logo

Telefone: (11) 3024-9500

Descubra a bela e intocada Folegandros, na Grécia | Qual Viagem Logo

Foto por istock/ milangonda

Descubra a bela e intocada Folegandros, na Grécia

30 de janeiro de 2019

Folegandros, uma pequena ilha banhada pelo Mar Egeu, vem surgindo como um novo destino para explorar o paraíso grego das Ilhas Cyclades. Com menos fama e badalação que Santorini ou Mykonos, o lugar é considerado um pedaço intocado da verdadeira Grécia, oferecendo aos seus visitantes a tradicional paisagem que combina casinhas brancas de portas azuis, ruelas de pedra e um mar verde esmeralda de tirar o fôlego.

Foto por Istock/ piccaya

Foto por Istock/ piccaya

A ilhota de 32 metros quadrados e apenas 700 habitantes é dividida, basicamente, em três áreas: Karavostassi, região portuária, Hora, a parte central, e Ano Meria, a área rural. Cada uma delas tem atrativos em terra e praias que chamam a atenção de quem passa por lá.

A começar por Karavostassi, a porta de entrada de quem chega pelas balsas ou barcos de outros destinos próximos como Santorini e Milos. É nessa parte da ilha que fica a maioria dos charmosos hotéis e restaurantes.

Foto por IStock/Socha

Foto por IStock/Socha

Já Hora, a parte mais requisitada pelos turistas, é fechada ao tráfego de veículos e abriga três belas praças conectadas por bares, tavernas e lojinhas, assim como o Kastro, uma fortaleza medieval do século XIII que se tornou o principal cartão-postal de Folegandros. Dentro do distrito há ainda as típicas casas brancas que ganham vida com suas janelas coloridas e portas emolduradas em azul.  Outro ponto importante da ilha fica a cerca de 15 minutos do centro: é a Igreja de Panagia (Virgem Maria). Localizada no alto da montanha – com um caminho em ziguezague quem muito lembra aquela paisagem do filme Mamma Mia – a igrejinha branca forma um cenário charmoso e perfeito para admirar um belo pôr do sol.

Foto por istock/ _creativedot_

Foto por istock/ _creativedot_

A terceira região é Ano Meira, o segundo maior assentamento de Folegandros, com paisagem diferente do restante da ilha. É ali que se concentram as casas de fazenda, tradicionalmente estruturadas com fornos, adegas e cisternas. Nos arredores da área rural também se encontram o Farol de Aspropountas, construção quase secular; e a Caverna de Chrysospilia, ou Caverna Dourada, que chama a atenção com seus 300 metros de profundidade e mais de 400 nomes e inscrições do século IV em suas paredes.

Em Ano Meira há ainda um pequeno museu dedicado ao folclore que conta o passado da ilha e apresenta as antigas práticas agrícolas da região.

Foto por Istock/ Jannick Tessier

Foto por Istock/ Jannick Tessier

A maneira mais prática de percorrer toda a ilha é de ônibus, já que este faz um trajeto que percorre – varias vezes ao dia – praticamente todos os pontos mais interessantes do lugar.

Praias

Foto por Istock/ maforke

Foto por Istock/ maforke

Apesar de pouco extensa, a faixa litorânea de Folegandros conta com diversas praias perfeitas para curtir dias de sol e mar sem o agito das ilhas mais badaladas. Isso também significa que há pouca estrutura nas faixas de areia, mas nada do que o sossego e a paisagem não compensem. As águas do Egeu são quentes e calmas e formam pequenas praias e baias paradisíacas. Algumas delas, tão inóspitas que só são acessíveis via barco. Entre as praias imperdíveis estão: Agali, Katergo, Abeli, Livadi e Agios Giorgios.

Gastronomia

Foto por Istock/ piccaya

Foto por Istock/ piccaya

A gastronomia de Folegandros é rica em massas artesanais e frutos do mar, além de contar com pratos doces típicos à base de laranja e amêndoas. Assumidamente mediterrânea, a culinária tem um toque gourmet arrojado, graças aos jovens chefs que dominam as cozinhas da ilha.

Onde comer

Agali

Zefiros Anemos

Onde ficar

Anemomilos
Solaris Hotel

Texto por: Eliria Buso

Foto destaque por Istock/ milangonda

Comentários