logo

Telefone: (11) 3024-9500

AccorHotels estabelece expectativas para 2016 | Qual Viagem Logo

accor

AccorHotels estabelece expectativas para 2016

24 de fevereiro de 2016

Em evento realizado na cidade de São Paulo, o CEO da AccorHotels, Patrick Mendes, divulgou o balanço da empresa no ano de 2015 e estabeleceu as expectativas para 2016. No ano passado, a AccorHotels manteve seu ritmo de crescimento na América do Sul, com 27 hotéis inaugurados na região. Em 2016, o grupo pretende inaugurar cerca de 30 hotéis e oferecer novas soluções digitais ao cliente.

De acordo com Patrick Mendes, que assumiu o comando da empresa em julho do ano passado, a Accor está em processo de reestruturação e, para isso, montou um novo Comitê de Direção na América do Sul baseado em quatro eixos estratégicos. São os seguintes: melhorar a relação com investidores, oferecer a melhor plataforma digital de distribuição, promover a melhor experiência ao cliente e valorizar ainda mais seus funcionários.

A empresa fechou o ano de 2015 com um resultado melhor do que o esperado, mesmo com um cenário econômico mundial difícil. A crise no Brasil impactou os resultados na América do Sul: o volume de negócios no Brasil apresentou uma queda de 5,8% em relação a 2014. Porém, esse impacto foi menor do que o previsto, já que os números em países como o Chile, Peru e Colômbia compensaram. O cenário de crise trouxe alguns efeitos positivos aos negócios: ajudou a empresa a rever processos e melhorar sua preparação para o futuro, além de motivar um desenvolvimento ainda maior e a busca por inovações.

Além disso, a variação atual do câmbio trouxe algumas consequências interessantes para os hotéis no Brasil. Há mais estrangeiros visitando o Brasil, principalmente europeus e norte-americanos. Só nos hotéis “luxury”da Accor no Brasil há de 15 a 20% a mais de ocupação de estrangeiros em relação a anos anteriores. Há também mais brasileiros com alto poder aquisitivo viajando pelo Brasil e América do Sul.

O objetivo do Grupo AccorHotels é chegar a 500 hotéis em operação na América do Sul até 2020, sendo a grande maioria deles no Brasil. A grande aposta do momento é a cidade do Rio de Janeiro, onde a empresa deve inaugurar até agosto deste ano mais seis unidades, já que a cidade possui um potencial turístico muito grande que vai além das Olimpíadas. Como os hotéis Accor já são fortes no segmento corporativo, a intenção também é atrair ainda mais os clientes do turismo de lazer.

A AccorHotels, segundo o CEO da empresa, acredita muito no Brasil e na América do Sul e vai continuar investindo na região, mesmo durante períodos de crise. Nessa nova organização da AccorHotels, o relacionamento com os investidores é fundamental. Outro foco é na valorização das pessoas, tanto clientes quanto funcionários. Para garantir que os resultados de 2016 sejam melhores que os de 2015, Patrick Mendes afirma que a mentalidade mudou dentro da empresa em relação a gastos e planejamento, foi criado o departamento de controladoria de operações para diminuir custos e o foco estará em atrair mais clientes e manter a confiança dos investidores.

Texto por: Patrícia Chemin

Foto destaque por: Patrícia Chemin

Comentários