logo

Telefone: (11) 3024-9500

Ministro do Turismo participa da abertura da Destination Brazil Travel Mart | Qual Viagem Logo

13224173_10209371851514133_561340690_o

Ministro do Turismo participa da abertura da Destination Brazil Travel Mart

18 de maio de 2016

PORTO DE GALINHAS – Começou hoje, dia 18, em Porto de Galinhas, município de Ipojuca (PE), a primeira edição da Destination Brazil Travel Mart – evento que substitui a antiga BNTM -, que reúne aproximadamente 200 operadores de turismo (buyers) de 20 países – a maioria da América do Sul e Europa. O objetivo é mostrar o potencial turístico que o Nordeste brasileiro oferece. Durante dois dias serão realizadas capacitações profissionais e rodadas de negócios no hotel Armação, oportunidades em que os profissionais poderão conhecer todas as possibilidades turísticas da região.

Operadores da América do Sul são maioria entre os convidados, com destaque para os da Argentina, Chile e Uruguai – principais emissores para o destino. Entre os europeus, os portugueses são os maiores emissores de turistas para o Nordeste. Holanda, França e Espanha aparecem na sequência como fortes mercados de interesse no Velho Continente. Também estão presentes 120 suppliers de toda região e a estimativa dos organizadores é de um retorno financeiro de R$ 200 milhões em negócios.

O evento é uma realização da Associação dos Hotéis de Porto de Galinhas (AHPG) e do Porto de Galinhas Convention & Visitors Bureau, com patrocínio da Secretaria do Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco. O ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, participou da abertura e demonstra a importância do Nordeste para o turismo nacional.

De acordo com o ministro, o governo precisa investir mais no segmento. “Turismo é emprego e o potencial turístico no Brasil é incalculável. Mas, enquanto for desvalorizado isso não vai mudar. E o fato de ser o penúltimo ministério em termos de arrecadação orçamentária só demonstra isso. No último ano, tivemos apenas 6 milhões de visitantes no País contra 66 milhões, por exemplo, da Espanha. Esses números demonstram como todo esse potencial está sendo mal utilizado”, afirmou.

Também participaram da solenidade de abertura, Camilo Simões (secretário de Turismo de Recife), Nelson Pelegrino (presidente da CTI Nordeste), Marcos Tiburtius (presidente da AHPG), Felipe Carreras (secretário de Turismo de Pernambuco), Paulo Câmara (governador de Pernambuco), Carlos Santana (prefeito de Ipojuca) e Simone Santana (deputada estadual e primeira-dama de Ipojuca).

Após revitalização de suas atrações, o foco agora é trazer o turista para a região Nordeste, que como um todo rivaliza com São Paulo e Rio de Janeiro. O que comprova isso é que nos últimos tempos durante a crise e a alta do dólar, entre os turistas que deixaram de viajar para o exterior, 46% escolheram o Nordeste como destino de escolha, contra 24% do Sudeste. Em 2015, a região recebeu 31 milhões de visitantes, teve 1 milhão de trabalhadores com carteira registrada e gerou mais de R$ 30 bilhões em receitas.

Atualmente, Porto de Galinhas é o principal destino do turismo pernambucano. Muito diferente de pouco mais de 20 anos atrás, quando o balneário era somente uma isolada vila de pescadores. Tudo mudou com o número cada vez maior de hotéis e resorts de renome.

Texto e fotos por: Fábio Maia

O repórter viajou a convite da Associação dos Hotéis de Porto de Galinhas – AHPG e do Porto de Galinhas Convention & Visitors Bureau; voando LATAM Airlines; e com a proteção do seguro-viagem April Brasil.

Comentários