logo

Telefone: (11) 3024-9500

Descubra a melhor época do ano para visitar as Sete Maravilhas do Mundo | Qual Viagem Logo

Taj Mahal in sunset light, Agra, India

Descubra a melhor época do ano para visitar as Sete Maravilhas do Mundo

20 de setembro de 2019

Visitar as Sete Maravilhas do Mundo moderno é definitivamente algo a ser adicionado à sua lista de desejos. Elas têm fascinado historiadores e viajantes com histórias sobre como e por que foram criadas, em alguns casos há milhares de anos. Pensando nisso, a Booking.com, líder do mercado digital de viagens que conecta os viajantes com opções incríveis de lugares para ficar, além de uma variedade de experiências imperdíveis e opções fáceis de transporte, revela onde se hospedar e a época mais econômica do ano para visitar cada uma dessas maravilhas. Explore e descubra a verdadeira magia destes patrimônios e maravilhas conhecidos mundialmente.

Petra – Wadi Musa, Jordânia

Foto via iStock por outcast85

Foto via iStock por outcast85

Este famoso sítio arqueológico da Jordânia data do ano 300 a.C. e costuma ser conhecido como a “Cidade Rosa”, por conter templos e túmulos esculpidos nas falésias de arenito rosa. Um ponto turístico muito visitado é o Al Siq, que pode ser acessado através de um estreito cânion. Não deixe também de explorar Petra à noite, já que o ambiente remete à atmosfera dos contos de fada com a luz de velas e o céu estrelado. Os dados da Booking.com indicam que o mês mais caro para viajar para Wadi Musa e visitar Petra é outubro e o mês mais acessível é agosto, 22% mais barato.

Onde se hospedar: O Petra Guest House Hotel é ideal para viajantes que querem explorar a antiga cidade de Petra, já que o hotel é localizado bem na entrada. O Cave Bar está situado em uma residência Nabateia do século I restaurada, apresentando uma fusão de especialidades árabes e europeias em um ambiente ao ar livre.

Coliseu – Roma, Itália

Foto via iStock por Anton Aleksenko

Foto via iStock por Anton Aleksenko

O Coliseu, também conhecido como Anfiteatro Flaviano, é o maior anfiteatro já construído. Feito de concreto e areia, foi construído em 72 d.C. pelo Imperador Vespasiano. No auge, ele recebia entre 50 e 80 mil espectadores e era usado para combates entre gladiadores ou corrida de bigas. O Coliseu foi um presente do imperador para o povo romano e é uma das maiores construções da Roma antiga, simbolizando poder e glória. A Booking.com revela que o mês mais caro para viajar para Roma e visitar o Coliseu é em maio. Já fevereiro é o mês mais barato, com 39% de diferença no preço. As principais recomendações dos viajantes da Booking.com para Roma incluem passeios turísticos, história e gastronomia.

Onde se hospedar: o charmoso Vatica B&B Roma combina antigo e novo com uma decoração elegante. Aproveite ao máximo sua casa longe de casa com quartos espaçosos, banheiro privativo e um café da manhã fresquinho diariamente.

Taj Mahal – Agra, Índia

Foto via Istock por Sean3810

Foto via Istock por Sean3810

O Taj Mahal é uma obra-prima admirada no mundo todo, construído entre 1631 e 1648 pelo imperador Shah Jahan para guardar os restos mortais de sua querida esposa. Este mausoléu é todo revestido em mármore branco e atrai visitantes de todos os lugares do mundo com sua beleza estonteante. Os dados da Booking.com revelam que o mês mais caro para viajar para Agra e visitar o Taj Mahal é novembro, enquanto setembro é o mês mais barato, com uma diferença de 32% no preço. As principais recomendações dos viajantes da Booking.com para Agra incluem passeios, pontos turísticos antigos e história.

Onde se hospedar: situado em Agra, o requintado The Coral Court Homestay está localizado a uma curta distância do Taj Mahal. O Coral Court oferece serviço de aluguel de carro, uma ótima opção para explorar os arredores, como o Forte de Agra e o Túmulo de Itimad-ud-Daulah.

Cristo Redentor – Rio de Janeiro, Brasil

Foto via iStock por dislentev

Foto via iStock por dislentev

Criado pelo escultor francês Paul Landowski e projetado pelo engenheiro brasileiro Heitor da Silva Costa, o Cristo Redentor é uma estátua de Jesus Cristo em Art Déco; sua construção começou em 1922 e durou impressionantes 9 anos. Porém, o projeto original era muito diferente do que conhecemos hoje, pois nele, Jesus segurava uma cruz e um globo terrestre. A estátua fica no topo do Corcovado e foi construída para simbolizar o Cristianismo no Brasil. Os dados da Booking.com indicam que o mês mais caro para viajar para o Rio de Janeiro e visitar o Cristo é em janeiro, já o mês mais barato é agosto, com uma diferença de 40% no preço.

Onde se hospedar: o charmoso cama e café (B&B) Casa Geranio dispõe de uma piscina ao ar livre, cercada de lindos jardins com árvores frutíferas e vistas deslumbrantes da cidade. Atrações famosas como o Pão de Açúcar e a Praia de Copacabana ficam a uma curta distância de carro.

Chichén Itzá – Valladolid, México

Foto via Istock por LRCImagery

Foto via Istock por LRCImagery

Construída pelos Maias, Chichén Itzá é um sítio arqueológico localizado em Yucatán e tem mais de 1500 anos. Acredita-se que as pirâmides e os templos eram utilizados para rituais religiosos para garantir a colheita. Os dados da Booking.com indicam que o mês mais caro para conhecer Chichén Itzá em Valladolid é em abril, enquanto o mês mais barato é setembro, com uma diferença de 24% no preço.

Onde se hospedar: como o próprio nome sugere, o Panorama B&B proporciona vistas panorâmicas e espetaculares da montanha e do rio, direto da varanda privativa. A acomodação fica a uma curta caminhada do mercado da cidade e, além disso, há uma lanchonete que oferece almoços para viagem, ideal para os dias de passeio à Machu Picchu e seus arredores.

Machu Picchu – Peru

Foto por Siempreverde22

Foto via iStock por Siempreverde22

Mergulhe na história e explore esse ícone de fascinação, mistério e beleza. Machu Picchu significa “Velha Montanha” no idioma quíchua e é uma cidadela inca localizada no alto dos Andes. Construída no século XV, Machu Picchu fica a aproximadamente 2.400 metros acima do nível do mar, com um território de mais de 300 quilômetros e sua origem exata ainda é um mistério. Os dados da Booking.com indicam que o mês mais caro para viajar à Machu Picchu é junho e o mês mais barato, fevereiro, com uma diferença de 21% no preço.

Onde se hospedar: como o próprio nome sugere, o Panorama B&B proporciona vistas panorâmicas e espetaculares da montanha e do rio, direto da varanda privativa. A acomodação fica a uma curta caminhada do mercado da cidade e, além disso, há uma lanchonete que oferece almoços para viagem, ideal para os dias de passeio à Machu Picchu e seus arredores.

Grande Muralha da China – Pequim, China

Foto via IStock por aphotostory

Foto via IStock por aphotostory

A Grande Muralha da China tem mais de 8.000 quilômetros e levaria impressionantes 18 meses para ser cruzada a pé. Com seus mais de 2.300 anos de história, a Muralha da China representa poder e união, sendo construída no ano 220 a.C. pelo primeiro imperador da China, Qin Shi Huang. Os dados da Booking.com revelam que o mês mais caro para viajar para Pequim e conhecer a Muralha da China é em agosto e o mês mais barato, fevereiro.

Onde se hospedar: O M Youth Space está localizado no centro de Pequim, a 5 minutos de caminhada do metrô e a uma curta distância de carro da região de Shichahai. Conheça outros viajantes no lounge compartilhado, enquanto beberica um chá ou café oferecidos como cortesia. As principais recomendações dos viajantes da Booking.com para Xicheng são transporte público acessível, arquitetura e centros históricos. A parte mais procurada da Muralha da China é Mutianyu, por ser totalmente restaurada e ficar a apenas 1h30 de carro de Pequim. Outra alternativa é utilizar o ônibus 877 de Pequim com destino à Badaling, seção mais visitada da Muralha da China, onde você pode encontrar teleféricos, um museu e um cinema com tela de projeção circular.

Mais Informações: www.booking.com

Texto por Agência com edição de Carolina Berlato

Imagem Destacada via iStock por Elena-studio

Comentários