logo

Telefone: (11) 3024-9500

Conheça 4 hotéis para praticar Birdwatching | Qual Viagem Logo

imagem_release_1626802

Conheça 4 hotéis para praticar Birdwatching

8 de março de 2019

O turismo de observação de pássaros é uma das paixões de turistas americanos e europeus. No Brasil, ele começa a atrair visitantes interessados em explorar a avifauna local e praticar esta fascinante atividade em meio à paisagens exuberantes. Conheça a lista de hotéis que oferecem a atividade em programas especiais:

Botanique Hotel & Spaimagem_release_1626667

Com 2 a 3 horas duração, em um entorno paradisíaco e muito propício à atividade, a caminhada para observar cerca de 350 espécies  requer alguns cuidados essenciais para que seja a mais proveitosa possível. A perneira para proteger contra eventuais serpentes, por exemplo, é item indispensável, bem como o bastão de apoio. No Botanique, hóspedes também contam com uma caixa de apitos que simulam cantos de pássaros e binóculos para usarem durante o passeio, que conta com a participação da bióloga Rita de Cassia. Incluindo um livro da Avifauna da Serra da Mantiqueira, com saídas às 6h ou 18h, por R$ 630,00 + taxas.

Shangri-La’s Rasa Ria Resort & Spa, Kota Kinabalu (Malásia)   imagem_release_1626804

O Hotel tem uma reserva natural com diversas atividades envolvendo a natureza, entre elas o Bird Watching em 4 modalidades, entre as quais destacam-se o Bird Watching no Capopy, com duas horas de duração sempre iniciando as 6:30h, com até 8 pessoas por grupo ou o Bird Watching noturno, com óculos de visão noturna, sempre iniciando às 19:30h também com duas horas de duração. Os valores por pessoa são de apenas R$ 50,00 de taxa de conservação do parque ambiental por pessoa.

Cristalino Lodge (Amazônia)  imagem_release_1626831

As excursões de meio período são focadas para os já praticantes da atividade. Os guias irão procurar as espécies endêmicas e os famosos bandos mistos, onde diversas espécies podem ser vistas em um mesmo local, com frequência alimentando-se de insetos. As trilhas percorrem diversos habitats, onde pode-se avistar as espécies especialistas de bambus, sub-bosque, margem dos rios e dossel. A duração ideal do programa é de 6 noites, e os valores variam de acordo com a temporada.

Refúgio Ecolócigo Caiman (MS)imagem_release_1626832

A atividade é oferecida o ano todo, mas o melhor período recomendado é entre fevereiro e junho, quando as águas estão começando a baixar e há uma grande concentração de aves nos lagos que estão secando, e em Setembro a Novembro, quando é a estação de reprodução. Um guia especializado nativo da região leva os grupos, que chegam a ver até 200 espécies diferentes em um programa com 5 dias de duração.

Texto por: Agência com edição Eliria Buso

Fotos: Divulgação

Comentários