logo

Telefone: (11) 3024-9500

Conheça as atrações naturais imperdíveis do Arizona Logo

Foto por IStock/ tonda

Conheça as atrações naturais imperdíveis do Arizona

14 de dezembro de 2016

Para concorrer com o Grand Canyon, o Arizona ainda conta com diversas atrações da natureza. Localizado na parte norte do estado, o Lake Powell é um dos lagos mais conhecidos no mundo, que margeia a Reserva Nacional do Glen Canyon. A cidade mais próxima da região é Page, que fica em cima de um platô, o que possibilita que o turista tenha vistas panorâmicas do local. Paraíso dos amantes de esportes aquáticos, a região é conhecida por atrair turistas que querem alugar barcos, acampar e fazer trilhas.

Foto por Istock/ ronnybas

Foto por Istock/ ronnybas

Diversos tipos de modalidades podem ser praticadas, como canoagem, nado e, os mais populares, passeios de barco e pesca. É possível se hospedar em houseboats, ideais para apreciar a bela paisagem, aproveitar o sol e explorar o lago. São barcos de vários tamanhos e categorias, desde os mais luxuosos, que oferecem muito conforto, até os mais econômicos, para quem deseja gastar menos. São fáceis de operar e não é preciso que o turista tenha experiência em dirigir barcos ou mesmo uma licença de capitão.

Já o parque nacional da Floresta Petrificada está localizado no nordeste do Arizona, é um dos mais vibrantes e coloridos conjuntos de madeira petrificada, fósseis do período triássico tardio e sítios arqueológicos. Com panoramas que contam uma história de mais de 200 milhões anos do planeta terra e seus habitantes pré-históricos, a Floresta Petrificada é sem dúvida de uma beleza fascinante e que atrai muitos pesquisadores, geólogos e arqueólogos para estudá-la.

O Monument Valley é uma reserva entre os estados do Arizona e Utah, nos Estados Unidos, caracterizada pelo solo arenoso e enormes torres de arenito, que colorem a região em tons de vermelho. A iluminação natural também ajuda a criar a atmosfera local. Durante o verão, apesar do clima quente, a temperatura é amenizada pela aridez e alta altitude. O inverno é frio e ocasionalmente pode cair uma neve fina que derrete em um dia ou dois. Ele tem uma grande importância turística, não só pela beleza, como também por ter sido escolhido como cenário de filmes de faroeste por muitos cineastas de Hollywood.

Ao sul do estado fica o exuberante Deserto de Sonora, com seus cactos gigantescos, flores silvestres e com pores do sol que iluminam o horizonte em muitos tons de cores quentes. Ele está localizado na área de Tucson, Scottsdale e Phoenix, o que proporciona diversas facilidades para o visitante. Um dos maiores desertos da América do Norte, com uma área de mais de 300 mil km², tem alguns lagos de água quase todo o ano, que servem de fonte de vida para animais e habitantes e contrasta com o terreno seco.

Foto por Istock/ tiny-al

Foto por Istock/ tiny-al

O ecossistema atual do Deserto de Sonora foi formado cerca de 9.000 anos atrás. Seus vários níveis de altitude permitem uma grande diversidade de plantas e animais – mais de 3.500 espécies nativas – como coiotes, tartarugas do deserto e escorpiões. Os cactos saguaro são um ícone da região que apareceram cerca de 8.000 anos atrás.

Texto por: Eliria Buso

Foto destaque por IStock/ tonda

Comentários