logo

Telefone: (11) 3024-9500

Descubra o Panamá: país guarda rico patrimônio cultural e natural | Qual Viagem Logo

Pristine beach with shade of coconut trees on the sand and islands in background, Caribbean, Bocas del Toro, Panama

Descubra o Panamá: país guarda rico patrimônio cultural e natural

8 de junho de 2021

O Panamá é uma agradável surpresa turística onde os viajantes são sempre bem recebidos. O país é um destino ideal e de fácil acesso para os viajantes brasileiros, oferecendo uma infinidade de opções turísticas, incluindo belas paisagens, praias paradisíacas e uma diversidade de experiências para desfrutar e relaxar.

O Panamá não é apenas o centro das Américas, é também o centro entre uma vida cosmopolita ativa e culturas ancestrais, da modernidade à tradição, lar de inúmeras espécies, selvas misteriosas e praias ensolaradas. Os viajantes podem desfrutar da história, cultura, beleza natural e locais remotos do Panamá ao máximo por meio de três rotas temáticas que revelam as maiores riquezas do destino:

Patrimônio Cultural

Foto por iStock / diegograndi

Foto por iStock / diegograndi

Narra a história do Panamá como a Ponte do Mundo, conectando atrações de classe mundial, como a Cidade Velha (Patrimônio Mundial da UNESCO), o mundialmente famoso Canal do Panamá, a primeira ferrovia interoceânica, entre outras. Além disso, os circuitos culturais mostram a diversidade multicultural do país, oferecendo experiências através das três principais culturas do Panamá: seus sete grupos indígenas, sua herança afro-caribenha, incluindo a cultura do Congo (Patrimônio Imaterial da UNESCO) e sua colorida cultura colonial espanhola. A diversidade cultural também é vivenciada em sua gastronomia, com a UNESCO reconhecendo a Cidade do Panamá como uma cidade criativa em gastronomia.

Patrimônio Verde

Foto por iStock / Andy Korteling

Foto por iStock / Andy Korteling

Desde a formação do istmo do Panamá, há 3 milhões de anos, houve uma grande troca de espécies entre as Américas do Norte e do Sul, proporcionando ao país uma biodiversidade extraordinária. As rotas do Patrimônio Verde levam o visitante por parques nacionais, áreas protegidas e reservas privadas na floresta neotropical do Panamá (um terço do território terrestre do país está protegido), incluindo experiências através dos centros de visitantes do Instituto Smithsonian Tropical Research. Sendo uma delas o Monumento Natural Barro Colorado na bacia do Canal do Panamá, considerada a floresta tropical mais estudada do mundo.

Patrimônio Azul

Foto por iStock / NTCo

Foto por iStock / NTCo

Há três milhões de anos, com a criação da ponte terrestre istmo do Panamá, o mar do Caribe e o Oceano Pacífico se separaram, tornando-se distintos em termos de marés, clima e fauna marinha. As experiências oferecidas nos diversos ecossistemas das rotas do Patrimônio Azul incluem a observação de baleias nos arredores do Parque Nacional de Coiba (Patrimônio Natural da Humanidade pela UNESCO) e a admiração dos projetos de conservação de tartarugas no Oceano Pacífico. Além da exploração das águas caribenhas azul turquesa de Bocas del Toro, reconhecidas como “Hope Spot” pela Mission Blue, a iniciativa liderada pela Dra. Sylvia Earle, exploradora da National Geographic.

Sustentabilidade

De acordo com o Plano Diretor de Turismo Sustentável 2020-2025, o país abre novos caminhos para explorar sua riqueza natural e patrimônio cultural. A premissa é destacar o Panamá como destino turístico, tendo a sustentabilidade como um dos pilares e aliada à autenticidade de seus diversos atrativos. O plano está focado na reativação progressiva da indústria do turismo no país após a pandemia. Mas, mesmo neste momento, o Panamá mostra-se uma ótima opção para os brasileiros que desejam viajar para o exterior e buscam mais contato com a natureza, experiências ao ar livre e praias para relaxar.

Protocolos de viagem

Atualmente, um teste Covid-19 negativo é necessário para a entrada. Viajantes que chegam ou transitaram pela América do Sul nos últimos 15 dias deverão fazer, antes da alfândega, um teste adicional (US$ 85). Caso seja um visitante vacinado estará livre da quarentena, mas deverá apresentar o certificado digital de vacinação com as duas doses e validade de mais de 14 dias, além de um teste negativo de Covid-19 registrado no Iata Travel Pass. Se não tiver o registro no Iata Travel Pass, deve fazer o teste no aeroporto.

Mais informações em: visitpanama.com

Texto por: Agência com edição de Patrícia Chemin

Foto destaque por: iStock / Damocean

Comentários