logo

Telefone: (11) 3024-9500

St. George's Market, Irlanda do Norte. | Qual Viagem Logo

St George Market, Irlanda do Norte.

St. George’s Market, Irlanda do Norte.

3 de abril de 2017

Eleito o melhor mercado coberto do Reino Unido, o St. George’s Market tem um pouco de tudo sobre a Irlanda do Norte. Situado no coração de Belfast é ponto obrigatório para quem visita a cidade.

Produzido por Camila Jasper.
Dirigido por Lucas Jasper.

Entrada do St George Market na Irlanda do Norte.

Entrada do St George Market na Irlanda do Norte.

Foto: Lucas Jasper

Quando pensamos em ir a um lugar e começamos a pesquisar os principais pontos turísticos sempre pensamos. Será que tem algum mercado popular? Desse tipo de mercado que reúne boa comida local (de preferência típica), artesanato (original do local), lembranças da cidade e o que mais for possível encontrar. E com Belfast não foi diferente. Começamos a planejar o roteiro, e de cara o que vemos? Sim!!! Ele o St George’s Market. Eleito em 2014 o melhor mercado coberto do Reino Unido pela National

Association of British Market Authorities (Associação Nacional de Mercados da Inglaterra). O prédio onde ele está localizado é de 1896 e seu funcionamento é somente de sexta a domingo. Vale destacar também que sua entrada é gratuita.

Chegar ao St. George’s Market é uma tarefa muito fácil, podendo ser via carro particular, taxi, ônibus convencional ou de turismo. A depender de onde você esteja, até andando. Ele é famoso em toda Belfast e qualquer pessoa poderá te indicar o caminho. Lembre-se, você estará no Reino Unido, ou seja, leve libras esterlinas com você em espécie, por que apesar de de ser um lugar atualizado, os comerciantes do mercado utilizam dinheiro em espécie. Mas isso não é um problema, caso precise, existem os ATMs, que são os caixas eletrônicos que aceitam todas as bandeiras de cartão de crédito e usam o câmbio do dia para fazer a conversão (vai da sua sorte).

Mas continuando, às sextas-feiras tem uma oferta variada, com destaque para o peixe, frutas e roupas.  Aos sábados, o destaque é para os produtos agrícolas, o que significa dizer, uma vasta gama de produtos alimentares locais típicos de elevada qualidade. E no domingo é um mix dos dois dias. Vale dizer que em qualquer um dos três dias você poderá degustar diversos pratos típicos e se deliciar com os sucos, sorvetes e os famosos cakes (bolos).

Famoso bolo de cenoura com especiarias. Sem dúvida o melhor que já comi.

Famoso bolo de cenoura com especiarias. Sem dúvida o melhor que já comi.

Foto: Lucas Jasper

Por falar em bolos, não poderíamos deixar de falar do bolo de cenoura que comemos. Sem dúvida o melhor que já experimentamos até hoje. Esse “manjar dos deuses” você poderá encontrar com a Shirley, da tenda Exquisite Cakes. Aqui vale uma ênfase (uma espécie de homenagem / medalha de honra ao mérito / e mais alguma coisa) por sua alegria e espontaneidade da “Chef” dos cakes, uma chinesa que tem essa tenda há dois anos no mercado (assista o vídeo), e é sem dúvida uma pessoa simpaticíssima que jamais esqueceremos. Shirley Chan, a chinesa que “roubou” a recepção dos irlandeses, e nos deu o seu “Welcome to Belfast!!!”. Ok, obrigado Shirley pelo seu bem-vindo com muitas exclamações. E sim, quando voltarmos aí iremos procurá-la. 

Com certeza, difícil será você decidir o que vai comer, pois a oferta é grande. Além de iguarias locais, você encontrará outros pratos da culinária internacional. Tudo isso com a simplicidade de comer em pé, andando (costume local) ou sentado, se conseguir achar um lugar.

Barraca no St George Market na Irlanda do Norte.

Barraca no St George Market na Irlanda do Norte.

Foto: Lucas Jasper

Como fomos no domingo, tivemos além de tudo que pode ser oferecido por um mercado popular, vimos um pequeno show. Isso mesmo. Dois rapazes, com poucos instrumentos, na verdade somente com violão e microfone, cantavam e encantavam nosso passeio com músicas típicas, espanholas e para nossa surpresa música popular brasileira também.

Sempre que viajamos buscamos lugares assim, feira de São Joaquim em Salvador, como o mercado Municipal de São Paulo, La Boqueria em Barcelona (veja o vídeo) e tantos outros. De fato amamos isso! Sem dúvida uma das formas mais simples e diretas de se inserir na alma de uma cidade. Para nós ir a mercados é isso. É sentir o prazer nas pequenas coisas e nas mais simples. Andar, andar e se deliciar com pequenos e grandes sabores, tocar em inúmeras coisas, conversar, ouvir os sons, os sotaques das pessoas, o jogo da barganha, e produtos de todos os tipos, dos comerciais as peças de arte. Saber que naquele lugar se reúnem os mais belos e inesquecíveis produtos que são uma prova a todos os nossos sentidos.

Camila e Lucas Jasper
Últimos posts por Camila e Lucas Jasper (exibir todos)

Comentários