logo

Telefone: (11) 3024-9500

Tasmânia de diversas formas: da capital ao uísque | Qual Viagem Logo

The Neck in Bruny Island

Tasmânia de diversas formas: da capital ao uísque

17 de novembro de 2017

Tasmânia é mais que uma ilha, mas também um estado ao sul da Austrália continental, que tem em média 260 km de leste a oeste e de norte a sul. Nesta pequena área a natureza prospera, sendo coberta por parques e reservas, onde se conservam florestas densas, rios caudalosos e praias paradisíacas. E não é só isso. O destino abriga animais que não existem em nenhuma outra parte do planeta e mais de 20% de seu território é declarado Patrimônio Mundial pela UNESCO. Um dos destaques da Tasmânia fica por conta do Parque Nacional Freycinet e sua fauna e flora exuberante.

Hobart, a capital da Tasmânia

Em Hobart, descubra a culinária, a vinicultura e as galerias ecléticas, além dos bares e restaurantes do Mona (Museum of Old and New Art – Museu de Arte Antiga e Nova). Outros excelentes centros culturais de Hobart são a Tasmanian Museum and Art Gallery (Museu da Tasmânia e Galeria de Arte) e o Salamanca Art Center, dedicados aos trabalhos de artistas e artesãos locais. Além disso, os mercados no Porto dos Condenados, o arenito de Salamanca Place e Battery Point, o mais antigo bairro, são opções que não podem faltar no seu roteiro.

Hobart Harbour

Foto por iStock / gprentice

Em Salamanca Place, você pode provar um café expresso no Tricycle Café, encontrar livros raros na antiga Astrolabe Books ou joias artesanais na Rebecca Roth Gallery e peças da moda na Forest Dragon and Double Daffodil. Não deixe de visitar o Salamanca Market, que abre aos sábados e conta com 300 barracas que vendem produtos diversos, de artesanatos a utensílios domésticos.

Uísque: a bebida da ilha

imagesrc-adapt-687-high

Foto por Reprodução via australia.com

Sabe qual é uma das bebidas típicas por lá? O uísque. A Tasmânia é o lugar de origem do premiado uísque Sullivan Cove e das melhores destilarias da região, Nat Whisky e Lark Cellar Door. Além dessa bebida, encontre uma variedade de vinhos no Sidecar, bebidas de uva no Amor – premiado como bar do ano – ou ótimas opções no Isobar.

Fauna exótica

Tasmanian Devil

Foto por iStock / AustralianCamera

As belezas únicas da flora não são as únicas protagonistas da ilha. O lugar também é a casa de um “bichinho” que só existe no estado: o demônio-da-tasmânia. O animal é uma pequena criatura com feições de urso que se reconhece pela pelagem branca em forma de colar sob o pescoço.

Parque Nacional Freycinet

The famous Wineglass Bay in Freycinet National Park. Tasmania, Australia

Foto por iStock / tsvibrav

No leste da Tasmânia, a natureza fez um pedaço estreito de terra avançar sobre o mar e moldou ali uma paisagem deslumbrante: a Península Freycinet, ocupada por matas verdes, baías de areia muito clara e lagoas repletas de aves. O mar azul-turquesa recebe a visita frequente de baleias e golfinhos, e o sol nasce e se põe entre montanhas de granito rosa, o que torna o cenário ainda mais inspirador.

Surpresas em todo o estado

O segredo mais bem guardado da ilha fica na costa nordeste, onde está localizado a Baía dos Fogos – uma faixa de 225 km de praia protegida pela mata e praticamente desconhecida dos turistas. A baía é considerada o lugar perfeito para relaxar ou mergulhar.

imagesrc-adapt-687-high-1

Foto por Reprodução via australia.com

Já na capital, obtenha a melhor vista subindo ao Mount Wellington. O trajeto para chegar ao pé da montanha leva apenas 10 minutos de carro. Ao chegar à base você pode escolher entre uma caminhada curta, uma caminhada longa, um passeio de bicicleta pela montanha ou até mesmo uma escalada até o cume rochoso de 1.300 metros de altura para apreciar a vista incrível da cidade.

imagesrc-adapt-687-high-2

Foto por Reprodução via australia.com

E outra forma de curtir tudo isso é aproveitando o mar em um caiaque ou cruzeiro. Explore o litoral e mais de 300 ilhas em passeios de caiaque que podem durar até um dia inteiro. Se não quiser remar, contrate um cruzeiro personalizado com a Pennicott Wilderness Journeys para visitar grutas marinhas, encantar-se com as espetaculares formações rochosas e observar a vida selvagem, avistando focas, golfinhos e até mesmo baleias.

Onde se hospedar

Saffire Freycinet: As paredes são de vidro, o que permite uma conexão direta com a natureza da Península Freycinet. Dos quartos, dá pra ver a floresta, as montanhas e o mar. Entre as atividades oferecidas, estão aulas de arco e flecha, canoagem, passeios para conhecer o bichinho local e degustação de ostras colhidas na hora, com a água do mar ainda pingando. O hotel integra a cadeia Luxury Lodges of Australia.

Henry Jones Art Hotel: este é o primeiro hotel da Austrália dedicado à arte. Mais de 400 obras de artistas da Tasmânia estão expostas nos quartos e corredores. O edifício, na bela marina de Hobart, foi construído no século XIX e durante décadas abrigou uma fábrica de geleia. Reformado, ganhou decoração contemporânea, mas não perdeu o charme do passado – as paredes feitas de blocos de arenito são da construção original.

Texto por: Caroline de Oliveira, com informações do The Traveller Guide e australia.com

Foto destaque por iStock / noexcuseG

Comentários