logo

Telefone: (11) 3024-9500

Ponta do Mel e Areia Branca: belezas desconhecidas no litoral potiguar | Qual Viagem Logo

Foto por Setur/ RN

Ponta do Mel e Areia Branca: belezas desconhecidas no litoral potiguar

4 de janeiro de 2016

A Costa Branca, região litorânea pouco conhecida dos turistas do sul, fica no litoral norte potiguar. É tradicional produtora de sal do estado e oferece cenários deslumbrantes, com imensas dunas, enormes falésias, praias desertas, com faixa de areias douradas e extensas na maré baixa.

Foto por Setur/ RN

Foto por Setur/ RN

A praia de Ponta do Mel, no município de Areia Branca, apresenta uma peculiaridade: é exatamente nesse ponto da costa do estado do Rio Grande do Norte, distante 250 km de Natal, que o sertão vai de encontro ao mar, criando um cenário exótico, com enormes falésias de terra avermelhada , vegetação da Caatinga, como Cactus gigantes, e animais típicos desse tipo de região, como cabras, ovelhas e jegues.

O núcleo urbano de Ponta do Mel possui menos de 6 mil habitantes. Tipicamente praieiro, o povoado tem apenas algumas ruas calçadas, o restante é de terra batida, com sol escaldante e céu azul na maioria dos dias.

A pousada Costa Branca, situada numa falésia, tem uma estrutura de hospedagem que reúne conforto  e uma vista panorâmica da enseada da Ponta do Mel que convida ao ócio contemplativo.

Já o município de Areia Branca, abriga o porto ilha que escoa a produção de sal da região. Estando lá, vale visitar as belas e quase desertas praias de Cristóvão, Redonda e Morro Pintado,  igualmente belas e desconhecidas.

Vizinha a Ponta do Mel,  a praia do Rosado e suas majestosas dunas, impressionam pelas variedade de cores de suas areias fofas, num cenário que lembra o deserto marroquino e por isso foi usado para gravar algumas cenas da novela o Clone, grande sucesso da rede Globo, no ano de 2002.

Foto por Setur/ RN

Foto por Setur/ RN

Programa sua visita e conheça além dessas belas praias a cidade de Mossoró considerada a capital da região. Quem desejar ainda fazer um tour pelo passado pode visitar Lajedo de Soledade e conhecer um pouco mais da história dos homens que habitavam a região há milhares de anos.

Texto por: Cláudio Lacerda Oliva

Foto destaque por Setur/ RN

Comentários