logo

Telefone: (11) 3024-9500

Entre queijos e museus em Gruyères, na Suíça Logo

Foto por Istock/  bluejayphoto

Entre queijos e museus em Gruyères, na Suíça

11 de maio de 2016

Gruyères, na Suíça, tem fama por dois motivos: o primeiro deles, bastante óbvio, é o queijo, e o segundo, seu castelo. E a cidadezinha medieval, seja por seus atrativos, quanto por seu charme, vale uma visita!

Foto por IStock/ StphaneLemire

Situada no alto dos alpes friburguenses, o lugar com pouco mais de dois mil habitantes tem um dos castelos mais famosos de toda a Suíça. Hoje, o castelo que data do séc. XIII funciona como museu de arquitetura, história e cultura regionais.

Ao lado do castelo, está um museu bastante diferente, o Musée HR Giger, em homenagem ao artista homônimo internacionalmente conhecido. H.R. Giger é um dos mestres incontestáveis do realismo fantástico.

E se o interesse é por cultura, há ainda, no centro da cidadezinha, o Museu do Tibet, com mais de 300 esculturas budistas, pinturas e obras de rituais de diferentes regiões do Himalaia.

Estando em Gruyères, nada melhor do que aproveitar para conhecer mais sobre o queijo famoso, certo? Lá, é possível conhecer uma queijaria e entender mais sobre sua fabricação. Melhor ainda é prova-lo, não é mesmo? Sair de uma viagem à cidade sem experimentar um fondue típico ou ainda uma saboroso raclete de Gruyères.

Foto por IStock/ Dmitry Chulov

Foto por IStock/ Dmitry Chulov

Para conhecer a cidadezinha, é importante saber que lá não se entra de carro. Com lojinhas, restaurantes e cafés – estando num deles, não deixe de provar um autentico chocolate quente suíço – o destino atrai por seu charme e beleza que rendem boas caminhadas e muitas fotos!

Texto por: Eliria Buso

Foto destaque por Istock/  bluejayphoto

Comentários