logo

Telefone: (11) 3024-9500

Dicas para curtir Buenos Aires durante o verão | Qual Viagem Logo

Buenos Aires, Argentina - November 4, 2018: United Nations Park in Buenos Aires. In the Background the Floralis Generica. Its a metal Sculpture in the United Nations Park, which opens and closes its petal based on solar rays. It is located in the Recoleta Neighborhood.

Dicas para curtir Buenos Aires durante o verão

17 de janeiro de 2020

Se você planeja viajar com sua família, sozinho ou com amigos, Buenos Aires é o destino ideal para você conhecer no verão, já que muitos moradores da cidade viajam de férias nessa época e o ritmo da cidade fica mais descontraído e calmo. A Entidade de Turismo de Buenos Aires recomenda os meses de janeiro e fevereiro para visitar a cidade, já que nesta época o trânsito é mais ágil e o transporte público mais confortável.

Buenos Aires Playa é a primeira praia urbana da América Latina, onde turistas e moradores podem aproveitar o verão no Parque de los Niños (localizado na zona norte) e no Parque Indoamericano (na zona sul). São espaços com areia, guarda-sóis, espreguiçadeiras, chuveiros, jogos aquáticos, quadras de futebol e vôlei de praia e setores de leitura, além de aulas de dança e ginástica aeróbica. Além disso, às sextas, sábados e domingos, você pode assistir a diferentes espetáculos e shows musicais, criando o espaço ideal de verão para adultos e crianças. Funcionam de 10 de janeiro a 01 de março, de terça a domingo, das 10h às 20h. Todas as atividades são gratuitas.

Carnavais Porteños: música, cor e alegria tomam conta de Buenos Aires durante todo o mês de fevereiro, onde você pode apreciar as murgas (tradicionais bandas carnavalescas), que em 1997 foram declaradas Patrimônio Cultural da Cidade de Buenos Aires. Geralmente existem mais de 100 murgas que são os protagonistas da animação do corso com danças, apitaços, tambores de disco e tocadores de bumbo. Os desfiles são gratuitos e acontecem em diferentes avenidas de Buenos Aires e em diferentes bairros, que se distinguem pela variedade de ritmos. É uma maneira diferente de conhecer a cidade e entrar no coração de cada bairro de Buenos Aires. Este ano, serão celebrados em todos os finais de semana de fevereiro, incluindo os feriados de 24 e 25, que correspondem à segunda e à terça-feira do Carnaval, ocasião na qual o encerramento destes espetáculos será na Avenida de Mayo, com os estandes com culinária requintada.

Aproveite os espaços verdes da cidade: Buenos Aires possui muitos espaços verdes, ideais para caminhar, descansar ou exercitar-se. Saiba o que cada um dos parques oferece no verão:

Jardim Botânico Carlos Thays: é um espaço verde que preserva uma importante coleção viva de espécimes de árvores e oferece às crianças a oportunidade de realizar expedições botânicas e de conhecer a Biblioteca Infantil da Natureza, que contém materiais para investigar as ciências naturais através de histórias e desenhos.

Ecoparque: espaço público para educação ambiental e conservação de espécies. Um passeio ideal para toda a família, aberto ao público gratuitamente, com atividades educacionais e recreativas. Durante o verão, o Ecoparque convida você a aprender sobre biodiversidade e desfrutar de um ambiente natural especialmente recriado.

Reserva Ecológica: com seus 350 hectares, é o maior espaço verde da cidade de Buenos Aires e tem uma proposta inigualável de conhecer flora e fauna nativas da cidade. Florestas, pradarias, lagos e lagoas fazem parte deste espaço único, declarado em 2005 como um sítio Ramsar por sua importância global e histórica como pântano.

Foto por iStock / Natalia SO

Foto por iStock / Natalia SO

Parque 3 de Febrero: com seu lago, seu anfiteatro e o Rosedal, é um dos espaços verdes mais conhecidos da cidade e o favorito dos turistas que visitam a capital argentina. Possui dois lagos artificiais que podem ser percorridos de barco ou em pedalinhos. Estima-se que os bosques tenham mais de dez mil tipos de árvores.

Caso você prefira andar de bicicleta ou a pé, pode aproveitar os circuitos guiados gratuitos oferecidos pela Entidade de Turismo da Cidade pelos bairros mais emblemáticos de Buenos Aires. Para ter em conta: durante o verão, o calor na cidade é intenso e a temperatura pode exceder os 30°C, por isso é recomendável fazer esse tipo de passeio após as 17h, quando a temperatura cai e manter-se hidratado bebendo muita água e vestindo roupas leves durante todo o dia.

Escapada a poucos quilômetros da cidade: a apenas 32 km do centro e a uma hora de trem do terminal ferroviário do Retiro, existe uma cidade chamada Tigre, ideal para passar o dia com vista para o Delta do Rio Paraná, o quinto maior do mundo. Ao contrário dos outros deltas do mundo, ele não está em contato direto com o mar, é o único que deságua em um estuário de água doce, o Rio da Prata, que por sua vez é o rio mais largo do mundo. É o único delta do mundo cuja navegação não gera a passagem forçada pelo rio principal e permite navegar por diferentes rios e córregos que se comunicam naturalmente.

Foto por iStock / diegograndi

Foto por iStock / diegograndi

O mais recomendável para conhecer Tigre é passear a pé para apreciar a sombra de suas árvores, observar as fachadas de suas casas antigas, parar para comer alguma coisa ou tirar fotos de suas pontes. Já chegando ao final do passeio, você ficará surpreso com o Museu de Arte Tigre, cuja construção majestosa é uma peça magnífica da belle époque argentina. Lá você poderá conhecer a coleção estável de arte figurativa argentina que abrange desde o final do século XIX até meados do século XX.  

Para finalizar o dia, nada melhor do que um coquetel com uma vista privilegiada em alguns rooftops da cidade de Buenos Aires. Confira algumas opções abaixo:

Trade Sky Bar: nas alturas do emblemático edifício Comega, no coração do centro de Buenos Aires e cercado por arranha-céus que fazem daquele lugar da cidade o cartão-postal perfeito, foi recentemente inaugurado o Trade Sky Bar, dos mesmos proprietários de outros bares que são um sucesso, como o Nicky Harrison e o Uptown. Localizado na Av. Corrientes 222, a novidade tem três conceitos: um bar e restaurante no 19º andar, o restaurante japonês Crudos Omakase no 20º andar e, finalmente, o Rooftop do 21º andar, o mais “instagramável” de todos, de onde se tem uma impressionante vista 360º ​​dos pontos mais emblemáticos da cidade: o Obelisco, a Rua Corrientes, a Torre de Ingleses, o Luna Park, a Reserva Ecológica Puerto Madero, a Casa Rosada e o Rio da Prata.

Crystal Bar: destaca-se não só pela altura, mas também pela proposta gastronômica de vanguarda e muito delicada. Localizado no 32º andar do Alvear Icon de Puerto Madero, oferece uma das melhores vistas da cidade e do espetacular Rio da Prata. Oferece bebidas exclusivas e clássicos especiais de vermute e tônica.

Mais informações em: www.turismo.buenosaires.gob.ar

Texto por: Agência com edição de Patrícia Chemin

Foto destaque por: iStock / Ben185

Comentários