logo

Telefone: (11) 3024-9500

Sete programas diferentes em Roma | Qual Viagem Logo

quartiere-coppede

Sete programas diferentes em Roma

22 de novembro de 2018

Roma é uma das cidades mais importantes e históricas da Europa, por isso é possível passar dias por lá e mesmo assim não conhecer tudo que ela pode oferecer. Se você está buscando programas diferentes em Roma,  essa listagem é para você. Confira os sete programas legais para fazer num roteiro Roma e se apaixonar ainda mais pela capital italiana.

1 – Grafitismo no bairro Ostiense

Você pode se surpreender com uma Roma mais colorida, diferente da tradicional arquitetura em mármore e tijolos desbotados que domina a cidade. Existem bairros nos quais você encontrará grandes murais exclusivos, feitos por artistas locais e extrangeiros. O mais descolado deles é Ostiense, área sul de Roma. A principal rua que recebe as obras é a que leva o mesmo nome do bairro, Via Ostiense, e para chegar até ela basta descer na estação de Garbatella.

Programas diferentes em Roma: o bairro Ostiense

Programas diferentes em Roma: o bairro Ostiense e seus grafites

2 – Bairro Coppedè

Mais um programa diferente em Roma.Coppedè é um daqueles bairros para se encantar a cada esquina. A arquitetura local é resultado da mistura barroca, medieval, art nouveau e grego antiga, resultando em um cenário único. Desça na estação de VLT Buenos Aires e siga para o Palazzo del Ragno, o principal ponto do bairro. De lá, caminha pelas ruelas laterais, visitando a Igreja Santa Maria Addolorata e o Arco dei Palazzi degli Ambasciatori.

 

Programas diferentes em Roma: o bairro Coppede

Programas diferentes em Roma: o bairro Coppede

3 – Rooftop do Eitch Borromini

Se quiser uma vista privilegiada de Roma, o terraço do Hotel Eitch Borromini é a pedida certa. A vista das mesas inclui a Piazza Navona, o Panteão e a Piazza Venezia. Se o dia estiver sem nuvens, escolha o fim da tarde para tomar uns drinks no restaurante e apreciar o pôr-do-sol. Ele fica na na Via di Santa Maria dell’Anima, nº 30, aberto todos os dias a partir das 18h30. É essencial fazer reserva.

4 – Aula de culinária em Roma

Que tal passar um dia com cozinheiros italianos aprendendo a fazer a autêntica massa e pizza de Roma? Há muitos cursos disponíveis na cidade, mas um dos mais famosos é o Fabiolous Cooking Day, que começa com compras no mercado do Campo de’Fiori e termina em sala com pratos deliciosos. Para saber o valor, basta preencher o formulários no site do Fabiolous.

Fabiolous Cooking Day

5 – Igreja Ortodoxa Russa de Santa Catarine

Roma tem 900 igrejas, mas a de Santa Catarine é diferente de todas as outras.  A arquitetura dá destaque as torres, pintadas em verde água e com detalhes dourados, vistos de longe. Ela fica ao sul do Vaticano e o acesso mais rápido é pela estação de San Pietro.

6 – Teatro Marcello

O Teatro Marcello é uma construção antiga, datada de 12 a.C., que originalmente serviu de anfiteatro, com cerca de 20.000 lugares. No século XVI a estrutura ganhou uma parte extra no topo, que servia como palácio. Hoje, o lugar recebe concertos durante o verão e pode ser visitado gratuitamente o ano inteiro. O endereço é na Via del Teatro di Marcello, próximo ao rio Tibre.

teatro-marcello

7 – Tome gelato como um local

Os gelatos italianos são maravilhosos, então nada melhor do que aproveitar a viagem para experimentar diferentes sabores e texturas. Algumas das lojas mais gostosas são aquelas menos conhecidas, que usam ingredientes naturais e frescos. Experimente os da Fatamorgana, que utiliza muitas frutas e sementes nas receitas, da Gelateria del Teatro, que explora os sabores cítricos, e da Gelateria dei Gracchi, com muito chocolate e esperiarias.

Fatamorgana Gelato: sorvetes de todas as formais, artesanais e deliciosos. Aqui a torta de chocolate Madagascar

Fatamorgana Gelato: sorvetes de todas as formais, artesanais e deliciosos. Aqui a torta de chocolate Madagascar

Melhores hotéis de Roma:

Sobre onde ficar em Roma (veja aqui minha lista de melhores hotéis em Roma), eu, particularmente, gosto de ficar na região da Fontana di Trevi, Panteão, Piazza di Spagna, del Popolo e Navona.

Entre as piazzas di Spagna e Popolo,  a dica é o Hotel de Russie, onde nos hospedamos. O hotel é impecável, com quartos enormes com vista para a Via del Babuíno e Piazza del Popolo, um jardim interno que abriga um restaurante sofisticadíssimo e spa. A decoração do hotel mistura referência da moda e design, e vale dizer que aqui se hospedaram  personalidades como Picasso e  Stravinskij.

onde-ficar-em-roma-hotel-de-russie2

Um dos quartos do hotel de Russie

hotel-de-russie

E a vista da varanda

Outro hotel que eu adoro é a Casa Modelli (Fontana di Trevi), que além de quartos, tem apês completos pra quem viaja com família (tem até Netflix). As amenities são da Ferragamo.

onde-ficar-em-roma-casa-modelli

Charme e aconchego da Casa Modelli

Sobre Seguro Viagem para a Europa:
O seguro viagem é indispensável para qualquer destino fora do Brasil, ainda mais para a Europa, que exige a contratação da cobertura mínimo de € 30.000 euros por pessoa. Nós sempre escolhemos a GTA assist, pois ela já está a anos no mercado, com rede credenciada de hospitais.

Chip internacional internet ilimitada:

Nós usamos sempre o chip da easysim4u. Acho ele prático porque você compra pelo site e ele é entregue na sua casa, já configurado. Você só precisa chegar no destino e colocá-lo no celular. Além disso, acho que o preço compensa.

Juju na Trip
Siga!

Juju na Trip

Gabriela Temer é jornalista, Rico Sombra é fotógrafo, e juntos eles viajam pelo mundo com a filha Juju em busca de boas histórias e muita aventura. Uma família vivendo o melhor da vida! Juntos, já rodaram por mais de 40 países, e querem conhecer muitos outros.
instagram @jujunatripblog
youtube.com/jujunatrip
facebook.com/jujunatrip
Juju na Trip
Siga!

Últimos posts por Juju na Trip (exibir todos)

Comentários