logo

Telefone: (11) 3024-9500

Roteiro 5 dias Riviera Maya e Isla Mujeres | Qual Viagem Logo

roteiro-mexico

Roteiro 5 dias Riviera Maya e Isla Mujeres

12 de dezembro de 2019

Mar azul de doer os olhos, cenotes, ruínas maia, vida marinha abundante. A Riviera Maya e Isla Mujeres são o paraíso da província de Yucatán, na costa caribenha do México. Nós fomos para esse paraíso, amamos e montamos agora para vocês um roteiro de 5 dias por Quintana Roo, com atividades indispensáveis como o MUSA e o Cenote Dos Ojos, além de cerimônias xamãs na selva e ruínas maias.

Onde ficar em Riviera Maya e Isla Mujeres

Sugiro uma base no continente e outra ne Isla Mujeres, que vale mais tempo do apenas que um bate-volta.

Em Isla Mujeres, a primeira parada, ficamos no Palace Mujeres. A estrutura é ótima, os quartos são claros, bem decorados e grandes, e o hotel tem uma praia particular bem tranquila.

Ele não fica no centro de Isla, mas a ilha tem apenas 7km, então acaba que tudo é próximo. Mas, se quiser estar no meio do buxixo, indicamos o Mia ou o Icaco.

Um dos melhores resorts na Riviera Maya o Hard Rock Café Riviera Maia, a 30 minutos de Playa Del Carmem, onde ficamos. O hotel é ótimo, em piscina natural de salgada (que é enorme), 4 restaurantes (all inclusive e de gastronomia elaborada) e a mesma quantidade de bares. Os quartos são amplos, bem iluminados e confortáveis, alguns com vista para o mar. Ficamos na presidencial, um duplex com sala, cozinha, quarto e um enorme terrado com hidro.

Se preferir ficar em Tulum, recomendamos o charmoso Papaya Playa Project, com bangalôs de frente pro mar, o Habitas e o Be Tulum Beach & Spa Resort.

Roteiro Riviera Maya e Isla Mujeres: Hotel Hard Rock.

Roteiro Riviera Maya e Isla Mujeres: Hotel Hard Rock.

Onde ficar na Riviera Maya: vista do Hotel Hard Rock.

Onde ficar na Riviera Maya: vista do Hotel Hard Rock.

Dicas Isla Mujeres: Dia 1 – Chegada em Isla Mujeres

O primeiro destino do roteiro é a ilhota de Isla Mujeres, que fica a 13 km da costa. O acesso é somente por ferryboat, partindo do Puerto Juarez, no centro de Cancún.

A empresa que faz a travessia é a Ultramar e o valor é de $130 pesos mexicanos o trecho. Para se l0comover pelos 7 km de extensão da ilha, indicamos os carrinhos de golfe, que custam US$45 por 8 horas ou US$55 por 24 horas.

O mar de Isla Mujeres

Chegando lá, deixe as malas no hotel e vá explorar o centrinho de Isla, que é um charme só. São só duas ruas principais, com várias ruelas transversais com lojinhas, bares e empresas de mergulho. Se quiser escolher um artesanato para levar de lembrança, recomendamos a Hidalgo (negocie sempre o valor, dá para conseguir bons descontos).

O centrinho de Isla Mujeres é todo colorido. Achamos uma graça!

O centrinho de Isla Mujeres é todo colorido. Achamos uma graça!

Uma parte da Avenida Hidalgo: melhor lugar para comprar artesanato

Uma parte da Avenida Hidalgo: melhor lugar para comprar artesanato

Para ir a noite, o centrinho também é uma pedida. Muitos restaurantes tem música ao vivo, salsa principalmente, e a decoração das ruas é toda com luzes penduradas.

Recomendamos por aqui o Mayan Beach Club, com pé na areia. Não deixe de pedir a Piña Colada, que é uma delícia.

Melhor camarão que já comi: Mayan Beach Club

Melhor camarão que já comi: Mayan Beach Club

O que fazer em Isla Mujeres: Dia 2 – MUSA e Parque Garrafón

Dois passeios são indispensáveis e únicos em Isla Mujeres, o MUSA e o Parque Garrafón.

O primeiro é o famoso museu subaquático, com várias estatuas colocadas no fundo do mar azul para conservar a vida marinha local. Ele fica à 20 minutos da costa e só pode ser visitado com empresas especializadas.

Fomos com a Scuba Garrido, um empresa bem estruturada com equipamentos para diferentes experiências de mergulho e snorkel. Se quiser chegar perto das estátuas, vá de cilindro, já que com o snorkel só dá para ver as esculturas de longe.

O ideal é fazer o mergulho Discovery, uma espécie de batismo e prática para mergulhar. Os valores são 90usd para certificados; 120usd o mergulho discovery, e 45usd para apenas snorkel.

Nosos mergulho no MUSA

Nosso mergulho no MUSA

Irís, dive master incrível da Scuba Garrido

E ainda sobra tempo pra curtir uma relax

De tarde, quando voltar para Isla Mujeres, continue curtindo o mar turquesa da ilha indo até o Garrafón Isla Mujeres.

As atividades incluem caiaque transparente, tirolesa e snorkel. É ótimo inclusive para ir com crianças. A entrada custa US$ 53 por pessoa. PORÉM: desaconselho todas as atividades com animais no parque, como nada com golfinho. É cruel.

Dá pra acreditar nesse azul do Garrafón? Esse pontinho azul somos nós de caiaque

Dá pra acreditar nesse azul do Garrafón? Esse pontinho azul somos nós de caiaque

Riviera Maya Cancun: Dia 3 – Parque Dos Ojos

Acorde com calma, tome um café reforçado e siga para a Riviera Maya. Tire a manhã para se instalar no hotel, agora no continente, e conhecer o Parque Dos Ojos na parte da tarde.

São 5 cenotes no complexo, todos abertos ao público. Os principais são o Dos Ojos – que se trata, na realidade, de dois ligados por túneis subterrâneos – e o Jaguar.

O Jaguar, um cenote aberto que parece um lago.

Cada um deles tem um preço separado para entrar. O Jaguar, que é aberto e tem até um tirolesa, custa US$12 por pessoa,.

Já o Dos Ojos, que fica em cavernas semiabertas, custa US$17. Ambos valem muito a pena a visita.

Dicas Riviera Maya: o cenote Dos Ojos

Dicas Riviera Maya: o cenote Dos Ojos

Se quiser uma experiência ainda mais completa, sugerimos fazer a trilha aquática, que passa por túneis nos cenotes, explora as cavernas cheias de estalactites e acaba em uma caverna de morcegos.

O valor por pessoa é de US$30 e é preciso ir com guia.

A trilha aquática que fizemos no cenote Dos Ojos, passando por galerias e finalizando em uma caverna.

A trilha aquática que fizemos no cenote Dos Ojos, passando por galerias e finalizando em uma caverna. Imperdível

Dia 4 – Caleta Yalku

Como atividade diferente na Riviera Maya, indicamos conhecer a caleta Yalku, que fica entre Playa Del Carmem e Tulum.

O lugar é o encontro do mar com um cenote de água doce, formando uma espécie de lago de cor esmeralda. A visibilidade, muito cristalina, faz um lugar um ótimo ponto para praticar snorkel.

Nós fomos com a Aventuras Maya, que tem uma base e uma entrada exclusiva na caleta, e foi bem bacana porque não estava muito cheio. Além do snorkel, o passeio deles inclui tirolesas e rapel em cenote.

Mas uma dica importante: informe-se com a empresa de turismo para saber sobre a maré. Se estiver alta, a água fica mais turva.

A caleta Yakul

Já na parte da tarde, siga para o parque ecológico Xel-Há, que fica a 20 minutos de carro de Yalku. O complexo tem um extenso aquário natural para fazer snorkel, tirolesa, algumas cavernas para explorar, bicicletas para andar pelo parque e espreguiçadeiras para relaxar.

É diversão para toda a família e ocupa a tarde toda. A entrada custa a partir de US$99 para adultos e US$49 para crianças, incluído no preço o almoço livre, bebidas não alcoólicas, bicicletas e equipamentos aquáticos.

Dia 5 – Parque Arqueológico de Coba

Para fechar o roteiro com chave de ouro, um dia reservado para conhecer o Parque Arqueológico de Coba e o povoado maia de Pacchán, que para mim foi uma das experiências mais diferentes e especiais da viagem.

O complexo tem a segunda pirâmide mais alta do norte de Yucatán, com 120 degraus (que dá para subir), e adorei o fato de podermos explorar todo o parque – onde há diversas outras ruínas – de bicicleta.

O passeio dura o dia inteiro, porque depois das ruínas, a gente segue para um povoado Maia de Pacchán, no meio da selva.  E achei um dos passeios mais marcantes de toda a nossa viagem.

Esse povoado ocupa uma área de 30 mil hectares de floresta preservada, com 5 cenotes, e recebe passeios (com poucas pessoas) feitos pelo empresa All Tour Native. Chegando lá, a gente faz uma pequena trilha e se depara com o primeiro dos cenotes, sobre o qual foi erguida uma ponte suspensa.

cerimonia xama em quintana roo

Cerimônia xamã em Quintana Roo

Mais uma do cenote em Pacchán

Depois do cenote, encontramos com o xamã para uma cerimônia de limpeza espiritual. Eles explicam que, para os maias, os cenotes são a conexão com o mundo dos mortos, e que por isso precisamos da limpeza.

É que a atividade seguinte é o rapel em um outro cenote da propriedade, esse localizado dentro de uma caverna. A única forma de acessá-lo é descendo e subindo pelas cordas.

A experiência é mágica, e continua depois, com um almoço feitas pelas mulheres do povoado. Para terminar, ficamos curtindo a natureza na beira de outro cenote!

O passeio custa US$139 por pessoa.

Seguro viagem internacional no México

Importantíssimo ter seguro viagem internacional, mesmo que o país não exija dos visitantes. Nós sempre contratamos a cobertura da GTA Assist, que é uma empresa consolidada no mercado, com ótimas opções de produto e assistência médica.

No entanto, dá para compara preços e diferentes pacotes pela Seguros Promo, que funciona como um buscador. O site é bem organizado e didático, mostrando a cobertura de cada opção e os melhores valores. É só colocar os dados da viagem e comparar.

Como se locomover pela Riviera Maya

Carro é sempre a melhor opção para se locomover por aqui, porque as distâncias são longas e não há transporte público para todos os lugares. Em Cancún, o ônibus funciona, mas para fora da cidade complica.

Só fique atento à polícia, que tenta arrancar um $ dos turistas. Para ver os melhores valores, e alugar online, recomendamos e sempre usamos os sites rentalcars ou  rentcars para compara preços dos carros e fazer o aluguel.

Leia também:

Roteiro 10 dias Cancún, Tulum e Riviera com Cozumel e Mujeres

Roteiro 6 dias Cancún e Riviera Maya

Dicas de Cancún: onde ficar, o que fazer e onde comer

Onde ficar em Cancún: hoteis para todos os bolsos

O novo México: Riviera Nayarit e Puerto Vallarta

Juju na Trip
Siga!
Últimos posts por Juju na Trip (exibir todos)

Comentários