logo

Telefone: (11) 3024-9500

Clara Resorts cria o Clara IN, o resort na sua casa | Qual Viagem Logo

Foto por Istock/ Halfpoint

Clara Resorts cria o Clara IN, o resort na sua casa

27 de março de 2020

Inovar é a palavra do momento na vida das pessoas, aproveitar os dias de uma forma favorável, em tempos em que, todas as famílias tenham que ficar reclusas em seus lares, nunca foi tão desafiador para todos. Entreter as crianças, por tanto tempo, não é uma atividade fácil, pois com os filhos em casa, muitos pais precisam usar a criatividade para divertir e educar os pequenos, durante a quarentena.

Com um desejo de levar um pouco de diversão e momentos de felicidades, assim como os de que quem se hospeda no Clara Ibiúna Resort ou no Santa Clara Eco Resort, durante esse período de quarentena, o Clara Resort vai apresentar uma programação nova todo dia, com conteúdo de bem estar,  receitas, shows e muita atividade para os todos, assim a diversão é garantida para a família toda.

Nós do Clara Resorts pensamos em uma forma de levar o resort para a casa das pessoas, nesse momento que não podemos receber os hóspedes, que são o coração do hotel, assim ainda podemos curtir e aproveitar juntos, mesmo estando separados, com atividades dos nossos monitores, lives com shows, receitas de alguns pratos que servimos aqui, aulas de bem estar e mais, relata Taiza Kruder, CEO do Clara Resort.

Outra atração imperdível é o poema ao sol, onde às 18h00, o gerente de lazer, Alexandre Sansão recita um poema ao pôr-do-sol direito do Santa Clara Eco Resort, atividade inspirada em na Casa Pueblo.

Alexandre ainda dá dicas de atividades para as famílias curtirem com os pequenos em casa. Podemos aproveitar esses dias difíceis que estamos passando, e os que ainda estão por vir, para unir a família e conhecer ainda mais os filhos, com atividades simples, gostosas e que ainda vão atiçar o imaginário das crianças, destaca o gerente de lazer do Clara Resorts.

1 – Plante algo em família – e se vocês fingissem ser fazendeiros? Pais e filhos juntos plantando um pé de alface em casa mesmo, uma semente qualquer em vaso de barro. Mas não vale pá: tem que colocar a mão na terra (e se ficar muito divertido, pintar a cara com o barro pode ser o momento mais legal!);

2 – Conte uma história usando objetos – Rodeados de objetos (brinquedos, peças de roupa, panos coloridos…) vá contando uma história. A criança vai escolhendo objetos e, a cada objeto escolhido, a personagem deve acrescentar o objeto à história. Coisas malucas e muito divertidas nascerão e serão contadas nessa criação em família!

3 – Pouse aviões de papel – Faça com as crianças aviões de dobradura de papel. Vale tudo: o modelo que conheceu quando criança ou mesmo o que a criança aprendeu na escola. Depois de pronto, pinte o avião (pode rabiscar, escrever o nome. O que vale é a criatividade de cada um). Espalhe objetos no espaço da brincadeira. O objetivo é pousar esse avião nesses objetos (vale almofada, balde, bambolê, qualquer coisa!). Para os mais velhos, pode haver até um número de pontos que dependerão da distância e/ou da dificuldade (objetos menores valeriam mais pontos, por exemplo).

4 – Crie Momentos mágicos – Imagine criar tarefas em um determinado tempo para todos na casa cumprirem? Deixe a imaginação tomar conta: A coisa mais engraçada da casa, o objeto que mais parece ter vida. Recrie o ambiente e transforme o lar em um local mágico. Ressignificar o ambiente pode ser a magia que precisamos!

5 – Crie um brinquedo – E se vocês criassem um brinquedo? Qualquer um! Da pra fazer bolinhas de meia e treinar malabares, com régua, caneta e papel criar um campo de Batalha Naval, ou com jornal em forma de bolinha, garrafa pet, cola e barbante dá pra fazer um bilboquê. Brincar é criar e recriar. Ajuda na imaginação e faz a gente lembrar (ou aprender) que nada nasce pronto. E é muito divertido brincar com o brinquedo que se viu nascer!

6 – Instagame – A criança não quer sair do celular? Tire fotos de vários lugares. A ponta de uma mesa, uma flor de uma árvore, o bico de um sapato, o centro da roda de um carro. Mande as fotos pra criança (ou dê o celular para ela) e oriente-a de achar o lugar. Ao encontrar, ela deve tirar uma foto dela ao lado do objeto. Da pra brincar até por whastapp! Nesse caso , você envia uma foto. Se ela achar o lugar, ela envia a foto e, só aí, você envia a próxima. Desse jeito ela corre e ainda pode ficar com o celular. Não é demais?

7 – Circuito Radical – Crie um circuito radical onde ela ande por cima de um barbante sem pisar no chão, passe por baixo de uma cadeira, faça zig-zag em garrafas espalhas (se você quiser inovar, amarre barbantes nas cadeiras e faça uma teia com ele. A criança tem que baixar igual uma cobra por baixo). Tudo pode ser um desafio, e você pode adaptar pra cada idade! Da pode brincar sozinha ou em grupo, desafiando o tempo dos amigos ou o próprio tempo. Ou o do adulto que preparou tudo, não é mesmo?

8 – Brinque de brincar – Na casa, na fazenda, num quarto, brinque. A brincadeira pura. Brincar de foguete debaixo de um lençol ou de consumidor no mercadinho que ela criou. Mas se entregue à brincadeira. De corpo, alma e coração. É assim que a gente conheceu o mundo, as coisas, a vida como é! Estar com crianças é sempre uma oportunidade de não se esquecer sobre as coisas. Reaprenda pelos olhos dela. Use a imaginação, reabra as portas do mundo da fantasia. Entre na piscina de terno e gravata. Materialize a felicidade.

 

Mais informações: clararesorts.com.br

Texto por: Agência com edição Eliria Buso

Foto destaque por Istock/Halfpoint

Comentários