logo

Telefone: (11) 3024-9500

10 pontos turísticos imperdíveis em São Petersburgo | Qual Viagem Logo

St Isaac's Cathedral across Moyka river, St Petersburg, Russia

10 pontos turísticos imperdíveis em São Petersburgo

24 de julho de 2017

Cidade dos palácios, polo das mais diferentes formas de arte, a “Veneza do Norte” e a capital dos czares, São Petersburgo é o principal destino da Rússia – e é fácil entender o motivo. Localizada na foz do Rio Neva, a cidade foi erguida no século XVIII através de um projeto urbanístico do Czar Pedro, o Grande. Entre seus vários canais e mais de 400 pontes, descubra quais atrações você não pode deixar de conhecer em São Petersburgo:

Hermitage / Palácio de Inverno

Foto por iStock / Afonskaya

Foto por iStock / Afonskaya

Ir a São Petersburgo e não conhecer o Hermitage é igual ir a Paris e não conhecer o Louvre. O museu abriga uma das mais importantes coleções de arte e história do mundo, com mais de três milhões de itens espalhados em 200 mil m². Um de seus prédios é o Palácio de Inverno, antiga residência dos czares. Obra-prima do barroco russo, foi construído no século XVIII e é uma das construções mais luxuosas de São Petersburgo. Logo em frente, confira também a Praça do Palácio, a Coluna de Alexandre e o Arco do Triunfo.

Peterhof

Foto por iStock / bwzenith

Foto por iStock / bwzenith

Fora do centro da cidade, Peterhof é um grande complexo que compreende belos parques e o Grande Palácio, planejado pelo Czar Pedro, o Grande para ser o mais luxuoso da Europa e mostrar o poder da Rússia. Às margens do Golfo da Finlândia, é um lugar único, resultado do trabalho dos melhores arquitetos e artistas da época. Hoje, o palácio abriga um ótimo museu.

Catedral de Santo Isaac

Foto por iStock / a-poselenov

Foto por iStock / a-poselenov

Quarta maior catedral do mundo e a maior igreja ortodoxa de São Petersburgo, ocupa um quarteirão inteiro na cidade. Com uma fachada neoclássica, a Catedral de Santo Isaac possui 112 colunas de granito avermelhado e uma cúpula central que atinge mais de 100 metros de altura e é folheada a ouro.

Igreja do Salvador do Sangue Derramado

Foto por iStock / VitalyEdush

Foto por iStock / VitalyEdush

Essa igreja possui uma arquitetura semelhante à da famosa Catedral de São Basílio, em Moscou, com cúpulas coloridas e um interior decorado com sete mil m² de mosaicos. Foi construída entre 1883 e 1907, no lugar onde o imperador Alexandre II foi assassinado.

Nevsky Prospekt

Foto por iStock / Rostislavv

Foto por iStock / Rostislavv

Principal via de São Petersburgo, a Nevsky Prospekt tem 4 km de monumentos, belas construções, museus, restaurantes e centros de compras. Atravessá-la a pé é passeio obrigatório para qualquer turista.

Fortaleza de Pedro e Paulo

Foto por iStock / Evgeniy Stepanenko

Foto por iStock / Evgeniy Stepanenko

A fortaleza, que data do ano 1703, ocupa uma ilha fluvial em pleno centro da cidade. A cidadela amuralhada em formato de estrela tem como ponto central a Catedral de Pedro e Paulo, onde estão os túmulos de quase todos os imperadores russos.

Catedral de Kazan

Foto por iStock / TaiThan

Foto por iStock / TaiThan

Inspirada na Basílica de São Pedro no Vaticano, a Catedral de Kazan impressiona pela grande colunata em formato de meia-lua com 110 metros de extensão, além da cúpula de 80 metros de altura. No interior está uma cópia da imagem de Nossa Senhora de Kazan.

Palácio de Catarina

Foto por iStock / Ivan Nakonechnyy

Foto por iStock / Ivan Nakonechnyy

A alguns quilômetros do centro de São Petersburgo, o Palácio de Catarina é um grande exemplo do estilo barroco na Rússia e foi residência imperial de verão por dois séculos. A área do palácio, chamada de Tsarskoye Selo, também engloba um lindo jardim, 300 hectares de parques, vários monumentos e o Palácio de Alexandre.

Teatro Mariinsky

Foto por iStock / walencienne

Foto por iStock / walencienne

Para assistir a um espetáculo do famoso balé russo ou então à ópera, o Teatro Mariinsky é um dos palcos mais icônicos do país, além de ser uma construção de extrema beleza por dentro e por fora. Inaugurado em 1860, ali aconteceram estreias de obras-primas de nomes como Tchaikovsky.

Museu Estatal Russo

Foto por iStock / efesenko

Foto por iStock / efesenko

O museu ocupa o Palácio de Mikhailovsky e, junto com o Hermitage, é uma das mais importantes coleções de arte da cidade. Suas exibições guardam objetos que contam mais de mil anos de história russa, de quadros e esculturas a peças de vestuário.

Texto por: Patrícia Chemin

Foto destaque por: iStock / romanevgenev

Comentários