logo

Telefone: (11) 3024-9500

8 motivos para visitar o Chile o quanto antes Logo

Foto por Istock/ DC_Colombia

8 motivos para visitar o Chile o quanto antes

23 de maio de 2016

Aqui na América do Sul, o Chile é um dos destinos mais visitados pelos brasileiros. Com destinos de neve, roteiros de vinho e cidades incríveis, o país tem diversas atrações que merecem uma visita. Se você ainda não se aventurou em terras chilenas, veja 8 motivos que separamos para você passar um tempo no Chi-Chi-Chi-le-le-le.

Neve

Foto por Istock/ richard_cheles

Foto por Istock/ richard_cheles

O país possui os melhores centros de esqui da América do Sul. O famoso Valle Nevado, próximo à Santiago, é o mais visitado. E mais ao sul, o Valle Las Trancas possui ótima estrutura para esquiar ou praticar snowboard.

Deserto do Atacama

Foto por Istock/ Dmitry Chulov

Foto por Istock/ Dmitry Chulov

O lugar tem uma paisagem incrível. De vulcões, dunas, lagos, montanhas – algumas nevadas-, penhascos, rios, salares, gêiseres, formações rochosas deslumbrantes até um céu incrivelmente estrelado como você nunca viu igual. Tudo isso em uma área com cerca de mil quilômetros de extensão localizada entre o norte do Chile até a fronteira com o Peru. O Atacama é o deserto mais alto – 2,4 mil metros de altitude – e mais árido do mundo, pois chove muito pouco na região. O ponto de partida para o roteiro é a cidade de San Pedro de Atacama.

Patagônia Chilena

Foto por Istock/ ailtonsza

Foto por Istock/ ailtonsza

A Patagônia Chilena é outra região inóspita e com paisagens estonteantes que vão de montanhas nevadas, geleiras, fiordes, vales, rios e lagos azuis da região. O lugar engloba a Cordilheira da Costa, formando um arquipélago com mais de 2.000 km de extensão composto por milhares de ilhas e canais inexplorados, e a Cordilheira dos Andes, que apresenta altas montanhas nevadas, geleiras, vulcões, vales recobertos por florestas, além de uma peculiar e extensa planície dividida ao meio entre Chile e Argentina popularmente conhecida como Terra do Fogo.

Ilha de Páscoa

Foto por IStock/ AlbertoLoyo

Foto por IStock/ AlbertoLoyo

Distante cerca de 3500 quilômetros da costa chilena, a Ilha de Páscoa é um dos lugares mais misteriosos do mundo. O principal símbolo da ilha são os Moais, gigantescas estátuas de pedra vulcânica, o último legado de um povo que desapareceu. Por lá estão mais de 600 das enormes estátuas espalhadas pela ilha.

Vinho chileno

Foto por Istock/ Renato_Pessanha

Foto por Istock/ Renato_Pessanha

O famoso vinho chileno é bastante querido pelos brasileiros. Estando no país, é possível visitar algumas das melhores vinícolas da América do Sul. A Concha Y Toro, por exemplo, é a maior do Chile e a terceira maior do mundo. E no Valle do Colchagua a Casa Silva, com vinhos de altíssima qualidade, também vale uma degustação.

Passeio de Barco na lago Chiloé

Foto por Istock/  Jeremy Richards

Foto por Istock/ Jeremy Richards

As águas a oeste de Chiloé e ao sul, no Golfo de Corcovado, são o único lugar conhecido no mundo onde as baleias azuis se reúnem para se alimentar.

Cordilheira dos Andes

Foto por Istock/ stellapadao

Foto por Istock/ stellapadao

A Cordilheira dos Andes consiste numa cadeia montanhosa contínua de cerca de 7000 km de extensão que delineia parte do continente sul americano, sendo a maior do planeta Terra. Sua largura varia de 200 a 700 metros de acordo com o ponto de observação, e sua altitude média chega a 400 metros, tendo seu ponto mais alto, o Pico do Aconcágua, com 6962 metros. A cordilheira é um dos cartões-postais mais famosos de todo o Chile, sendo observada, muitas vezes, até da janela de seu hotel. E lá se destacam também as famosas estações de esqui que ficam a cerca de uma hora da cidade de Santiago, como a El Colorado, Farellones, La Parva e a Valle Nevado.

Céu cravado de estrelas

Foto por istock/ DC_Colombia

Foto por istock/ DC_Colombia

Dizem que o Chile tem um dos céus mais bonitos do mundo. Sendo assim, não se pode viajar ao país sem observar as estrelas.

Texto por: Eliria Buso

Foto destaque por Istock/ DC_Colombia

Comentários