logo

Telefone: (11) 3024-9500

Salta é pedaço encantador do norte da Argentina | Qual Viagem Logo

Foto por Istock/  morgansilvia

Salta é pedaço encantador do norte da Argentina

17 de outubro de 2016

Localizado no norte da Argentina, Salta é um lugar encantador, que abrange paisagens e belezas bucólicas entre o verde exuberante da floresta e o vermelho intenso dos Vales Calchaquíes. Andando pelas ruas da cidade é possível identificar a cultura e tradições que são preservadas até os dias de hoje, seja na culinária ou em festivais. O norte argentino guarda lugares para todos os gostos, e atrações que atendem às vontades dos fiéis religiosos, dos voluntários e também dos exploradores em vida no campo e aventura.

O lazer e bem-estar em Salta é garantido em meio a natureza, seja através da aventura ou da relaxante vida no campo. Essa última oferece uma experiência sem igual ao lado dos animais, pesca e elaboração de queijos e pães. Já o turismo de aventura conta com atividades radicais como cavalgadas, 4×4, rafting, trekking, montanhismo, moutain bike, kite buggy e canopy.

O destino conta com territórios que possuem todo o tipo de paisagens, desde a aridez do deserto da puna até o verde da selva. O rico ecossistema se manifesta nos três parques nacionais: Baritú, Los Cordones e El Rey, onde coexistem a selva cultural e a paisagem agreste de altura. A observação das aves é uma das atividades que podem ser realizadas em territórios de paisagens verdes.

Foto por istock/ David Storm

Foto por istock/ David Storm

O Parque Nacional Baritú se destaca na fauna com grandes mamíferos como o huemul (cervo), uma espécie em extinção. Já no Parque Los Cordones, a planta mais importante é o Cardón – diz a lenda que a planta abriga indígenas que protegem da presença do mal. E no Parque Nacional El Rey, é possível observar espécies ameaçadas de extinção.

Salta também oferece viagens de incentivo para grupos pequenos ou médios, que permitem conhecer todos os lugares. A viagem pode oferecer aos turísticas os atrativos imperdíveis de Salta, como o trem às nuvens, que tem 4.200 metros de altura e durante seu percurso de 217 km, se atravessa 29 pontes, 21 túneis e 13 viadutos pelas incríveis paisagens da Cordilheira dos Andes. Ou se preferir, conhecer o Museu da Videira e do Vinho, a Quebrada das Conchas – uma surpreendente formação rochosa; o Tolar Grande onde é possível observar os vulcões mais significativos da Província como o Llullaillaco e entre outros.

Uma das coisas que são preservadas em Salta até hoje, é a maravilhosa gastronomia, que vai desde as famosas empanadas, até os pratos gourmet mais elaborados. E assim como a culinária que é rica e cheia de histórias, os vinhos também são, já que são eles que completam as refeições.

Texto por: Caroline de Oliveira

Foto destaque por Istock/  morgansilvia

Comentários