logo

Telefone: (11) 3024-9500

Páscoa em Israel permite participação de pessoas do mundo inteiro | Qual Viagem Logo

Foto por Holy City VR

Páscoa em Israel permite participação de pessoas do mundo inteiro

8 de abril de 2020

A Páscoa de 2020 será diferente para o mundo todo. Com o avanço do coronavírus, muitos países estão seguindo as recomendações da OMS (Organização Mundial da Saúde) e restringindo a circulação de pessoas. Para os católicos, o domingo de Páscoa reúne a família para celebrar a ressurreição de Jesus Cristo e, mesmo para quem não é religioso, esse domingo costuma ser especial por estar junto a seus familiares, mesmo que seja somente para trocar ovos de chocolate. Em Israel, além das celebrações católicas, na semana que antecede a Páscoa católica e na seguinte, é celebrado o Pessach, conhecido por aqui como Páscoa Judaica, e que também é um momento de reunião familiar.

Nesse novo cenário, maneiras alternativas de celebrar foram encontradas. Os israelenses judeus deverão comemorar somente com as pessoas que moram na mesma casa e os católicos encontraram na Internet uma maneira de se aproximar de seus entes queridos, com transmissões ao vivo de missas e celebrações.

Missas católicas online

As liturgias na Igreja do Santo Sepulcro foram reduzidas ao mínimo, mas algumas celebrações serão transmitidas online pelo Christian Media Center. A de Domingo de Ramos foi transmitida também pelo Facebook, em inglês e outras línguas. A programação completa da Semana Santa está disponível. A Custódia da Terra Santa também lançou uma peregrinação virtual. Durante a Semana Santa, a iniciativa de “oração digital” permitirá que os fiéis que falam francês rezem com os cristãos da Terra Santa. Há também alguns grupos de oração em português.

Jerusalém em realidade virtual

Foto por Noam Chen/Ministério do Turismo de Israel

Foto por Noam Chen/Ministério do Turismo de Israel

Sagrada para as 3 principais religiões monoteístas – judaísmo, cristianismo e islamismo – Jerusalém vai inaugurar uma atração imersiva no Museu da Torre de David. Por conta do coronavírus, a abertura da The Holy City Experience foi adiada, mas as gravações serão disponibilizadas online como um filme imersivo. Por meio de realidade virtual, os pontos mais sagrados da cidade serão apresentados em seus dias mais sagrados. Entre 9 e 24 de abril (primeiro dia do Pessach, passando pelo domingo de Páscoa e até o primeiro dia do Ramadã), pessoas do mundo todo podem aproveitar gratuitamente a experiência de estar na Cidade Velha de Jerusalém pelo site do Museu da Torre de David no conforto de suas casas (assista ao trailer da experiência).

 

Pessach, a Páscoa Judaica

Na tradição judaica, esse período de oito dias – que se início na primavera em Israel – comemora a libertação dos hebreus da escravidão no Egito e é a data mais celebrada do calendário judaico, servindo para lembrá-los da importância de continuar a luta pela liberdade em cada geração. O Pessach também é conhecido informalmente como Páscoa Judaica, apesar de não ter nenhuma relação com a católica. A única semelhança é a celebração de família.

 

Esse ano será diferente, com cada um celebrando em sua casa, em grupos familiares menores. Mas, normalmente, a primeira noite, durante o jantar cerimonial de Seder na quarta-feira, é um momento chave e abre o feriado religioso que dura até a quinta-feira seguinte que, em 2020, acontece entre 8 e 16 de abril. No período, nada de alimentos fermentados, só se pode ingerir o pão ázimo (ou matsá, em hebraico). Nas duas primeiras noites de Pessach, a família é reunida para a realização do Seder quando a história do Êxodo é relatada.

Texto por: Agência com edição Eliria Buso

Foto destaque por Holy City VR

Comentários