logo

Telefone: (11) 3024-9500

Madeira reabre para turistas internacionais a partir de julho | Qual Viagem Logo

Panoramic view of Funchal, the capital city of Madeira island, Portugal

Madeira reabre para turistas internacionais a partir de julho

2 de junho de 2020

A partir do dia 1º de julho, as ilhas da Madeira e Porto Santo reabrem suas fronteiras para receberem viajantes internacionais. Com isso, e para garantir a segurança de turistas e residentes, passa a solicitar a apresentação de um exame com resultado negativo para o Covid-19, realizado em até 72 horas antes do desembarque. O governo da Madeira também irá oferecer testes aos passageiros que não portarem o exame, que será realizado no momento da chegada e sem nenhum custo.

Essa medida faz parte da estratégia do Turismo da Madeira focada em se posicionar como um destino seguro com relação ao Covid-19, trabalhada em conjunto com a SGS, multinacional suíça líder em inspeções e certificações, garantindo boas práticas para minimizar os riscos de contaminações pelo novo coronavírus. A Madeira também lançou um processo de certificação de segurança sanitária que está disponível para todos os estabelecimentos relacionados ao segmento de turismo e foi pioneira em Portugal ao desenvolver um documento de boas práticas para lidar com a pandemia.

A previsão é de que, até 1º de julho, a maioria dos estabelecimentos turísticos já estejam em funcionamento. Desde o dia 15 de maio, o governo local já havia estabelecido um corredor seguro entre suas principais ilhas, que liberou passageiros que viajam entre as ilhas da Madeira e Porto Santo, seja de avião ou barco, das restrições e obrigatoriedade de quarentena. Além disso, a praia de Porto Santo foi oficialmente a primeira da Europa a ser reaberta ao público.

O Arquipélago da Madeira registou um baixo número de infectados e agiu com rapidez para controlar o vírus em seu território, assim como o restante de Portugal, país amplamente reconhecido por suas ações com relação ao combate ao surto. A região teve apenas 90 infectados, dos quais 76 já estão recuperados. Não houve nenhum óbito.

Mais informações em: madeiraallyear.com

Texto por: Agência com edição de Patrícia Chemin

Foto destaque por: iStock / FevreDream

Comentários