logo

Telefone: (11) 3024-9500

Em Congonhas (MG), as quitandas são as atrações no mês de maio | Qual Viagem Logo

captura-de-tela-2018-01-18-__s-12-17-44

Em Congonhas (MG), as quitandas são as atrações no mês de maio

15 de fevereiro de 2018

Sempre no terceiro domingo de maio, a cidade histórica de Congonhas, a 75 km de Belo Horizonte, recebe o tradicionalíssimo Festival da Quitanda. São quase duas décadas desse evento que resgata a culinária mineira e os deliciosos quitutes produzidos nas mais variadas cidades de Minas Gerais. É uma oportunidade ímpar para os turistas conhecerem de perto a riqueza da gastronomia mineira, que tem influências europeias e indígenas, numa fusão incrível de aromas, texturas e sabores.

Riqueza de sabores

Tem pão, tem bolo, tem cubu na folha de bananeira, tem tortas doces e salgadas, tem pão de queijo recheado, tem rocambole, tem chá, caldo e até cachaça, caso você precise espantar o frio. Nos dias, 19 e 20 de maio próximo, a cidade de Congonhas recebe a 18ª edição do Festival da Quitanda.

Foto por

Foto por Eliane Gouvea

Quem passar pela Romaria, centro cultural localizado junto ao conjunto arquitetônico das obras de Aleijadinho e do belíssimo Museu, vai reviver um cenário de vida no campo, com quitutes, dança do congado, apresentações folclóricas e muita música sertaneja. Talvez nesse ano a festa não seja realizada diretamente nas dependências da Romaria, em função do início de revitalização e readequação das obras do PAC do Turismo.

Foto por

Foto por Eliane Gouvea

Caldos e violas

A festa começa no sábado com a Noite de Caldos e Violas. Para espantar o frio, serão servidos diversos tipos de caldos sempre com apresentação da mais tradicional música sertaneja de raiz.

Já no domingo, 20, será montado um cenário de antigos armazéns no local, com mais de 60 quitandeiras de Congonhas e de cidades da região, que servem quitutes tradicionais da culinária mineira. As grandes estrelas da festa serão o chá de congonha e o cubu, que são oferecidos  gratuitamente aos visitantes durante o evento, junto com um caderno de receitas do festival.

Foto por Divulgação

Foto por Divulgação / Prefeitura Municipal de Congonhas

O evento gastronômico e cultural também vai premiar as melhores iguarias. Durante o evento, 30 jurados especializados entre chefes de cozinha, professores de gastronomia, donos de restaurantes e designers vão eleger a “Prata da Casa” (melhor quitanda de Congonhas), a melhor “Quitanda Regional”, a “Quitanda Comércio Especializado”, que é a melhor iguaria dentre as padarias, confeitarias e supermercados participantes, e o prêmio de “Melhor Stand” para ornamentação.

Para animar a festa, haverá apresentação de grupos de Congado, da Corporação Musical Senhor Bom Jesus, e outras atrações que ainda serão confirmadas.

Artesãos de Congonhas também terão um espaço reservado para expor e vender suas obras de arte. O objetivo, de acordo com o presidente da Fundação Municipal de Cultura, Lazer e Turismo de Congonhas, Sérgio Rodrigo Reis, é regatar a cultura dos quitutes mais tradicionais de Minas Gerais e das cidades vizinhas, além de oferecer ao produtor local a oportunidade de vender seus produtos de maneira direta à população e às centenas de turistas de outros estados que irão visitar a “Cidade dos Profetas” nesses dias do evento.

Festival da Quitanda

19 de maio (sábado), a partir das 21h – Noite de caldos e Violas

20 de maio (domingo), a partir das 9h – 18º Festival da Quitanda

Local a ser definido – Congonhas/MG

Mais informações em: congonhas.mg.gov.br

Texto por: Cláudio Lacerda Oliva

Foto destaque por: Divulgação / Prefeitura Municipal de Congonhas

Comentários