logo

Telefone: (11) 3024-9500

5 paisagens naturais para conhecer nos EUA | Qual Viagem Logo

Long exposure of Palouse Falls, WA, showing swirling pattern of water below falls.

5 paisagens naturais para conhecer nos EUA

14 de agosto de 2018

Um país de grandes dimensões sempre possui muitos atrativos para conhecer, como é o caso dos Estados Unidos. Além das cidades e pontos turísticos urbanos que atraem turistas anualmente, diversas regiões do país escondem belezas naturais e exóticas que valem a visita. Confira:

Horseshoe Bend – Arizona

Foto via iStock/ SumikoPhoto

Foto via iStock/ SumikoPhoto

A cerca de 10 minutos da cidade de Page, no Arizona, fica o enorme cânion, cortado pelo Rio Colorado – assim como o Grand Canyon.

Do lado de fora do parque, não dá nem para imaginar o tamanho da beleza que fica escondida ali dentro. É necessário caminhar mais ou menos 1 km até chegar ao mirante que fica a 1.300 metros de altura em relação ao nível do mar. A visão é incrível e de tirar o fôlego. O formato em “U” do cânion é o que mais chama a atenção.

O melhor de tudo é que é possível visitar o Horseshoe Bend gratuitamente, entretanto, não existem funcionários e nem um ponto de ajuda, é tudo pela conta do visitante. Por isso é recomendável se preparar para a caminhada. Use bastante protetor solar, um chapéu ou boné e sapatos confortáveis e leve uma garrafinha d’água.

Hamilton Pool Preserve – Texas

Foto via iStock/ Rauluminate

Foto via iStock/ Rauluminate

As águas verdinhas e cristalinas da piscina natural de Hamilton fazem parte do conjunto de atrativos que o Texas pode oferecer.

A piscina é formada por rios de vários ranchos e fazendas ao redor da região, por isso que quando chove bastante alguns microrganismos são levados cachoeira abaixo, então é bom se informar antes de ir visitar, já que dependendo da época não é possível nadar.

Incrivelmente, o lugar, que é um verdadeiro oásis, é um tanto desconhecido por turistas – o que pode ser uma boa coisa para quem gosta de aproveitar esse tipo de lugar sozinho.

É necessário fazer reserva antecipada para visitar o Hamilton Pool todos os dias até 31 de outubro – entre novembro e dezembro as reservas são feitas apenas para finais de semana. A reserva online custa US$ 11 com cartão de crédito e, para entrar no local com carro, o custo é de US$ 15 por veículo.

Torre do Diabo – Wyoming

Foto via iStock/ LaserLens

Foto via iStock/ LaserLens

Cercada de histórias, a Torre do Diabo na verdade é um vulcão com quase 300 metros de altura. O local é sagrado para os povos indígenas que vivem por ali, que creem que as fendas são marcas de garras de urso, tanto que o local leva o apelido de “Casa dos Ursos”.

A história mais famosa que circula na área é a de garotinhas nativas que brincavam na floresta e acabaram sendo perseguidas pelos animais. Para escaparem, subiram em uma pedra, mas como ela não era alta o suficiente, as meninas rezaram para que o Grande Espírito as salvassem. A divindade fez com que a pedra se elevasse e, quando elas alcançaram os céus, foram transformadas em constelações, que hoje são denominadas de Plêiades.

O local também ficou famoso após aparecer no filme “Contatos Imediatos do Terceiro Grau”, de 1977, com direção do renomado diretor Steven Spielberg.

Cachoeira de Palouse – Washington

Foto via iStock/ svetlana57

Foto via iStock/ svetlana57

Chamada originalmente de Aputapat, que significa “água caindo”, foi renomeada de Palouse Waterfalls, em homenagem à tribo indígena Palouse, os nativos da região.

A cachoeira está dentro de um parque conservado, onde é possível acampar e fazer birdwatching. Porém o estacionamento local é limitado, então, caso queira um espacinho, chegue bem cedo.

Para chegar até o mirante, é necessário caminhar por uma trilha. Aproveite para observar a fauna e a flora daquela zona – você vai encontrar diversos bichinhos e plantas nativas. Fique atento às cobras, que têm ali seu habitat natural. Além da área de camping, o parque oferece banheiros e área para piquenique.

Bryce Canyon – Utah

Foto via iStock/ JimVallee

Foto via iStock/ JimVallee

Hoodoos ou chaminés de fada – formação rochosa irregular causada por erosões – podem ser encontrados em diversos lugares ao redor do mundo, mas em nenhum lugar você vai encontrar como as de Bryce Canyon, e muito menos na mesma quantidade, já que o local possui o maior agrupamento de hoodoos do mundo.

Localizado dentro do Parque Nacional de Bryce Canyon, em Utah, o cânion formado de falésias vermelhas e rosas dá um ar especial para o lugar. O ponto principal é Fairyland Point, o melhor espaço para aproveitar as paisagens locais e ver o pôr do sol. À noite, quando o céu está cheio de estrelas, é possível ver algumas constelações.

Texto por Carolina Berlato

Imagem Destacada via iStock/ cestes001

Comentários