logo

Telefone: (11) 3024-9500

Estações de neve no Chile anunciam datas e novidades para temporada de inverno | Qual Viagem Logo

chillan

Estações de neve no Chile anunciam datas e novidades para temporada de inverno

3 de junho de 2019

Com a chegada dos primeiros flocos de neve, aumentam as expectativas sobre a agenda das estações, que já estão se preparando para uma temporada de sucesso.

ANTILLANCA

Temporada de esqui: 15 de junho – 15 de outubro

Não bastasse ser uma das principais estações de esqui do Sul do Chile, Antillanca fica localizado na encosta de um dos mais belos vulcões chilenos: o Casablanca, no meio do Parque Nacional Puyehue. A 98 quilômetros da cidade de Osorno, o Centro de Esqui de Antillanca tem como destaque a possibilidade de prática do esporte de inverno fora das pistas tradicionais – a geografia do vulcão permite que esquiadores experientes descubram novos locais com bons declives para descidas extremas, em uma área conhecida como uma das mais radicais do país para snowboard.antillanca

Bom também para famílias, o centro turístico de Antillanca propõe atividades de ecoturismo e de aventura, como escaladas, passeios por grutas vulcânicas e trekking pela floresta de araucárias do sul do Chile, onde as árvores, enfeitadas pela neve durante o inverno, formam um belo cenário para fotos.

Localização: Cerca de 98 km de Osorno (1h40 de carro)

CORRALCO

Temporada de esqui: 22 de junho – 13 de outubro

Dentro da Reserva Nacional Malalcahuellos e no meio de uma densa floresta de araucárias de mais de mil anos, fica o centro de esqui de Corralco, a 2,3 mil metros de altitude e na encosta do vulcão Lonquimay. Com 31 pistas, o ponto alto de lá é a qualidade da neve (considerada uma das melhores para esquiadores experientes) e a exclusividade: o local conta com pistas menos cheias, o que possibilita uma melhor experiência para aqueles que querem ter mais tranquilidade durante a prática do esporte.

Para a temporada deste ano, a estação anunciou que estreará seu sétimo teleférico, ao lado do elevador Cornice, que atualmente leva os visitantes de sua base ao meio da montanha. Além de ampliar a capacidade da estação para 800 esquiadores por hora e tornar mais rápido o transporte dos esportistas, o novo lift se destaca por funcionar mesmo em dias em que as condições de vento e neve não sejam as mais favoráveis, o que certas vezes forçam o fechamento do Cornice – ou seja, permitirá que Corralco continue aberta ao público mesmo quando as condições climáticas não forem das melhores.

Localização: Cerca de 130 km de Temuco (2h de carro)

EL COLORADO

Temporada de esqui: (sem data exata – depende das condições climáticas)

Com mais de 1.200 hectares de terreno esquiável, El Colorado, estação de esqui que completou 70 anos em 2018, é uma das principais do circuito de centros de inverno nos arredores de Santiago. Dentre as novidades para este ano destaca-se a abertura de uma nova pista, voltada aos esquiadores mais experientes – com extensão de 2.500 metros, ela é voltada para equipes de treinamento, mas também pode ser utilizado pelos clientes da estação durante a temporada de inverno.

A escola do local também prepara novidades para este ano, sendo uma delas é um novo programa introdutório de esqui básico que será incluído nas opções do local, se destacando pelo valor acessível (apenas 10 mil pesos chilenos, pouco mais de R$ 50). Outros novos serviços incluem programas premiumcom aulas de estilo livre (fora das pistas tradicionais). Já na área gastronômica, El Colorado anunciou que abrirá um novo terraço do restaurante Olimpo , localizado a 3.100 metros de altura.

Localização: Cerca de 50 km de Santiago (de 1h a 1h30)

FARELLONES

Temporada de esqui: (sem data exata – depende das condições climáticas)farellones

Farellones é um caso à parte dentre as estações de esqui na região central chilena: o local se posiciona como um centro de entretenimento na neve para toda família com todos os tipos de atrações, e não exclusivamente para a prática de esqui e snowboard. Com a ajuda da proximidade (cerca de 1h de Santiago), o local é ideal para famílias com crianças, especialmente aqueles que querem ter uma ótima experiência no primeiro contato com a neve, já que diversas atividades são oferecidas no local.

Neste ano o centro deve ficar ainda mais atrativo para pais com seus filhos: será aberto nesta temporada um novo mini-parque com cinco estações de brincadeiras voltado para os pequenos de divertirem na montanha. Já na área gastronômica, Farellones revelou que contará com 13 food trucks distribuídos em diferentes locais do centro, ampliando a variedade culinária do local. Graças as novidades, a expectativa é que 150 mil pessoas visitem a estação de neve nesta temporada de inverno.

Localização: Cerca de 45 km de Santiago (1h)

LA PARVA

Temporada de esqui: (sem data exata – depende das condições climáticas)

Junto de um pitoresco vilarejo no meio da neve da Cordilheira dos Andes, La Parva tem uma história curiosa: foi construído originalmente como um refúgio para guerras, mas posteriormente tornou-se um dos centros de esqui mais visitados por turistas do Chile. A proximidade de Santiago (cerca de 50 quilômetros) ajuda em sua popularidade, além de suas 40 pistas de todos os níveis – iniciantes a partir de três anos podem fazer aula por lá.

É na escola do centro, chamada Golondrinas, que fica a principal novidade da estação para este ano: renovado, o espaço passou a contar com um novo centro para turistas, permitindo aos visitantes alugar equipamentos, adquirir passes e escolher as aulas que farão em um único lugar. Um novo restaurante faz parte ainda das mudanças para este ano, enquanto os shows noturnos de fogos de artifício e as descidas com tochas durante a noite, que criam um belo espetáculo luminoso, continuam como tradição do La Parva.

Localização: Cerca de 50 km da capital Santiago (1h de carro)

NEVADOS DE CHILLÁN

Temporada de esqui: 28 de junho – 30 de setembro

O Centro de Esqui Nevados de Chillán é um dos mais completos do país. O local é conhecido mundialmente pela excelente qualidade de sua neve e particularmente pela beleza de seus arredores. Os destaques incluem fontes termais vulcânicas, grandes extensões de mata nativa e uma vista panorâmica de neve e montanhas. Possui uma área de esqui de 10 mil hectares, adequada para todos os tipos de esportes de inverno – além de esqui, snowmobile, randonnée, passeios de trenó e cross country são praticados por lá. São mais de 30 pistas, incluindo a Três Marias, a mais longa da América do Sul, com 13 km de extensão.

A grande novidade de lá para este ano é a reabertura do Grand Hotel Thermas de Chillán, empreendimento de alto luxo que desde o ano passado passa por uma longa reforma de todos os seus ambientes, que foram totalmente repaginados. Ainda não se tem muitos detalhes de como o icônico hotel ficará, sendo garantido apenas que ele deve reabrir em junho.

Localização: Cerca de 180 km de Concepión (2h30 de carro)

PORTILLO

Temporada de esqui: 22 de junho – 5 de outubro

Localizado a pouco mais de 150 quilômetros de Santiago, no coração da Cordilheira de Los Andes, Portillo é o centro de esqui mais antigo da América do Sul. A estação, que fica na beira do belo Lago del Inca, conta com quatro hotéis de diferentes as categorias e tem como destaque uma piscina aquecida ao ar livre com vista para as belas montanhas andinas.portillo-2

A novidade para este ano é que, com um custo total de US$ 3,5 milhões, o centro de esqui de Portillo acrescentou 25 novas máquinas automáticas de fabricação em neve, que atenderão no total 10 hectares e nove pistas (na última temporada os equipamentos cobriam apenas parte de três pistas). Isso deve assegurar as boas condições para o esqui do início ao fim da temporada. Melhorias foram feitas também no Hotel Portillo, o de mais alto padrão do local – os apartamentos familiares dos 3º, 4º e 5º andares acabam de ser renovados e estão com nova decoração.

Localização: Cerca de 150 km del Santiago (2 hrs de carro)

VALLE NEVADO

Temporada de esqui:  21 de junho – 27 de setembro

Dono da maior área esquiável do hemisfério sul dividida em 34 pistas, e maior centro de esqui do Chile, o Valle Nevado é hoje uma das estações preferidas dos brasileiros para curtir o inverno na neve – na temporada de 2018, 15% de todos os visitantes eram brasileiros (45 mil). Ser a estação mais alta do Chile também dá uma posição privilegiada para o local. De novidade, o Valle Nevado anunciou que neste ano, além das já tradicionais aulas de esqui e snowboard, oferecerá também caminhadas com raquetes de neve e aulas de randonnée, espécie de marcha na neve, com instrutores qualificados e bilíngues.

No longo prazo, a estação já anunciou que deve estrear seu Bike Park em dezembro, aproveitando o terreno e o design de suas pistas também durante o verão – o Valle Nevado passará a ficar aberto no ano inteiro e será um destino não só de esqui, mas também de diversas modalidades de ciclismo.

Localização: Cerca de 70 km de Santiago (1h30 de carro)

Texto por: Agência com edição Eliria Buso

Fotos: Divulgação

Comentários