logo

Telefone: (11) 3024-9500

Saint Petersburg tem turismo cultural e artístico na Rússia | Qual Viagem Logo

Foto por IStock/scaliger

Saint Petersburg tem turismo cultural e artístico na Rússia

4 de janeiro de 2017

Saint Petersburg é a segunda maior cidade da Rússia, localizada na entrada do golfo da Finlândia. O destino consegue agradar a todos os públicos com apenas um passeio, principalmente para os fãs de arte. Cercado por palácios, monumentos e igrejas, a cidade é um verdadeiro toque de glamour e história.

Foto por Istock/ Delpixart

Foto por Istock/ Delpixart

Para os amantes de arte e cultura, poderão conhecer e se encantar pelos museus importantes que o país abriga, como o Hermitage e o Museu Russo. Para completar o cenário cultural e artístico, o lugar se completa com galerias, teatros, parques e jardins que ficam espalhados pelos cantinhos da cidade russa.

O que pode ajudar bastante os visitantes a usufruir de todo o glamour e grandiosidade cultural da cidade é o City Card, um cartão que proporciona ao visitante conhecer 40 museus e deslumbrar do conhecimento e belo cenário que podem oferecer, e também o City Tour Pass, um mini catálogo disponível nos pontos de apoio ao turista, que também oferece cupons de desconto.

A Praça do Palácio é o lugar onde está instalado o museu Hermitage, que proporciona também uma visão exuberante deste ponto turístico. No centro da Praça, encontra-se um belo monumento que comemora a vitória russa sobre as tropas napoleônicas com a escultura do Alexandre, de 1934, com mais de 40 metros de altura.

Na Catedral de São Isaac é possível avistar um dos mais diversos pontos da cidade de Saint Petersburg: a cúpula de ouro, com peças valiosas, que vão desde mosaicos até artigos em ouro. A catedral foi elaborada por Auguste de Montferrand entre 1818 e 1858. Os ingressos podem ser adquiridos do lado de fora da catedral ou em algum ponto de venda.

Inaugurado em 1898, o Museu Russo é comporto por um valioso acervo de mais de 400 exibições. A história do país até o século XX pertence à coleção permanente, ao lado da Igreja do Sangue Derramado. Já para outras exibições, podem ser vistas nos Palácios Stroganov e de Mármore.

Já imaginou um lugar luxuoso? O Palácio Yusupov é o verdadeiro luxo. Localizado as margens do rio Moika, é cenário de mistério com a tragédia que aconteceu em 1916, o assassinato de Grigory Rasputin. Com marcas do século XIX, Yusupov é bastante conservado e serve de palco para artistas famosos.

Foto por IStock/ ZX-6R

Foto por IStock/ ZX-6R

O Museu Literário de Alexander Pushkin já foi residência do poeta russo, que morou por apenas alguns meses no apartamento do prédio amarelo, que impressiona tanto no espaço, como nos objetos expostos e coisas pessoais do poeta, como uma porção de cabelo ou uma máscara fúnebre.

Fundado em 1764, o Museu Hermitage abriga mais de 300 salas, com três milhões de trabalhos artísticos. Sua visita ao museu deve incluir: a estonteante Escadaria do Jordão, a igreja do Palácio e o Retorno do Filho Pródigo.

Já o Jardim do Verão encanta com suas belas fontes e esculturas europeias. Além de contemplar um mix de árvores, plantas e flores. A principal dica para conhecer o Jardim é caminhar pelas alamedas da atração, parando para apreciar cada beleza encontrada no caminho.

Foto por Istock/ Sachkv

Foto por Istock/ Sachkv

Por fim, a melhor forma de conhecer essas atrações culturais e muitas outras, inclusive obter informações dos pontos turísticos e também da cidade, é através do Ônibus de City Tour: o famoso ônibus vermelho de dois andares. O lugar certo de pegar o ônibus e se aventurar em um divertido passeio é nas praças Ostrovsky, Dvortsovaya ou próximo à Igreja do Sangue Derramado.

Texto por Caroline de Oliveira

Foto destaque por IStock/scaliger

Comentários