logo

Telefone: (11) 3024-9500

Cinco passeios de barco que só o Brasil tem | Qual Viagem Logo

View of beautiful All Saints Bay in Salvador, Bahia, Brazil

Cinco passeios de barco que só o Brasil tem

17 de setembro de 2019

O litoral brasileiro tem mais a oferecer do que as praias famosas: reserva paisagens de beleza singular que fazem com que os mais exigentes coloquem o país entre os destinos preferidos. Conhecer cada uma das 365 ilhas de Angra dos Reis, percorrer o mar de Salvador como feito na época das expedições, explorar as praias escondidas de Ubatuba e Guarujá e ter o privilégio de vislumbrar os ícones cariocas por outro ângulo – o marítimo – são experiências ímpares. Especialista no aluguel de barcos, a Nautal indica cinco lugares que são parada obrigatória.

Angra dos Reis, uma ilha para cada dia do ano

Foto via iStock por FelipeGoifman

Foto via iStock por FelipeGoifman

Angra dos Reis tem 365 ilhas, uma para cada dia do ano. A maior delas é Ilha Grande, que protege a região das correntes oceânicas e torna as águas fáceis de navegar, propícias para esportes náuticos e com rica vida marinha. A Ilha de Lopes Mendes é considerada uma das mais bonitas do país, mas o mar verde esmeralda em contraste com a areia branca da Ilha da Gipóia e o azul da Lagoa Azul também são encantadores.

Saco do Céu, Ilha Botinas, Ponta da Piedade e as praias da Fazenda e do Dentista

Foto via iStock por Leoaraujo7

Foto via iStock por Leoaraujo7

Para chegar às ilhas menores, o indicado é alugar uma lancha, uma vez que muitas só são acessadas por embarcações de pequeno porte. Outra recomendação é respeitar o cercamento de áreas com barreira de boias – não só em Angra mas em outro municípios – para evitar acidentes com banhistas. Longe da demarcação, a ordem é aproveitar a natureza, relaxar e se divertir.

Cidade Maravilhosa sob uma nova perspectiva

Foto via iStock por R.M. Nunes

Foto via iStock por R.M. Nunes

O Rio de Janeiro dispensa apresentações, mas o cenário ganha um novo olhar quando visto de um ângulo privilegiado: do mar. No entorno da Baía de Guanabara o barco faz um verdadeiro city tour e transforma os cartões postais em obras de arte a céu aberto: a Fortaleza de São João, o Pão de Açúcar, a Praia do Flamengo com vista para o Cristo Redentor, a Ilha Fiscal, a ponte Rio-Niterói e o Museu do Amanhã.

“O mar é fascinante, e quando unido à geografia do Rio, ainda mais com aquele pôr do sol espetacular, é de tirar o fôlego”, diz Nelcio Marchioro, proprietário de um catamarã para aluguel no site da Nautal. A embarcação leva, ainda, a ilhas oceânicas, como Cagarras, Tijucas, Cotunduba, Rasa e Maricás, longe da aglomeração de turistas.

O mar histórico de Salvador

Foto via iStock por jeilson

Foto via iStock por jeilson

Maior baía da costa litorânea brasileira, a Baía de Todos-os-Santos, em Salvador, é a segunda maior do mundo – atrás apenas do Golfo de Bengala. Dela originou-se, inclusive, o nome do estado, Bahia. O mar envolto pela Mata Atlântica, com manguezais, restingas e recifes de corais encantaram Américo Vespúcio na expedição de 1501 e continua deixando os navegantes de queixo caído.

A Ilha dos Frades, a quase duas horas do continente, é um dos tesouros descobertos no século 17. Com águas calmas, mornas e cristalinas, é indicada para a prática de snorkelling e standup paddle e tem no alto de um morro a capela de Nossa Senhora de Guadalupe. Os esportes náuticos também são ponto alto em Itaparica, mas o entardecer é o momento de parar e contemplar o sol se pôr, especialmente a bordo, ao vê-lo iluminar o Elevador Lacerda e as construções da Cidade Alta.

A vida marinha abundante de Ubatuba

Foto via iStock por GabrielPevide

Foto via iStock por GabrielPevide

Com 100 km de costa e mais de 100 praias, Ubatuba é reduto de paisagens de águas limpas, areias brancas e vida submarina – a Ilha das Couves, inclusive, é chamada de aquário natural. Ao norte, as praias da Almada, Prumirim e do Félix merecem destaque no roteiro, enquanto que, ao sul, Enseada e Lázaro são as mais populares.

Guarujá, a Pérola do Atlântico

Foto via iStock por lefpic

Foto via iStock por lefpic

Não é à toa que Guarujá é conhecida como Pérola do Atlântico. Além das praias famosas, como Pitangueiras e Enseada, a cidade tem destinos mais privativos e não tão divulgados, que podem ser acessados por barcos. A ilha das Cabras, da Moela e das Palmas são algumas que rodeiam o município, enquanto que nas praias do Éden, São Pedro, do Iporanga, Sangava, Velho e Cheira Limão o visitante se depara com cenários que destoam da vida frenética de São Paulo, a apenas 95 km dali.

Mais Informações:  www.nautal.com.br

Texto por Agência com edição de Carolina Berlato

Imagem Destacada via iStock por R.M. Nunes

Comentários