logo

Telefone: (11) 3024-9500

Roteiro religioso se destaca na capital paulista | Qual Viagem Logo

Foto por Istock/ filipefrazao

Roteiro religioso se destaca na capital paulista

8 de dezembro de 2017

Você sabia que, no Brasil, cerca de 4,4 bilhões de dólares são movimentados por ano em viagens motivadas pela fé? A informação dada pela secretária Nacional de Qualificação e Promoção do Turismo, Teté Bezerra, que apresentou os números em um evento em Portugal, chama a atenção.

Quando se fala em turismo religioso, logo se pensa em Aparecida, no interior de São Paulo, ou Juazeiro, no Nordeste, e no Círio de Nazaré, em Belém. Mas além dessas cidades bastante conhecidas pelas atrações religiosas, a grande maioria de nossas capitais possui inúmeras igrejas, monumentos e museus que contam a história do país por meio da fé.

Exemplo disso é São Paulo. A capital paulista, principalmente em sua região central, guarda diversos atrativos que atraem tanto o turista vindo de fora, quanto os moradores, que a cada passeio descobrem um novo cantinho imaculado.

Foto por Istock/ jaboticaba

Foto por Istock/ jaboticaba

O roteiro religioso pela cidade é bastante acessível, já que boa parte dos pontos importantes estão próximos às estações de metrô e tem entrada gratuita ou com uma pequena taxa.

Preparamos uma rota especial para os visitantes conhecerem o que a cidade tem de melhor neste quesito. Sendo religioso ou não, temos certeza que você vai se encantar com esses lugares. Confira:

Foto por Istock/ jaboticaba

Foto por Istock/ jaboticaba

Saindo da estação Tiradentes do metrô, a primeira parada é o Museu de Arte Sacra. Localizado no complexo do Mosteiro da Luz, o espaço reúne mais de 18 mil peças do acervo de dom Duarte Leopoldo e Silva, incluindo imagens, pinturas e pratarias que datam desde o século 16 até os dias de hoje. Outro destaque no museu é o acervo de presépios.

No mesmo complexo encontra-se o túmulo de Frei Galvão, na capela em sua homenagem. E graças ao primeiro santo brasileiro, que participou do projeto de construção do mosteiro, as freiras distribuem, até hoje, suas famosas pílulas milagrosas.

Foto por Rubens Chiri

Foto por Rubens Chiri

A segunda parada é a Paróquia Armênia Católica, que chama a atenção de quem passa com sua arquitetura diferente. Além disso, as missas são todas celebradas em armênio. Como a própria estação de metrô remete, a região tem forte presença dessa cultura e, por isso, do outro lado da rua, há a Igreja Apostólica Armênia São Jorge, que abriga uma cruz de pedra típica do país.

Ainda na Avenida Tiradentes, quase em frente à Estação da Luz, o terceiro destaque desse roteiro é a Igreja de São Cristovão. Construída em 1856 e restaurada em 2001, a igreja faz homenagem ao santo padroeiro dos motoristas. Segundo a lenda, aquele que olha para a imagem do santo passa o dia protegido. A igreja recebe peregrinos de todos os lugares, inclusive caminhoneiros, taxistas e motoristas.

Foto por IStock/ filipefrazao

Foto por IStock/ filipefrazao

Além dos atrativos que podem ser visitados a pé, é possível estender o passeio embarcando no metrô. Saindo da Luz, as próximas paradas, São Bento e Sé, abrigam os principais pontos de turismo religioso da cidade: Catedral da Sé, Igreja e Convento de São Francisco, Igreja da Ordem Terceira do Carmo e Mosteiro de São Bento.

Onde ficar

Foto por Divulgação

Foto por Divulgação

O hotel Ramada Encore São Paulo Tiradentes, localizado entre as estações de metrô Armênia e Tiradentes, é uma ótima opção para se hospedar enquanto explora o roteiro religioso da cidade. Recém-inaugurado, o empreendimento oferece 179 apartamentos, distribuídos em seis andares, além de gastronomia diferenciada com bar temático, pizzaria e um descolado espaço de convivência, o “The Hub”, com internet wi-fi cortesia e um mercadinho express.

Mais informações: verthoteis.com.br

Texto por: Eliria Buso

Foto destaque por Istock/ filipefrazao

Comentários