logo

Telefone: (11) 3024-9500

Royal Caribbean terá novo maior navio de cruzeiros do mundo em 2018 | Qual Viagem Logo

m_b34-026-31-01-2017-5

Royal Caribbean terá novo maior navio de cruzeiros do mundo em 2018

17 de março de 2017

A Royal Caribbean lançou a pedra fundamental das obras do novo Terminal A do Porto de Miami, que em breve receberá o maior e mais novo navio de cruzeiros do mundo, o Symphony of the Seas. Ele e seu “gêmeo”, o Allure of the Seas, vão se unir em Miami a partir de novembro de 2018 para oferecerem experiências inesquecíveis pelo Caribe, acrescentando destinos até então inéditos para navios da classe Oasis, como Basseterre, St. Kitts & Nevis.

As viagens inaugurais do Symphony of the Seas para roteiros na Europa e Caribe já estão disponíveis para vendas no mercado brasileiro. Já os itinerários do Allure of the Seas na temporada de 2018-2019 serão disponibilizados no final do mês de março. “Líder de mercado entre os brasileiros que fazem cruzeiros no exterior, a Royal Caribbean mantém sua posição com investimento maciço em qualidade e inovação. O novo Symphony of the Seas vem reforçar a Classe Oasis, que é a preferida dos turistas brasileiros”, conta Ricardo Amaral, CEO da R11 Travel, distribuidora exclusiva dos cruzeiros da Royal Caribbean no Brasil.

m_b34-023-10-01-2016-18

Foto por Divulgação / Royal Caribbean

O Symphony of the Seas, 26º navio da frota da Royal Caribbean, será entregue em abril de 2018 e passará sua temporada inaugural de verão explorando o Mediterrâneo, visitando os portos de Barcelona e Palma de Maiorca, na Espanha; Provença, na França; e Florença, Pisa, Roma e Nápoles, na Itália. Em novembro de 2018, chegará a Miami para dar início aos itinerários de sete noites dos roteiros Leste do Caribe e Caribe Ocidental. O Symphony of the Seas navegará para o Caribe a partir do novo Terminal A, de última geração, batizado de “Coroa de Miami”.

O Symphony of the Seas reivindicará para si o título de maior – e mais aventureiro – navio de cruzeiros do mundo. Ele oferecerá 28 cabines a mais do que o Harmony of the Seas, também da Classe Oasis da Royal Caribbean e que, hoje, é o maior navio do mundo.

A Coroa de Miami (“Crown of Miami”), um terminal de 51.800 m², será a estrutura de cruzeiros mais inovadora dos Estados Unidos. Ele deve gerar uma receita de US$ 500 milhões e criar 4.000 postos de trabalho. A Royal Caribbean prevê transportar pelo menos 1,8 milhão de passageiros no porto de Miami, representando 30% do tráfego de passageiros projetado para o porto.

Mais informações em: royalcaribbean.com.br

Texto por: Agência com edição de Patrícia Chemin

Foto destaque por: Divulgação / Royal Caribbean

Comentários