logo

Telefone: (11) 3024-9500

10 erros de brasileiros ao falar inglês numa viagem | Qual Viagem Logo

DID YOU SAW

10 erros de brasileiros ao falar inglês numa viagem

6 de novembro de 2015

“Eu falar português, você bonito. Nós todos falar errado”. A gente ri e tira sarro dos gringos que parecem homens das cavernas falando a nossa língua. Mas a verdade é que não olhamos para o nosso próprio umbigo: somos iguais. Brasileiro tem sotaque na pronúncia – é fácil detectar um de nós no exterior – e tem manias no inglês que só nós temos.

Até que a gente se vira bem

Numa viagem internacional, até somos entendidos no improviso, mas para os nativos, o nosso sotaque e jeito de falar é mais ou menos como o deles tentando falar a nossa língua. Conjugam errado, comem verbos, ocultam sujeitos e outras manias da gramática nativa que interferem no aprendizado de outro idioma. Confira os erros gramaticais, de coerência e de pronúncia que deixam óbvia a origem brasileira e confundem os gringos numa viagem.

1. HAVE

Um dos maiores erros cometidos pelos brasileiros é a substituição de Have pelo verbo Haver/Ter em português. Formulam frases do tipo “I have 20 years old” (ao invés de I am). “Have two boys in my classroom”: esse é um dos erros mais elementares, mas também mais cometidos – usar o Have no lugar de There is ou There are pode deixar os nativos extremamente confusos.

2. DID + PASSADO

Quando usam o did, o passado do verbo “to do” na língua inglesa, é incorreto usar o verbo principal no passado. Frases como “Did you saw that movie?” são comuns entre os brasileiros, que fazem confusão com os tempos verbais. Mas isso não é exclusividade dos brasileiros: boa parte das pessoas que aprendeu o “To do” no passado comente o mesmo erro até pegar no tranco e ser automático.

>>>Continue lendo a lista aqui

 

Comentários