de produtos de entretenimento como shopping centers, parques aquáticos e temáticos, praças de esportes, pistas de esqui na neve indoor, hotéis e resorts luxuosos e excentricidades como o Burj Khalifa, o edifício mais alto do mundo, e os arquipélagos artificiais Palm Islands e The World, que podem ser avistados do espaço. Não por acaso, Dubai quer se tornar a cidade mais visitada do mundo nos próximos anos. E não duvidem, pois por lá tudo é possível. A cidade trabalha com o objetivo de chegar até 2020 aos 20 milhões de turistas anualmente. Se mantiver a média de crescimento de 10,6%, em 2013, com 11 milhões de visitantes, alcançará facilmente a meta. Sediar a Expo 2020, a ampliação do Aeroporto Internacional Dubai World Central, a construção de uma infinidade de novos hotéis, atrações e megaeventos ajudam na concretização dessa ambição. Tudo no emirado é feito para que o setor de turismo continue atraindo cada vez mais viajantes, tanto de lazer quanto de negócios. O site de viagens TripAdvisor recentemente classificou Dubai como um dos 25 melhores destinos do mundo. Na avaliação, foram destacadas 646 atividades, entre elas tours pela cidade, pelo deserto e ao longo da costa. Como no conto de Sherazade e as Mil e Uma Noites, é preciso muito tempo para conhecer e vivenciar tudo o que Dubai tem para oferecer. E atrações não faltam.

Palm Island

Nos arquipélagos artificiais Palm Islands e The World estão hotéis, resorts e  condomínios luxuosos

Nos arquipélagos artificiais Palm Islands e The World estão hotéis, resorts e condomínios luxuosos

O incrível arquipélago artificial no formato de uma palmeira é um audacioso projeto que tem como objetivo aumentar o turismo em Dubai. As três ilhas – Palm Jumeirah, Palm Jebel Ali e Palm Deira – foram construídas apenas com materiais naturais – areia e pedras -, em vez de concreto e aço. Em cada uma das suas folhas estão hotéis, resorts e condomínios residenciais de luxo.

The World

O sucesso imobiliários motivou o desenvolvimento do projeto que forma no mar o desenho do mapa-múndi. As cerca de 300 ilhas vendidas por valores entre US$ 80 milhões e US$200 milhões – tem de 23 mil m2 a 83 mil m2 de área. O arquipélago cobre uma área total de 9 km de comprimento por 6 km de largura, rodeado por um quebra-mar em forma oval. O único meio de transporte entre as ilhas são barcos ou por via aérea. Elas estão localizadas a 4 km da costa de Jumeirah, perto de Palm Jumeirah, entre o Burj Al Arab e o porto Rashid.

Burj Khalifa

burj-khalifa-at-night-3

O edifício tem 163 andares e pode ser avistado de uma distância de até 95 quilômetros

O mais alto arranha-céu do mundo – com 828 metros de altura – anteriormente conhecido como Burj Dubai – foi inaugurado em 2010 e o seu custo estimado é de US$ 10 bilhões. É o ponto central de um complexo comercial e residencial de 2 quilômetros quadrados de área chamado Downtown Burj Dubai. Nele funcionam o Armani Hotel Dubai em 11 andares, um observatório com mirante de 360 graus no 124º, o famoso restaurante Atmosphere no 122º e cerca de 700 apartamentos particulares entre o 45º e o 108º. O espigão tem também o elevador mais rápido do mundo com velocidade de 65 km/h, podendo alcançar o topo em menos de um minuto. Informações: www.burjkhalifa.ae e www.armanihotels.com

Burj Al Arab

O imponente e luxuoso hotel Burj Al Arab é considerado o primeiro 7 estrelas do mundo. Foi construído em sua própria ilha artificial a 300 metros da orla e em seus 60 andares são oferecidos itens de conforto e mordomias capazes de impressionar os mais exigentes hóspedes, que podem escolher entre automóveis Rolls-Royce ou helicóptero no transporte de e para o aeroporto. Ao entrar no hotel os visitantes são recepcionados por funcionários com bandejas de tâmaras enquanto apreciam o impressionante visual. Possui suítes luxuosas, sendo algumas com dois andares e escadas de mármore, além de duas suítes reais localizadas no 25º andar e equipadas com cinema e elevador privativos. O hotel utiliza muito ouro na decoração, tanto dentro como fora dos quartos. E é do alto do Burj Al Arab que tem-se a melhor visão do complexo hoteleiro Jumeirah. Em frente está o Jumeirah Beach, em formato de onda. Do outro lado está o imenso Jumeirah Resort, de arquitetura árabe e com canais com deslocamentos feitos por barcos de madeira. Dezenas de requintados restaurantes e bares – um deles decorado com um imenso aquário – completam o cardápio de serviços oferecidos aos hóspedes.

SportsDubai Sports City

O complexo Dubai Sports City tem 50 milhões de metros quadrados e instalações moderníssimas para eventos esportivos internacionais. O lugar conta com infraestrutura para a prática de esportes, lazer, empreendimentos residenciais e comerciais, escolas, hospitais, hotéis, centros comunitários e locais de entretenimento. Conta com quatro estádios, sendo o maior deles com 60 mil assentos para a prática do rugby, futebol e provas de atletismo. Já o International Cricket Stadium com 25 mil lugares abriga competições de cricket. Os outros dois receberão partidas de hóquei no gelo, shows e outros eventos. Há, também, um campo de golfe de 18 buracos, o The Els Clube. Informações: www.dubaisportscity.ae

O luxuoso resort foi projetado para ser um refúgio exclusivo no deserto.

O luxuoso resort foi projetado para ser um refúgio exclusivo no deserto.

Al Maha Desert Resort & Spa

Primeiro empreendimento do Grupo Emirates na área de hospitalidade, foi direcionado para competir internacionalmente com os resorts de vanguarda do mundo. O ambiente de refúgio exclusivo comprovou-se uma iniciativa extremamente bem-sucedida, configurando-se como um resort luxuoso e ao mesmo tempo uma importante reserva natural no deserto. Como inspiração teve os hotéis superluxuosos da África do Sul, os pequenos refúgios das ilhas exclusivas da Malásia e da Tailândia e a legendária hospitalidade árabe local. São apenas 30 suítes superequipadas e com sua própria piscina. Informações: www.al-maha.com

Água e diversão

WaterAquaventure Water Park

Com 17 hectares de área dentro do resort Atlantis The Palm, foi planejado para o entretenimento de adultos e crianças. Entre as atrações destaca-se o Leap of Faith, uma queda quase vertical de 27,5 metros que termina em um túnel de vidro que passa através de uma lagoa infestada de tubarões. Há, também, uma grande piscina, um rio com água corrente de 2,3 km passando por um cenário tropical, montanhas-russas aquáticas, uma praia particular de 700 metros e muitos restaurantes e quiosques. Informações: www.atlantisthepalm.com

Wild Wadi Water

Ideal para passar o dia com a família, é um enorme sucesso entre as crianças. São 48,5 milhões de metros quadrados com piscinas, piscina com ondas, simuladores de surfe, um navio pirata e o grande tobogã de água Jumeirah Scierah, que atinge a velocidade de 80 km/h. Informações: www.wildwadi.com

Water

SEGA Republic

Em ambiente fechado com mais de 7 mil metros quadrados, o parque temático oferece nove atrações de tirar o fôlego e mais de 150 jogos, incluindo simuladores de movimentos radicais em suas cinco zonas temáticas: Speed Zone, Adventure Zone, Sports Zone, Cyberpop Zone e Redemption Zone. Informações: www.thedubaimall.com

Dubailândia

Um megaprojeto de turismo, lazer e entretenimento está sendo construído e seu tamanho será dez vezes maior que a Disneylândia (Califórnia) e Walt Disney World (Orlando) juntas. A conclusão das obras está prevista para 2015, quando dará a Dubai a condição de primeiro destino turístico do Oriente Médio. No entorno, dezenas de hotéis vão garantir o fluxo de hospedagem turística, além de shoppings centers, atrações esportivas e imóveis comerciais e residenciais. Informações: www.dubailand.ae

Queen Elizabeth II

O lendário navio está atracado em Dubai e será transformado em um luxuoso hotel.

O lendário navio está atracado em Dubai e será transformado em um luxuoso hotel.

A criação de um destino turístico em nível global gera investimentos surreais como a compra de um dos maiores e mais famosos navios de cruzeiros do mundo. Em 2008, após 39 anos em serviço, o lendário QE2 foi aposentado e será transformado em um hotel de luxo com 500 quartos, shopping, galeria de arte e museu. Adquirido por cerca de US$ 100 milhões, o transatlântico está atracado no conjunto de ilhas artificiais The Palm Jumeirah.

Dubai Opera House

Previsto para 2016, esse projeto similar ao mundialmente famoso Sydney Opera House está sendo construído como parte dos planos do The Opera District, em Downtown Dubai. Com 60 mil metros quadrados e 2 mil lugares, será usado para sediar óperas, peças de teatro, concertos, exposições de arte, orquestras, cinema, eventos esportivos e programas sazonais. Seu arrojado projeto terá a forma de um navio à vela.

Dubai Global Village

Dubai Global Village

Dubai Global Village

Estrela do Dubai Shopping Festival (DSF), essa grande e requintada estrutura a céu aberto atraiu multidões aos seus imensos pavilhões de cerca de 40 países, que reúnem diferentes culturas do mundo, oferecendo produtos, comidas e artesanato. Há verdadeiros tesouros como os fantásticos algodões da China, nozes da Síria, mel do Iêmen, tapetes do Irã, tecidos da Índia e móveis do Marrocos. Informações: www.globalvillage.ae

Passeios de barco

Bateaux Dubai

Uma das boas opções de passeios à noite é jantar a bordo do barco restaurante pelo Creek – um braço de mar. O cruzeiro fluvial oferece cozinha gourmet internacional, variada seleção de bebidas, entretenimento ao vivo, serviço personalizado e vistas panorâmicas da idade. Com capacidade para transportar até 200 passageiros, a embarcação com cobertura de vidro navega diariamente entre 20h30 e 23h. Informações: www.bateauxdubai.com

Jumeirah Medinat

No interior do gigantesco resort projetado em estilo árabe e com spa e campo de golfe corre um canal artificial de águas claras e cercado por palmeiras. Barcos de madeira chamados bras levam hóspedes e turistas em tours pelo complexo, passando pelo suntuoso hotel Al Qasr Mina A’Salam e pelo Souk Medinat. A região onde ele está é conhecida como a Beverly Hills de Dubai graças às construções luxuosas. Informações: www.jumeirah.com

44

O esplendoroso pôr-do-sol no deserto é espetáculo imperdível após o passeio pelas areias a bordo de veículos 4×4

Noite das Arábias

Apreciar o pôr-do-sol no deserto é espetáculo imperdível para quem visita Dubai. A bordo de veículos 4×4 com ar condicionado percorre-se as grandes dunas de areias escaldantes em um rali emocionante. No caminho, beduínos e seus camelos completam o cenário inigualável. Depois, jantar em um acampamento tuareg com comidas árabes ao ar livre à luz de tochas e sobre tapetes tecidos por artesãos. Passeios de camelos, show de falcões treinados e apresentações de dança do ventre e músicas folclóricas completam o programa. Tudo isso sob um céu enluarado e pontilhado por milhões de estrelas. Informações: www.arabian-adventures.com

 Museus

Heritage and Diving Village

No tradicional e histórico bairro de Al Shindagha viveu um dos antigos governantes de Dubai, o xeque Saeed al-Maktoum. Atualmente, sua residência está aberta ao público e funciona como um museu. Uma exposição mostra a história marítima de Dubai e a sua indústria de pérolas. Artesãos, tecelões e ceramistas desenvolvem seus ofícios no local, que reproduz, inclusive, uma vila de beduínos. É particularmente animada durante o Dubai Shopping Festival.
Informações: www.dubaitourism.ae

Museu Dubai

Instalado no Forte de Al Fahidi – construído em 1787 -, no bairro de Bastakiya, possui uma pequena, porém preciosa coleção com artefatos que remontam a história de Dubai desde o tempo em que era apenas uma pequena e arenosa vila de pescadores, no início do século 20. O acervo reúne objetos, peças de cerâmica, joias, referências aos souks e itens sobre os animais usados pelos povos nômades do deserto. Informações: www.dubaiculture.ae

Aquário

No centro do gigantesco e luxuoso shopping Dubai Mall está o tanque com capacidadepara mais de 10 milhões de litros de água. Nostrês andares do Dubai Aquarium and Discovery Center vivem mais 33 mil seres marinhos de 150 diferentes espécies, incluindo cerca de 400 tubarões e arraias. A entrada dos visitantes é através de um túnel subaquático que proporciona visão panorâmica de 270 graus. O complexo integra também o Underwater Zoo com 36 vitrines individuais e leva os visitantes por vários ambientes aquáticos. Os mais corajosos podem mergulhar e nadar com tubarões ou passear no Glass Bottom Boat Rides – barcos com fundos de vidro. Informações: www.thedubaiaquarium.com

O Ski Dubai é o primeiro e maior resort de esqui no Oriente Médio com cinco pistas cobertas de neve verdadeira

O Ski Dubai é o primeiro e maior resort de esqui no Oriente Médio com cinco pistas cobertas de neve verdadeira.

Ski Dubai

No interior do Dubai Emirates Mall está a famosa pista de esqui na neve com 80 metros na parte mais alta e 22,5 mil metros quadrados de área de patinação interna. Conta com monitores para crianças e oferece cinco pistas com dificuldades variadas, sendo a mais longa com 400 metros. Informações: www.skidubai.com

Dubai Ice Rink

Tem pista de patinação de tamanho olímpico e oferece várias opções com eventos o ano todo, incluindo competições de skate, shows e outros acontecimentos ligados ao esporte. Um equipamento reconstitui o gelo a cada duas horas para assegurar a alta qualidade da pista o tempo todo. Informações: www.theplaymania.com e www.dubaiicerink.com

pishta

Dubai Ice Rink

Expo 2020

Durante os seis meses da Exposição Mundial – 20 de outubro de 2020 a 10 de abril de 2021 – são esperados 25 milhões de visitantes. Para alcançar o objetivo, vários megaprojetos já estão em andamento. A exposição será realizada dentro de uma cidade gigante com 1,1 milhão de metros quadrados e movida a energia solar. O evento marcará a celebração do Jubileu de Ouro do país e servirá como um trampolim para uma visão progressista e sustentável nas próximas décadas. Informações: www.expo2020dubai.ae

A bela mesquita Jumeirah é um dos pontos turísticos mais fotografados, principalmente à noite, quando está iluminada

A bela mesquita Jumeirah é um dos pontos turísticos mais fotografados,
principalmente à noite, quando está iluminada.

Mesquita Jumeirah

As mesquitas de Dubai não permitem a entrada de não-muçulmanos e visitantes de outras culturas. Essa é a única exceção e oportunidade para conhecer a verdadeira face do islamismo no emirado. O Centro Sheikh Mohammed para a Compreensão Cultural organiza excursões para a mesquita como parte da política “Portas Abertas, Mentes Abertas”, desenvolvida para reunir as diferentes nacionalidades. Durante a visita guiada os turistas podem, excepcionalmente, fotografar a parte interna da mesquita, portanto, leve sua câmera. É proibida a entrada de pessoas com roupas que exponham o corpo em demasia, tais como saias curtas, shorts e bermudas, tops e camisetas regatas. As mulheres têm que cobrir a cabeça com véu para entrar. Informações: www.cultures.ae

PARAÍSO DAS COMPRAS

O TripAdvisor indica Dubai como sendo o melhor destino para compras à frente de Nova York e Londres. E as muitas opções agradam todos os gostos e bolsos. Não deixe de conhecer os souk, mercados típicos dos emirados, que em suas ruas estreitas oferecem tecidos, sedas e brocados de boa qualidade, especiarias e uma infinidade de quinquilharias. Há, também, um especializado em ouro e joias, o Souk Old gold, com 250 lojas no histórico bairro de Deira. A regra básica, em todos eles, é sempre pechinchar e oferecer menos da metade do valor pedido. O outro lado são os diversos e luxuosos shoppings da cidade. Todos com dimensões gigantescas
e com ar-condicionado geladíssimos, oferecem produtos de todas as grifes internacionais e com preços livres de impostos.

Dubai Mall

O maior do mundo, no complexo Burj Khalifa, atraiu 75 milhões de visitantes em 2013. Projeto de expansão com mais um milhão de metros quadrados está em andamento para que o complexo possa receber 100 milhões de visitantes. São 1,2 mil lojas, 150 bares e restaurantes, um hotel 5 estrelas e incontáveis opções de lazer. Tem a maior coleção de marcas da moda e grifes em um só espaço, com destaque para a Fashion Avenue, com 40 mil metros quadrados. As atrações incluem um aquário de tubarões, um parque temático coberto, um rinque de patinação no gelo e um cinema com 22 salas de exibição tipo multiplex stadium. Se cansar é só entrar em um dos muitos táxis – carrinhos elétricos – que circulam no interior do Shopping. Informações: www.thedubaimall.com

Souk Medinat Jumeirah

Localizado no interior do Jumeirah Medinat, hotel-butique de proporções babilônicas, possui seis longos corredores estreitos e sinuosos que lembram os tradicionais mercados árabes. Uma infinidade de aromas e cores surpreendem em cada esquina. Em suas bancas são comercializados desde souvenires e especiarias até objetos de artes, decoração, antiguidades e joias. Dezenas de restaurantes e bares com padrão internacional ajudam a passar o dia e até tarde da noite. Aproveite para conhecer o resort projetado em estilo árabe com spa e campo de golfe. Informações: www.jumeirah.com

Mall of the Emirates

Gigantesco, tem uma grande variedade lojas, um complexo de cinema, uma enorme área de jogos, uma galeria completa com pistas de boliche, entre outras atrações. Lá está, também, o Ski Dubai, uma das maiores atrações turísticas nos EAU. Informações: www.malloftheemirates.com

Dubai Outlet Mall

Maior shopping de lojas de ponta de estoque está localizado a cerca de 25 km do centro da cidade, a caminho do emirado de Al Ain. Diferentemente dos outros, não é tão bonito nem luxuoso, mas possui lojas que vendem produtos com descontos consideráveis. Lá estão marcas como Adidas, Nike, Burberry, Diesel, Esprit, Guess, Mango, Tommy, entre outras. Informações: www.dubaioutletmall.com

Wafi Centre

Um dos mais bonitos de Dubai, proporciona uma experiência diferente por causa de sua decoração inspirada na temática egípcia. Luxuoso, conta com mais de 300 lojas e 30 restaurantes. Um show de luzes e sons, com imagens projetadas na fachada externa do edifício, acontece todas as noites. Informações: www.wafi.com

Mall of the World

Um novo e ambicioso projeto, que terá o tamanho de uma cidade e totalmente climatizado, abrigará o maior parque temático coberto do mundo, cerca de 20 mil quartos distribuídos por uma centena de hotéis, estacionamento subterrâneo para 50 mil carros e um centro comercial com mais de 70 mil metros quadrados. Terá, também, o maior shopping center do mundo com capacidade para receber mais de 180 milhões de visitantes anuais.

Aeroportos

shoppimn

O Aeroporto Internacional de Dubai recebeu 6,1 milhões de passageiros em abril.

Durante cinco meses consecutivos, o Aeroporto Internacional de Dubai somou 29,6 milhões de passageiros e se manteve à frente de Heathrow, em Londres, como o mais movimentado do mundo para o tráfego internacional de passageiros. Em abril, bateu seu próprio recorde quando recebeu 6,1 milhões de passageiros. Obras de ampliação permitirá que receba até 70 milhões de passageiros/ano. Apesar disso, um novo aeroporto está sendo construído e já funciona parcialmente. Localizado na cidade vizinha de Jebel Ali, o Aeroporto Internacional de Dubai World Central (DWC), o al-Maktoum International, com cinco pistas paralelas e uma capacidade anual projetada para 160 milhões de passageiros será o maior e mais luxuoso aeroporto do mundo. Informações: www.dubaiairport.com e www.dwc.ae

Instagram

Seis meses após seu lançamento, a campanha #MyDubai ultrapassou a marca de 1 milhão de imagens compartilhadas. A iniciativa em criar a primeira autobiografia de uma cidade convida visitantes e residentes a usar a hashtag ao compartilhar suas fotos na rede social Instagram. Para marcar a conquista e mostrar a seleção das fotografias, o Dubai International Financial Centre (DIFC) e a Elevision Media exibirão as imagens em uma tela de LED de 96 metros, premiando o talento artístico dos fotógrafos. Serão instaladas telas digitais em mais de 75 edifícios no emirado.

PARA QUANDO VOCÊ FOR A DUBAI

Dubai está localizado no sudeste da Península Arábica e a sudoeste do Golfo Pérsico. Com uma área aproximada de 3,9 mil km2 é governado pela dinastia al-Maktoum desde 1833. Até o início dos anos 1970 tinha situação precária e só despontou para o mundo após uma revolução pela modernização. Hoje, a economia de Dubai já não depende da produção do petróleo e tem receitas bilionárias graças ao setor imobiliário, turismo, comércio, financeiro e tecnologia da informação.

Idioma – O árabe é o oficial e o inglês é ensinado nas escolas e bastante utilizado.

Moeda – Dirham – R$ 1 vale aproximadamente 1,55 Dirhams. Casas de câmbio e caixas eletrônicos são amplamente disponíveis. Cartões de crédito são bem aceitos, embora alguns visitantes brasileiros tenham problemas ocasionais no processamento das transações com “chip”.

Fuso horário – Sete horas a mais em relação a Brasília.

Clima – No verão a temperatura média é de 40ºC, com picos que chegam até os 50ºC. A melhor época para a viagem é entre novembro e março, período em que a temperatura é mais amena com médias de 30ºC. As noites são frescas e agradáveis.

Visto – É necessário para brasileiros, porém a companhia aérea (Emirates Airline) e os próprios hotéis onde o visitante tiver reserva podem providenciar. Porém, o viajante deve certificar-se de que o visto será providenciado. Custa cerca de US$ 65, deve ser pedido pelo menos três semanas antes da viagem e autoriza permanências de até 30 dias no país. Geralmente, são fornecidos vistos de entrada única.

Transportes – A cidade é servida por poucos ônibus já que a maioria da população se desloca de automóveis. O pagamento da tarifa é feito através de um cartão
chamado Nol, disponível nas estações de metrô ou em algumas lojas. Informações: www.nol.ae . A frota de táxis é grande e com uma curiosidade: os veículos de cor rosa e com motoristas mulheres são exclusivos para o transporte de mulheres e famílias. Informações: www.dtc.dubai.ae . O metrô de Dubai é um dos transportes públicos mais avançados do mundo e tem 52 km de linhas. Completamente automatizado, possui estações com ar-condicionado e vagões separados apenas para mulheres e crianças, além de vagões Gold Class para passageiros que desejam viajar com mais conforto. Informações: www.wojhati.rta.ae. Para atravessar o Creek existem táxis aquáticos e a viagem de apenas cinco minutos custa 1 Dirham. Caso prefira alugar um carro e conhecer a cidade por conta própria, prepare-se para enfrentar engarrafamentos, porém, há boa sinalização em inglês. A notícia boa é que a gasolina é barata, apenas 6,25 Dirhams por galão – o equivalente a 3,8 litros – e o preço do estacionamento é geralmente em torno de 5 Dirhams para cada duas horas. A carteira de motorista brasileira não é aceita nos EAU e os turistas devem obter a licença no modelo internacional com antecedência para poder alugar um veículo. Mas, atenção, as leis são severas para quem cometer infrações no trânsito. Dirigir com qualquer quantidade de álcool no sangue é considerado crime e também não é permitido levar bebidas alcoólicas no carro.

Bebidas – O consumo de álcool é proibido em locais públicos e liberado apenas para não-muçulmanos em lugares autorizados como restaurantes, bares e espaços privados.

Religião – A oficial é o Islamismo, porém, existem também templos hindus e cristãos. Os nativos seguidores do Islam rezam para Alá cinco vezes por dia. Várias mesquitas da cidade chamam os fiéis para orar através de alto-falantes. Há mesquitas específicas para mulheres e até os shopping têm salas de oração. Sexta-feira é considerado dia sagrado. A vida financeira para tal como acontece aos domingos no mundo ocidental. O horário de funcionamento do comércio e
dos restaurantes se alteram.

Água – Toda a água de Dubai vem do mar, passando por processo de dessalinização e tratada para o consumo.

Segurança – Logo na chegada, os visitantes são avisados de que em Dubai não há crimes e a segurança é total. Portanto, fiquem à vontade para usar e ostentar seus relógios, correntes e outras joias sem medo. Dificilmente viaturas e policiais são vistos circulando pelas ruas, mas, acreditem, eles estão por todas as partes.

Embaixada do Brasil – Nos EAU, a Embaixada brasileira está localizada em Abu Dhabi – Madinat Zayed, street 5, villa. Tel. 3(+971) 02 632-0606. O contato pode ser feito também pelos e-mails [email protected] e [email protected] Em situações graves e de comprovada emergência, o setor consular pode ser contatado fora do horário de expediente, em qualquer dia da semana, finais de semana e feriados pelo celular do plantão: (+971) 050 818-0465. Informações: www.abudhabi. itamaraty.gov.br

Embaixada de Dubai no Brasil – SHIS QI 05 Chácara 54 – Lago Sul – Brasília (DF). Tel. (61) 3248-0717. Informações: www.uae.org.br .

Onde ficar – A cidade é servida por alguns dos melhores hotéis do mundo. Porém, lembre-se que os impecáveis serviços e infraestrutura luxuosa significam diárias com preços bem altos. Mas há boas opções na rede hoteleira com tarifas mais em conta e com a café da manhã. Os símbolos hoteleiros de Dubai continuam sendo os Burj Al Arab e o Jumeirah Beach Hotel.

Companhia Aérea – A Emirates Airline é a única empresa aérea que realiza voos diretos – com duração de 14h30 – entre o Brasil e Dubai. Atualmente, oferece ligações diárias a partir de São Paulo e também do Rio de Janeiro. Ambos os voos são operados pelos Boeing 777-300 ER com capacidade para 354 passageiros em três classes. Informações: www.emirates.com.br ou tel. (11) 5503-5000.

Ligações a cobrar para o Brasil  A Embratel não fornece o serviço.

Emergência – O número para chamar a polícia é o 999.

Informações – www.dubaitourism.ae

Pacotes turísticos

Várias operadoras de turismo oferecem pacotes para Dubai. Confira:
CVC – www.cvc.com.br ou tel. (11) 3003-9282
Flytour – www.flytour.com.br
Luxtravel – www.luxtravel.com.br ou tel. (11) 3017-5656
Nascimento Turismo – www.nascimento.com.br ou tel. (11) 3156-9944
Soft Travel – www.softtravel.com.br ou tel. (11) 3017-9999
Visual – www.visualturismo.com.br ou tel. (11) 3235-2030

Comentários