logo

Telefone: (11) 3024-9500

Belezas naturais e atrações para conhecer em Capri | Qual Viagem Logo

Foto por istock/ bluejayphoto

Belezas naturais e atrações para conhecer em Capri

14 de fevereiro de 2017

A ilha de Capri, situada no mar Tirreno, é conhecida pelo seu charme, belezas naturais e também por ser a vila mais badalada da região com sua Marina Grande, sua célebre piazzetta e lindas construções.

Foto por IStock/ JolyFive

Foto por IStock/ JolyFive

O destino que já serviu de reduto de pescadores e agricultores italianos, hoje chega a receber cerca de dois milhões de visitantes por ano. Com isso, os locais passaram a alugam seus barcos para passeios ao redor da ilha, que completam o roteiro.

Com muitos atrativos fantásticos para serem visitados, explorados e admirados, o ideal é começar em um belo passeio de barco, que explora os mares e suas belezas, como uma gruta. Para um tour ao redor da ilha há duas opções: o tour organizado, que dura cerca de 2 horas e é indicado para quem tem pouco tempo; e a excursão privada com o aluguel de um barco com ou sem marinheiro, que é a melhor opção para quem quer curtir o mar de Capri sem pressa.

O grande destaque do tour é a visita à Gruta Azul. Quem quiser visitar a caverna deve descer da embarcação e entrar em um barquinho a remo, já que o lugar possui aproximadamente 60 metros de comprimento e 25 de largura. Ao entrar na caverna, o que se vê é apenas a escuridão, mas depois o ambiente vai ganhando reflexos azuis e transparentes. A entrada é paga a parte, mas vale a pena viver essa experiência e perceber por que esta é a atração mais famosa de Capri.

Foto por IStock/ CAHKT

Foto por IStock/ CAHKT

Após fazer o roteiro, aproveite para mergulhar nas águas azuis das ilhotas de Li Galli e parar para almoçar em um dos restaurantes à beira do mar, ou dedica-se para as compras nas lojas de Amalfi e Positano.

Com lugares mágicos, os encantos da ilha italiana não acabam por aqui. Outra beleza, e até uma ótima parada para fotografia, são os Faraglioni de Capri. Os Faraglioni são os três picos de rocha que saem do mar e cada um possui um nome: o primeiro, unido à terra, chama-se Stella; o segundo, separado do primeiro por um espaço de mar, Faraglione di Mezzo; e o terceiro, Faraglione di Fuori ou Scopolo. Os melhores lugares para fotografar os picos são nos sítios Belvedere de Punta Tragara, Jardins de Augusto e Belvedere de Migliera.

O Monte Solaro é o ponto mais alto da ilha e oferece uma linda vista que inclui um passeio agradável para admirar a ilha de Capri do alto. Por meio do teleférico, o visitante pode visualizar toda a ilha, o golfo de Nápoles e a península Sorrentina em um passeio que dura 12 minutos.

Foto por Istock/ mikolajn

Foto por Istock/ mikolajn

Vale a pena dar uma escapadinha e visitar o labirinto de ruas estreitas, na segunda cidade da ilha, Anacapri. O centro histórico da ilha é um lugar onde ainda é possível passear com calma entre as silenciosas praças e estradinhas coloridas pelas flores. Aproveite a visita na cidade e conheça o Museo di Villa San Michele, a Casa Rossa, a Igreja de San Michele e a Igreja de Santa Sofia.

Os Jardins de Augusto, são constituídos por uma série de terraços floridos com vista de um lado para os Faraglioni de Capri e do outro para a baía de Marina Piccola e as curvas da via Krupp. Nos arredores, é possível ver o Valle della Certosa, os montes Tuoro, Tiberio, o San Michele e as típicas residências com tetos arredondados.

Por último, visite o edifício histórico mais antigo de Capri, o La Certosa di San Giacomo. Construído em 1371, a pedido do conde Giacomo Arcucci, num terreno doado pela rainha Giovanna I D’Angiò.

Onde ficar

Caesar Augustus Hotel 

Capri Tiberio Palace

Hotel Luna

Onde comer

La Taberna degli Amici

Terrazza Brunella

Lo Sfizio

Texto por: Caroline de Oliveira

Foto por istock/ bluejayphoto

Comentários