logo

Telefone: (11) 3024-9500

O que você precisa saber da maravilhosa Riviera Maia! Logo

riviera-maia-ruina

Riviera Maia – Entenda Cancún e os arredores paradisíacos!

28 de janeiro de 2017

Um dos lugares mais visitados por brasileiros no México é Cancún. Ok, é de fato um paraíso em termos de praias com águas azuis e cristalinas. Mas se você já pesquisou um pouco mais a respeito pode ter ficado em dúvida de sobre onde ficar na Riviera Maia: Cancún, Playa del Carmen ou Tulum?

Vamos entender:

Cancún é basicamente uma cidade com resorts, spas, centros comerciais, restaurantes internacionais e shoppings. Tem praias de águas incríveis e a melhor maneira para você se locomover ali é de carro.

Playa del Carmen é mais democrática e aconchegante. Construções menores, praia mais extensa ( e menos cristalina) e uma rua de pedestres ótima para caminhar, fazer compras, fechar passeios e comer em lugares mais baratos.

Tulum, ouso dizer, é uma espécie de Trancoso mexicana. Menorzinha, cheia de pessoas alternativas, muitos jovens e com um clima bem descontraído.

Na minha ida até lá acabei me hospedando na Playa del Carmen, e, honestamente, achei a melhor escolha! Ela está localizada entre Cancún e Tulum, então é uma ótima opção para visitar os esses dois lugares, além de outras praias (menos famosas) e cenotes ao redor que podem e devem ser incluídas no roteiro. Aí fica a teu critério.

Ponto importante: Alugue um carro – site. Para se locomover entre uma praia e outra e, principalmente entre as cidades, estar de carro facilitará demais sua vida. Sim, há outras opções, fique tranquilo. Mas digo pro experiencia própria que você ficará muito mais a vontade.

Dica 2: Se alugar um carro, fique atento ao controle de velocidade. Ali você paga multa mesmo ou é pego por policiais e terá que morrer.. digamos, em alguns dólares.

Quer mais dicas? Dê uma olhada no post do pessoal do Viagens e Caminhos com roteiro de 6 dias na Cidade do México!

Quantos dias ficar:

Eu fiquei 5 dias nessa região. Foi suficiente? Foi… Assim, eu ficaria mais. Mas pude conhecer o que mais queria até porque a grana não estava sobrando, pois já tinha passado uma semana da Cidade do México. O ideal seria 7 dias, porque aí você conhece tudo com calma e amplia seu roteiro na Riviera Maia.

 

Onde Ficar em Playa del Carmen

Eu fiquei hospedada no Hotel Playlingua del Carmen pela localização. É uma escola de línguas que também é hotel. Não sei se de fato recomendo ele, principalmente porque o café da manhã deixou muito a desejar. Então, minha sugestão é que procurem com calma. Chegando lá vimos que a concentração de hotéis e pousadas nessa região é grande, então tem para todos os gostos e bolsos. Vale uma procurada aqui! Prefira perto da praia ou da movimentada Quinta Avenida. Mas se você preferir ficar em um hotel all inclusive, dizem que os de Cancún vale muito mais a pena…

Cancún

Separe um dia para dar uma volta e conhecer as praias lindíssimas de lá, que estão a 68 km da Playa del Carmen. Quando fui, o dia estava um pouco nublado mas mesmo assim a cor da água era inacreditável. Não me aguentei e dei um mergulho na Playa Delfines, umas das maiores e mais famosas de lá.

 

riviera-maia-cancun

 

Depois conheci a Playa Las Perlas, sem ondas e menorzinha, ótima para quem gosta de mar tranquilo ou para quem está com crianças.

riviera-maia-perlas

Playa del Carmen

A cidadezinha é pequena, uma parte mais de residências locais e outra mais turística e movimentada, perto da praia. A praia é extensa e alguns pontos com uma cor tão linda quanto a vizinha Cancún. Mas honestamente, todos os dias que passei por ali achei ela muito cheia. Mas aí junta alguns fatores: sol e dias quentes, faixa de areia pequena, alta temporada. Então era querer demais mesmo que ela estivesse ali só pra mim. Mas eu queria… rsrs

riviera-maia-carmen

 

Mas é uma praia gostosa, cheia de jovens, esportes na areia, música e vários quiosques prontos para fechar seu passeio até a Isla de las Mujeres. Na Quinta Avenida, paralela à praia, você encontra bares interessantes para uma cerveja gelada, bons restaurantes, lojas e arte pela rua que só passa pedestre. Mesmo que você passe dias caminhando por ali, parece que sempre tem algo a mais pra conhecer ou degustar. Aliás, recomendo o  El Diez e La Bodeguita del Medio. Vá de olhos fechados e pça uma margarita no primeiro e um daikiri no segundo 😉

Tulum

Tulum está a 62 km da Playa del Carmen, ou seja, a 128 de Cancún. É daquelas cidades que mistura história com beleza natural paradisíaca, sabe? A praia mais famosa e maior da cidadezinha é a Playa Maya com um azul inacreditável e poucas ondas.

 

riviera-maia-tulum

 

 

É movimentada mas não estava lotada (fui em dezembro) e para mim a melhor região para ficar na praia é depois do km 5. Logo atrás está a Ruína Maia de Tulum, na verdade parte dela. É linda, bem acessível e explicativa e ainda conta com uma vista incrível das águas azuis. É preferível chegar cedo para evitar o sol rachando na cabeça e a quantidade de turistas ao longo do dia.

 

riviera-maia-ruina

 

 

Nessa região tem também as ruínas de Cobá e Chichén Itzá, mas como não era possível encaixar nos meus dias por lá, não cheguei a conhecer. Mas se você tiver tempo, dizem que é um passeio obrigatório.

A vida noturna em Tulum é mais parada, não espere grandes coisas por lá. Aliás, quando for sair para comer a noite, não deixe para ir muito tarde pois corre o risco de pegar apenas alguns bares e poucos restaurantes abertos. O ideal é ir até as 21 horas.

Redondezas e Surpresas

Acho que minhas grandes descobertas foram nas redondezas de Tulum e Playa del Carmen, desbravando a Riviera Maia.

 riviera-maia-cenote

 

>>> Para acompanhar as belíssimas descobertas, CLIQUE AQUI.

Luisa Galiza

Colunista em Leve na Viagem
Apaixonada por viagens, fotografia e natureza, além de especialista em Gestão Cultural e adepta de uma alimentação saudável, criou o Blog Leve na Viagem para inspirar, dar dicas de roteiros e compartilhar bem-estar pelo mundo.

Instagram: @levenaviagem
www.levenaviagem.com.br
Luisa Galiza

Comentários