logo

Telefone: (11) 3024-9500

7 passeios radicais para quem ama turismo de aventura | Qual Viagem Logo

Foto por Flávio André - MTUR

7 passeios radicais para quem ama turismo de aventura

18 de setembro de 2021

Está à procura de novas inspirações com adrenalina em “solo” nacional? Então você não vai acreditar nessas dicas surreais dos 7 passeios radicais para quem ama turismo de aventura! 

Em primeiro lugar, é bom reservar uma data na agenda para curtir jornadas radicais em destinos exuberantes durante dias. A fim de aproveitar os passeios e relaxar, sem pressa de voltar para casa. E como plano de fundo, nada melhor do que ela: a mãe natureza! As piscinas naturais, cachoeiras, grutas, montanhas e selvas farão parte desse roteiro imperdível.

Além do mais, com as nossas dicas, você poderá escolher o destino ideal considerando as regiões do Brasil. Tem mergulho em águas cristalinas, tirolesa, arvorismo e muito mais!

Prepare-se para dias extraordinários de pura adrenalina nos encantos naturais brasileiros. Veja os 7 passeios radicais para quem ama turismo de aventura.

1. Bonito (MS)

Foto por iStock / FernandoQuevedo

Foto por iStock / FernandoQuevedo

 

Bonito se tornou o centro do ecoturismo no país, ganhando cada vez mais popularidade com o passar dos anos. E isso não é uma mera coincidência. Para quem ama o turismo de aventura, o destino é um dos melhores para “mergulhar” nas práticas radicais.

Outra opção sedutora são as cachoeiras, perfeitas para fazer rapel, trilhas e admirar a paisagem local.

2. Amazônia (AM)

Foto via iStock por RICARDO STUCKERT

Foto via iStock por RICARDO STUCKERT

 

Se o seu forte são as modalidades que envolvem altura, que tal escalar as árvores da Amazônia? A prática é uma das mais procuradas por aventureiros que percorrem o Brasil sedentos por adrenalina. Seguindo as indicações dos instrutores é possível escalar árvores de até 35 metros de altura, com segurança e a companhia de profissionais.

Através do Amazon Tree Climbing, o turista escolhe a região, visita comunidades indígenas e se apaixona pelo norte do país.

3. Boituva (SP)

 Foto: Ken Chu - Expressão Studio

Foto: Ken Chu – Expressão Studio

 

Dedicado a quem procura aventuras radicais aéreas, Boituva (SP) tem excelentes atrações. Geralmente, as pessoas que põem a cidade como destino têm como desejo os famosos passeios de balão. A fim de realizar momentos românticos, divertidos e diferenciados. Admirando todas as belezas naturais e edificadas.

Outra programação muito boa é o paraquedismo patrocinado pelas escolas de atividades aéreas. Dessa maneira, o visitante curte passeios radicais com a equipe de segurança por perto. 

4. Foz do Iguaçu (PR)

Foto por iStock/ rmnunes

Foto por iStock/ rmnunes

 

Imagine a emoção de “entrar” nas águas selvagens das Cataratas do Iguaçu! Sim, você pode fazer isso! Entre os melhores passeios radicais para quem ama turismo de aventura está a prática de rafting no Rio Iguaçu.

O bote inflável percorre 4 km das águas, entre corredeiras e pontos mais calmos. O passeio vai até a central do Macuco Safári. Lembrando que existem profissionais de segurança acompanhando a travessia do Rio Iguaçu. Informação necessária para praticar o turismo de aventura com mais tranquilidade.

Além disso, o Parque Nacional oportuniza ótimas trilhas para trekking, passeios de bike, escalada, arvorismo e muito mais. Vale a pena conhecer a cidade.

5. Fernando de Noronha

Reuber Duarte

Foto via iStock por Reuber Duarte

Fernando de Noronha está localizada a cerca de 500 km da capital de Pernambuco, Recife. Sendo uma área de proteção ambiental e para entrar na ilha é necessário pagar uma taxa – (muita gente ainda estranha essa informação).

Essa taxa ambiental é cobrada de acordo com o número de dias que você irá permanecer na ilha. Quanto mais dias ficar, mais caro é o valor da taxa.

As praias são as principais atrações de Noronha! É importante saber quais praias fazem parte do Parque Nacional Marinho que necessitam de ingresso para que seu acesso seja feito.

Mas também, você poderá curtir mergulhos, flutuações, passeios de barco e incríveis trilhas, que te proporcionarão experiências inesquecíveis na ilha. O custo é alto, mas o retorno é certo. 

6. Natal

Foto por Istock/ Cristiano Babini

Foto por Istock/ Cristiano Babini

 

As praias são as prioridades do roteiro para quem viaja para Natal. 

Com uma semana viajando para lá, as possibilidades são imensas e apostamos que você vai conseguir conhecer diversas praias boas, especialmente as mais distantes do centro como Pipa, Amor, Tabatinga, Genipabu e Parrachos de Maracajaú. 

Indicamos ao menos, um dia de roteiro para cada uma delas.

O legal da viagem para Natal, é que você não precisa ficar apenas na cidade. Poderá conhecer alguns destinos mais longos e, uma recomendação extra, é conhecer a cidade de São Miguel do Gostoso e Genipabu. 

7. Nobres (MT)

Foto por Edson Rodrigues/ Gcom MT

Foto por Edson Rodrigues/ Gcom MT

 

A extensa região de Nobres, no estado de Mato Grosso, aparece em vários pacotes de viagens para fazer ecoturismo. O visitante se divide entre a flutuação no Aquário Encantado, com a companhia dos peixes exóticos, e a boia cross. Tem ainda trilha, tirolesa, mergulho e etc.

Um dos grandes atrativos são as cavernas com visual de cinema, contornando as lagoas azuis e as formações rochosas características. Vale lembrar que algumas cavernas tem até 280 metros de altura, revelando o lar de morcegos e outros animais nativos que ali se abrigam. Para quem ama turismo de aventura essa dica é muito especial.

Foto destaque por Flávio André – MTUR

Comentários