logo

Telefone: (11) 3024-9500

5 praias desertas do Nordeste que merecem ser visitadas | Qual Viagem Logo

Porto de Galinhas Flickr David Ludugério

5 praias desertas do Nordeste que merecem ser visitadas

29 de janeiro de 2016

Que viajante não sonha em ir a uma praia deserta? Ficar um tempo longe do movimento de pessoas pode ser extremamente relaxante e proveitoso. E o Nordeste brasileiro é um prato cheio para isso. Com suas milhares de praias, possui muitas delas desertas. Mais do que isso: além de deserta, são de paisagens de tirar o fôlego. Tanto que surge a pergunta: como uma praia dessa pode ainda ser tão pouco frequentada?

O Dubbi, plataforma colaborativa de viajantes, selecionou cinco delas para você realizar seu sonho.

São Miguel do Gostoso (RN)

 Foto por Wilson-Alcaras-Panoramio

Foto por Wilson-Alcaras-Panoramio

Fica a 110 km ao norte de Natal. É um município com cerca de 10 mil habitantes, conhecido como a esquina do continente sul-americano, por conta de sua localização geográfica. O nome curioso, reza a lenda, teve origem por conta de um homem que hospedava viajantes em sua casa. Contador de histórias, ele “ria gostoso”.

Mas vamos falar de praias. Tem quatro principais: Ponta do Santo Cristo (com as melhores ondas), Praia do Cordeiro (tem um lago natural formado pela água da chuva), Praia da Xêpa (central, paralela à via principal do município), e Praia da Maceió (a mais distante do centro e a mais deserta, ideal para relaxar). As praias de Gostoso não possuem barracas, quiosques ou restaurantes próximos ao mar, e isso é ótimo para ter a sensação de isolamento. São Miguel do Gostoso é um ótimo local para a prática de esportes náuticos que precisam de vento, como o kitesurf e windsuf.

Tambaba e Coqueirinho (PB)

Foto por Beatriz-Barreto-Tanezini-Panoramio

Foto por Beatriz-Barreto-Tanezini-Panoramio

Próxima à capital da Paraíba, no município do Conde, temos uma representante das praias de nudismo. Como toda praia dessa categoria, costuma ser deserta por natureza. E Tambaba é mais do que especial: ela foi a primeira do Nordeste a ser oficializada para esse fim, além de ser considerada pelos naturistas uma das melhores do Brasil. Não é para menos: suas águas de cor esmeralda, cercada por falésias coloridas, corais e piscinas naturais, fazem dela um paraíso.

Um detalhe importante: a área do nudismo fica mais isolada, portanto, caso queira fazer um passeio mais família por lá, isso é perfeitamente plausível.

Caso ache uma empreitada muito arriscada, a praia de Coqueirinho, também em Conde, pode perfeitamente substituir, visto que está sempre presente na lista de praias mais bonitas do estado (a melhor parte é que continua pouco frequentada). Possui vegetação nativa logo atrás da faixa de areia, que dá o tem ideal junto às águas verde-cristalinas.

Jericoacoara (CE)

Foto via Shutterstock Nordeste

Foto via Shutterstock

A praia de Jeri é a mais famosa do lugar. Não chega a ser deserta, mas também está longe de badalação e guarda-sóis emparelhados um do lado do outro. Além da paisagem incrível (areia branca, água cristalina, coqueiros em série), a praia conta com várias opções de lazer, como as aulas de windsurf e kitesurf (possui um dos melhores ventos do Brasil).

O tour de bug pelas dunas (escolha sempre se quer com ou sem emoção) é para manter as tradições das praias cearenses. Depois de acelerar o coração, aproveite para relaxar à beira das lagoas Azul e do Paraíso. Se ainda estiver em tempo, aprecie o pôr do sol na Pedra Furada. Alguns barzinhos e restaurantes na Rua Principal atraem turistas à noite.

Porto de Galinhas (PE)

Foto via Shutterstock

Foto via Shutterstock

Porto de Galinhas é uma praia localizada no município pernambucano de Ipojuca. Como o lugar já cansou de ganhar prêmios como “a praia mais bonita do Brasil”, é de se imaginar que fique cheia de turistas. Mas, calma, não quer dizer que só existirão praias lotadas.

A viajante Cinthia Rodrigues, de São Paulo, dá algumas dicas para fugir da muvuca. “Evite as praias do centro e aproveite a Pontal de Maracaípe, Muro Alto e a Praia dos Carneiros”. Depois de curtir uma praia mais deserta, o aventureiro até pode voltar para as praias principais curtir passeios de bugue e de jangada. O forte mesmo, porém, está na noite da cidade, considerada uma das melhores do litoral nordestino, com barzinhos e baladas.

Veja mais praias desertas no Nordeste.

Texto por: Dubbi – dubbi.com.br

Foto destaque via Flickr David Ludugério

Comentários