logo

Telefone: (11) 3024-9500

Hveravellir é oásis no deserto da Islândia | Qual Viagem Logo

Pool with boiling geothermal water at Hveravellir is actually in the heart of Iceland.

Hveravellir é oásis no deserto da Islândia

8 de outubro de 2019

Escondida entre duas grandes geleiras, Hveravellir é uma das áreas geotérmicas mais populares da Islândia. O local costuma ser o principal ponto de parada de quem visita Hofsjökull e Langjökull, dois dos maiores glaciares do país. Ambas estão situadas nas Highlands, região que concentra diversos atrativos naturais de beleza única e é conhecida como ‘deserto gelado’.

Foto via iStock por MLiberra

Foto via iStock por MLiberra

Apelidada de “The Hot Spring Fields”, Hveravellir proporciona um verdadeiro mergulho na natureza. Situada a 650 metros acima do nível do mar, a água flui juntamente com o desgelo dos glaciares, formando uma piscina natural que oferece temperaturas entre 18° e 39°.

Ao redor, fumarolas efervescentes, piscinas de lama multicoloridas e belas fontes termais azuis que podem chegar a uma temperatura de 100° compõem uma paisagem peculiar. Para completar o cenário, há o campo de lava de Kjalhraun, onde podem ser feitos passeios de cavalo ou a pé.

Foto via iStock por NanoStockk

Foto via iStock por NanoStockk

Apesar de poder ser visitada durante o ano todo, a melhor época para conhecer a região é durante o inverno, quando as geleiras estão bem branquinhas e os rios congelados. Para deixar a experiência ainda melhor, espere para ver a aurora boreal, fenômeno natural comum nas Highlands da Islândia.

Existem apenas seis acomodações em Hveravellir, que variam entre albergues e pousadas e um pequeno acampamento. Por ser uma zona ambiental protegida, calçados especiais precisam ser utilizados e uma taxa de 500 ISK é cobrada para quem deseja utilizar estacionamento e banheiros.

Foto via iStock por Tsuguliev

Foto via iStock por Tsuguliev

A região geotérmica também está próxima do Círculo Dourado, uma das rotas turísticas mais visitadas do país. O roteiro inclui visitas ao Parque Nacional Thingvellir, a Cachoeira Gullfoss e ao Great Geysir. A partir desse caminho, é possível fazer um bate e volta até Hveravellir.

Texto por Carolina Berlato

Imagem Destacada via iStock por Fyletto

 

Comentários