logo

Telefone: (11) 3024-9500

Siempre arriba! | Qual Viagem Logo

aerolineas

Siempre arriba!

23 de junho de 2014

Símbolo de orgulho para o povo argentino, a companhia aérea de bandeira da Argentina há mais de 65 anos superou crises com garra e determinação e, hoje, renovada, domina o mercado doméstico no país e voa para destinos internacionais nas américas, Europa e Pacífico Sul.

Maior companhia aérea da Argentina, tanto em voos internacionais como domésticos, foi fundada em 1949 a partir da fusão de quatro empresas aéreas argentinas.
Obteve rápido crescimento e, em 1950, realizou seus primeiros voos internacionais. Foi a primeira empresa latino-americana a voar direto para a Oceania, na operação transpolar que passa próximo da Antártida, na rota para Sydney, Austrália.
Viveu crises como muitas outras empresas aéreas pelo mundo e, na década de 1990, foi privatizada. Em 2008, voltou a ser estatizada.
De lá para cá, a empresa passou por renovação, mudou sua imagem corporativa, comprou novas e modernas aeronaves, reativou e criou rotas, e entrou para a aliança SkyTeam, grupo liderado por empresas como Delta Air Lines, Air France-KLM e Alitalia, entre outras. Atualmente, opera por volta de 110 frequências semanais entre o Brasil e a Argentina, com voos diários a partir de São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Brasília, Belo Horizonte e Curitiba, além das operações sazonais de Salvador, Porto Seguro, Florianópolis e Cabo Frio. O diretor geral da Aerolíneas Argentinas, Ariel Rodriguez, falou com exclusividade para a Qual Viagem.

A presença da Aerolíneas Argentinas no Brasil está consolidada?
Aumentar a nossa presença no Brasil de forma sólida e sustentável representa uma consolidação do intenso trabalho executado nos últimos quatro anos. Dia 18 deste mês, a Aerolíneas inicia um novo voo para Mendoza partindo de São Paulo.

Qual é a sua expectativa?
Sem dúvida a expectativa é de sucesso, tanto da rota quanto do destino. Para nossa gestão é fundamental ouvir o mercado e agir com criatividade. Mendoza, a terra do Malbec, precisa também ser descoberta pelas famílias, os jovens e os casais que procuram destinos românticos, aventura, esporte, cultura, além dos atrativos naturais. Somemos a essa operação a nossa malha de voos domésticos que ligam Mendoza com outros destinos tais como Salta, Córdoba, Bariloche e Buenos Aires para continuar os roteiros.

Haverá operação especial para atender o público brasileiro com destino a Bariloche durante a temporada de inverno?
Como toda temporada, reforçamos nossa malha para os principais destinos de neve, oferecendo assim mais alternativas de horários e preços mais em conta. Atualmente, oferecemos uma rede integral onde os tempos de espera em conexão foram diminuídos ao máximo, tanto no Aeroparque (aeroporto central em Buenos Aires) quanto em Ezeiza (Aeroporto Internacional Ministro Pistarini), lembrando que neste aeroporto também disponibilizamos uma série de voos nacionais.

Atualmente, a Aerolíneas Argentinas opera para quantos destinos internacionais partindo do seu hub em Buenos Aires?
Recordamos que o nosso maior aeroporto de distribuição AEP foi internacionalizado há quatro anos. Nós operamos destinos como Montevidéu e Punta del Este, no Uruguai; Santiago, no Chile; e Assunção, no Paraguai, tanto com voos do Aeroparque quanto de Ezeiza, e a partir deste último os destinos de Miami, Nova York, Madri, Barcelona, Roma, Santa Cruz de la Sierra, Lima, Caracas e Bogotá. Todos non-stop. E, através das vinte companhias que integram a aliança SkyTeam (Aerolíneas Argentinas é a única empresa sul-americana) para todo o globo, em 189 países. Atualmente, a companhia opera com quantas aeronaves na frota? A nossa nova identidade visual reflete a transformação da Aerolíneas Argentinas nos últimos quatro anos. E foi extremamente importante a unificação e renovação da nossa frota. Estamos operando a região do cone sul (Brasil, Chile, Paraguai, Bolívia, Montevidéu e toda Argentina) com aeronaves Boeing 737 (700 e 800) e os Embraer 190. Todas as outras rotas internacionais com os Airbus A340 e A330. Operamos com um total de 67 aeronaves e até o final de 2014 serão 73 aviões.

Qual é a importância do mercado brasileiro para a Aerolíneas Argentinas?
Somos a linha de bandeira argentina e estamos acompanhando o crescimento do Brasil e da nossa região. O Brasil é um mercado estratégico e promover seu desenvolvimento gera e integra maior fluxo de turismo, cultura e negócios para ambos os países. Como funciona o produto oferecido pela companhia que permite aos brasileiros conhecerem pelo menos cinco pontos da Argentina sem precisar voltar a Buenos Aires para conexões? Antigamente toda nossa malha nacional originava-se em Buenos Aires. Agora, temos voos diretos ligando o norte da Argentina com a Patagônia, descentralizados e ligando Iguazú,, Salta, Córdoba, Mendoza, Bariloche, El Calafate, Ushuaia e Trelew. Através de passes aéreos, permite poupar tempo e dinheiro, aproveitando e combinando geleiras, animais marinhos, neve e o famoso “Tren a las nubes”, em Salta, em sua viagem. É simples e dinâmico. Todos nossos canais de vendas indiretos estão bem treinados para dar assessoramento, assim como nosso site para quem se interessar.

Quais são os benefícios para os passageiros com o acordo de code-share com a Gol?
Mais voos, mais frequências e alternativas. Uma integração que é palpável através da somatória das 77 frequências da Gol para a Argentina com as nossas. A parceria transforma a experiência da viagem em quase uma ponte aérea com a Argentina com mais de 180 voos por semana. Ambos os programas de fidelidade também estão à disposição dos clientes para o resgate e acumulo de milhas.

Estão previstas novidades para atender o mercado corporativo?
A transformação da empresa oferece uma nova experiência para todos os segmentos. Uma frota moderna e de vanguarda. A pontualidade está acima de 93% e o cumprimento da programação é total. Os horários, as frequências, salas Vips, ARplus, SkyTeam e as parcerias com as diferentes aéreas atendem o que o mercado de negócios precisa. A isto somamos convênios para as empresas assinantes terem flexibilidade e agilidade na compra dos bilhetes. A Aerolíneas incorporou novas tecnologias que permitem ao viajante ter informação ao seu alcance e facilitar sua gestão de check-in em todos os aeroportos.

E o novo escritório em São Paulo?
Temos novo lar em São Paulo. Inauguramos, recentemente, a Casa Argentina, na capital paulista, com 1,5 mil m2, onde, além de oferecer espaços múltiplos para eventos, funciona a nossa sede comercial no primeiro andar. De certa forma, a Casa Argentina reflete nossa marca. A estrutura conserva novos designs e parte da antiga fachada, sendo quase uma foto da Aerolíneas Argentinas, uma empresa que tem a experiência de mais de 65 anos em uma nova fase que nos remete para o futuro, aumentando a competitividade e atendendo as necessidades do novo cliente.

Comentários