logo

Telefone: (11) 3024-9500

Veneza: o destino que nunca sai de moda Logo

venice-341468_1920

Veneza: o destino que nunca sai de moda

24 de novembro de 2015

Dezenas de ilhotas, centenas de pontes e muito charme é o que forma o cenário de Veneza, na Itália, uma cidade que encanta e deixa aquele gostinho de quero mais em todos que a conhecem de perto. Mesmo com o número de turistas muito elevado, vale a pena explorar suas ruelas, becos e canais, onde o romance impera e a noção do tempo é perdida. Quem tiver o sonho de conhecer essa cidadezinha deslumbrante deve se apressar. A cada ano que passa, as águas invadem um pouco mais os pedaços de terra.

veneza itália grande canal

Foto: Commons Wikipedia

Para quem vai se aventurar por Veneza, a principal dica é ficar atento às placas de localização, principalmente se a opção de roteiro é terrestre e sem guias. Como as infinitas ruelas são bastante semelhantes a labirintos, é preciso ficar atento para não se perder (tanto assim) pela cidade. Outra dica é fazer ao menos um passeio nas tradicionais gôndolas cheias de charme e romantismo, ao puro estilo veneziano.

1280px-Grand_Canal_-_Rialto_-_Venice_Italy_Venezia_-_Creative_Commons_by_gnuckx_(4969446627)

Foto: Commons Wikipedia

A principal atração da cidade é a Piazza San Marco, uma grande praça que esbanja graciosidade e é disputada por visitantes e pombas. Ao seu redor, museus e prédios históricos dão um toque especial ao ambiente. O principal deles é a Basilica di San Marco, construída no século 9 para guardar o corpo do santo, que foi roubado do Egito por dois venezianos. Dentro dela, além dos impressionantes mosaicos, está localizado o museu Tesoro della Basilica, que guarda peças seculares utilizadas nas missas e celebrações. Fique atento, para entrar no museu, é preciso estar de ombros e pernas cobertos!

veneza barcos Kosala Bandara flickr

O Pallazzo Ducale também é indispensável de se visitar. Com elegantes arcadas góticas, o local foi reconstruído após um incêndio no século 14 e utilizado como residência de duques, sede de governo e até mesmo prisão. Explore as salas exclusivas de artistas: Sala delle Mar, toda decorada por mapas, a Sala del Maggior Consiglio com quadros de Tintoretto e Veronese e a Sala San Cristoforo, com afrescos de Tiziano. O artista trabalhou no palácio por muito tempo, mas todas suas obras foram destruídas restando apenas a “Lunetta com Madonna e Bambino”, no topo da escada do lado de dentro.

veneza italia

Foto: Pixabay.com

Não se pode deixar Veneza sem um longo e emocionante passeio pelo Grande Canal. Como os carros só podem ir até Piazzale Roma, o principal meio de transporte dentro da cidade é em barcos, inclusive o transporte público. Existem aqueles menores, mais privativos, indicados para aqueles que querem um momento mais tranquilo e único. Mas, o tradicional mesmo, é passear com turistas de todos os lugares do mundo naqueles Vaporettos.

Além dos atrativos turísticos, Veneza também oferece uma malha de restaurantes de dar água na boca. Também existem os mercados de especiarias, que contam com inúmeras opções de frutas, verduras, temperos e sabores.

veneza itália Shaun Dunmall flickr

Foto: Shaun Dunmall flickr

Como chegar:

A melhor opção é desembarcar no Aeroporto Internacional Marco Polo, na cidade de Mestre, e, de lá, ir até Veneza por meio de motoscafos, que levam até a Piazza San Marco. Companhias aéreas como Alitalia e TAP oferecem voos partindo do Brasil com apenas uma conexão.

Onde ficar:

Hotel Royal San Marco – royalsanmarcovenice.com

Ruzzini Palace Hotel – ruzzinipalace.com

Ducale Hotel Venice – ducalehotel.com

Texto por: Andressa Volpini

Comentários