logo

Telefone: (11) 3024-9500

Arashiyama: florestas de bambu, templos e vilas históricas | Qual Viagem Logo

Bamboo Forest. Asian woman wearing japanese traditional kimono at Bamboo Forest in Kyoto, Japan.

Arashiyama: florestas de bambu, templos e vilas históricas

12 de fevereiro de 2019

Quioto é o lugar ideal para conhecer a cultura milenar do Japão. A cidade, que foi a capital imperial do país, guarda tesouros históricos, templos e santuários centenários, belíssimos palácios, jardins floridos e uma refinada gastronomia “kaiseki”.

No entanto, é em Arashiyama que estão as mais lindas atrações de Quioto, como a Floresta Sagano Bamboo. O bairro é bem residencial e agradável, principalmente se visitado durante o final começo a da primavera e durante o outono, e desde o período Heian – por volta de 710 – é uma área famosa devido seus cenários naturais, onde os nobres iam para descansar.

A ponte Togetsukyo é o centro da cidade, onde ficam os melhores restaurantes, hotéis e pousadas, além de ser muito próxima da estação de trem. O Parque dos Macacos de Itawayama fica bem pertinho da ponte, onde os bichinhos circulam livremente e vale muito a pena a visita.

Foto via iStock por 7maru

Foto via iStock por 7maru

O templo de Tenryuji, considerado um dos cinco grandes Templos Zen de Quioto, foi erguido em 1338, durante o império de Go-Daigo e é o maior de Arashiyama, além de ter sido incluso na lista de Patrimônio Mundial da Unesco. Os visitantes podem fazer trilhas pelos jardins que ficam ao redor do santuário.

Foto via iStock por bennymarty

Foto via iStock por bennymarty

Outro templo que vale uma visita é o de Otagi Nenbutsuji. Apesar de ter sido construído a pouco tempo, no final dos anos 80 e início dos anos 90, Otagi Nenbutsuji ficou bastante famoso devido as 1.200 estátuas de pedra rakan, que representam os devotos e discípulos de Buda.

Foto via iStock por fazon1

Foto via iStock por fazon1

Sagano Bamboo é a grande atração da cidade. Saindo a partir da estação de trem de Arashiyama Hankyu, a floresta de bambus fica a 15 cerca de minutos a pé. Logo na entrada, há um lindo túnel de bambus e que segue por dentro do bosque.

Foto via iStock por the.epic.man

Foto via iStock por the.epic.man

Os visitantes podem fazer o percurso a pé ou de bicicleta, enquanto aproveitam a incrível paisagem. Caso bata um cansaço, dentro da floresta existem jinrikisha, uma riquixá – espécie de carroça – puxada por uma pessoa. Apesar da pratica ter sido banida em muitos lugares, devido à preocupação com os trabalhadores que puxam as riquixás, ainda é bem comum em Arashiyama.

No fundo dos bosques de Sagano Bamboo está a encantadora Vila Okochi Sanso, onde morou o popular ator Okochi Denjiro, que ficou reconhecido ao interpretar papéis em “jidaigeki” e ”chambara”, filmes de época com muitas cenas de lutas de espadachins.

Foto via iStock por AndresGarciaM

Foto via iStock por AndresGarciaM

Okochi Sanso possui diversos jardins e edifícios diferentes, incluindo alojamentos e casas de chá. A entrada nas casas não é permitida, o ingresso inclui um estudo sobre a era Momoyama e chá verde matcha com um lanche.

Texto por Agência com edição de Carolina Berlato

Imagem Destacada via iStock tawatchaiprakobkit

Comentários