logo

Telefone: (11) 3024-9500

Arles: de capital romana à luz da Provença | Qual Viagem Logo

Foto por Istock/ LucyMaynard144

Arles: de capital romana à luz da Provença

3 de agosto de 2017

A cidade de Arles, ao sul da França, é uma das mais importantes e mais visitadas da região. O destino atrai turistas por seus monumentos romanos, pela localização – já que é considerada a porta de entrada para a região de Camargue – e também pela paixão de artistas como Van Gogh e Picasso, tendo em vista que, o famoso pintor holandês viveu uma das épocas mais produtivas de sua vida no lugar, enquanto o espanhol, atraído por suas raízes, inspira-se nas arenas e touradas locais para pintar fundar os Encontros de Arles.

Foto por IStock/ Bertl123

Foto por IStock/ Bertl123

Considerada uma pérola da história da Provença, Arles possui mais de cem lugares classificados como Patrimônio Nacional e sete monumentos e locais classificados como Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO. São arenas, anfiteatros e lugares como o Théâtre Antique, as Thermes de Constantin e os Aluscamps os grandes destaques entre os testemunhos que fazem dela a cidade que conta com mais monumentos romanos próximo de Roma.

Não deixe de visitar também a Abadia de Montmajour. Segundo a lenda, foi Charlemagne que havia fundado o monastério. A abadia compõe-se de uma cripta medieval inacabada e de uma igreja elevada cuja nave comporta apenas dois espaços entre duas vigas.

Foto por Istock/ LianeM

Foto por Istock/ LianeM

O destino possui também um patrimônio romano provençal único, em torno da igreja e do cloître Saint Trophime, e diversos hotéis com particularidades do século XVII são os resquícios de um período clássico e também suntuoso para a cidade.

Para os apaixonados pela geologia e os curiosos em busca de uma visita fora do comum, o Musée Camarguais revela os segredos das paisagens únicas de Camargue. Instalado em um antigo pasto, ele descreve a evolução do Rhône através das atividades humanas.

Foto por IStock/ mazzo1982

Foto por IStock/ mazzo1982

Para fazer homenagem a Van Gogh, seduzido pela capital camarguesa, a Fundação Vincent Van Gogh organiza exposições de artistas internacionais.

Foto por Istock/ Meinzahn

Foto por Istock/ Meinzahn

Aos sábados, a cidade ganha um colorido e aromático atrativo. O Boulevards Lices  recebe um grande mercado repleto de barracas de azeitonas, frangos, embutidos, temperos e todos os alimentos típicos da região. Mesmo que não compre nada, vale a pena visitar e se encantar com os cheiros e sabores locais.

Foto por Istock/ kipgodi

Foto por Istock/ kipgodi

Enfim, a inesgotável riqueza de monumentos que libera o sol da cidade de Arles é sem dúvida um dos fatores que tem despertado muito cedo a curiosidade e o interesse de turistas de todo o mundo.

Como chegar

A cidade está a cerca de 45 minutos de carro de Aix.en-Provence, mas também é possível acessá-la de trem partindo de Paris, Lyon, Marselha e Bordeaux. Consulte raileurope.com.br/city/arles.

Onde ficar

Hotel De L’Amphitheatre

 

Hotel Jules Cesar Arles MGallery Collection

Texto por: Eliria Buso

Foto destaque por Istock/ LucyMaynard144

Comentários