logo

Telefone: (11) 3024-9500

Primeira pirâmide do Egito é atração na cidade de Saqqara | Qual Viagem Logo

Pyramid of Djoser (Stepped pyramid), an archeological remain in the Saqqara necropolis, Egypt. UNESCO World Heritage

Primeira pirâmide do Egito é atração na cidade de Saqqara

30 de abril de 2019

A mais misteriosa e antiga entre todas as pirâmides do Egito, com certeza é a de Djoser. De acordo com alguns egiptólogos foi erguida especialmente para ser o sepulcro do Faraó Djoser, durante o século XXVII a.C, por seu vizir Imhotep, considerado o primeiro engenheiro e arquiteto da história do Egito – persona que inspirou o filme “A Múmia”. O complexo funerário está localizado em Saqqara, a necrópoles de Memphis, que fica a cerca de 30 quilômetros da cidade do Cairo.

Foto via iStock por Arthitpix

Foto via iStock por Arthitpix

O local definitivamente não foi criado para os vivos. Moldado por diversos degraus e com 62 metros de altura, era o túmulo mais alto da época. Em seu interior foram encontradas várias galerias, além de corredores e salas com cerca de 40 mil vasos de alabastro, granito, ardósia e outros materiais, o que faz pensar que os motivos de sua construção são outros além de um grande complexo funerário.

Foto via iStock por Leonid Andronov

Foto via iStock por Leonid Andronov

Para chegar até a pirâmide é necessário entrar em um enorme portal, seguir por um corredor rodeado por 40 colunas e somente no final encontrar o sepulcro de Djoser. Acredita-se que esse caminho foi feito para que as almas não se perderem.

Saqqara tem outros atrativos além de Djoser, como a Pirâmide de Unas, famosa por ser a primeira a ter textos funerários entalhados em suas paredes, conhecidos como Textos da Pirâmide. Dentro das tumbas existem rituais, orações e cânticos destinados a guiar o rei morto em seu caminho para o outro mundo.

Foto via iStock por officek_ki

Foto via iStock por officek_ki

Não muito longe dali está o Mosteiro de São Jeremias, que data construção no final do século 5 d.C, época em que se iniciou a propagação do cristianismo pelo Egito e posteriormente pelo mundo.

Outra atração que deve ser inclusa no roteiro é a Pirâmide de Teti, considerada historicamente a segunda mais conhecida da região. Escavações revelaram uma pirâmide de satélite, duas pirâmides de rainhas acompanhadas por estruturas de culto e um templo funerário.

Foto via iStock por Hannah Bryant

Foto via iStock por Hannah Bryant

A tumba de Mereruka, genro e vizir de Teti é um dos diversos destaques de Saqqara. O complexo conta com 33 câmaras cheia de relevos, que remontam à dinastia 6º e mostra muitas cenas de pesca, caça e do dia a dia do povo da época.

Texto por Carolina Berlato

Imagem Destacada via iStock por Meinzahn

Comentários